Igreja

Ordenar Por:
  • Tristeza Moderna e a Acídia Medieval - Bruno Oliveira
    A modernidade padece de doenças da alma e na raiz delas está o esquecimento e o descuido do vício da acídia, uma espécie de preguiça estudada na Idade Média na qual prevalece a carne sobre o espírito. Embasado em bibliografia tomista e nos diagnósticos de autores modernos, é mostrado neste artigo o quanto o homem moderno se afasta da felicidade e sofre de acídia em diversos sintomas como o estranhamento de si próprio, a divagação pelas coisas proibidas, a angústia, a amargura, a indolência, o desespero, o niilismo, o suicídio, ou seja, como o homem moderno vê-se vazio e hospedeiro do mal.
  • O Semeador, o Plantio e os Grillos - André Roncolato Siano
     
  • A surpreendente convocação do Concilio - Lucia Zucchi
     O nonagenário Monsenhor Loris Capovilla, secretário do Papa João XXIII, deu ontem uma entrevista à Radio Vaticana, a respeito da convocação do Concílio Vaticano II, cuja abertura fará cinquenta anos daqui a alguns meses.
  • ´A missa nova é católica?` - Orlando Fedeli
    
    Tal mudança da Missa católica para um show missa dessacralizou o sacerdote e causou o êxodo de milhões de católicos para os cultos protestantes. Desse modo a pergunta do Professor protestante Siegwalt tem muito propósito: “Falta saber se a esse rito se pode chamar de Missa católica”.
  • Concílio Vaticano II criticado em congresso realizado em Roma - Marcelo Fedeli
    
    Contando com a significativa presença de dois cardeais, diversos bispos e ilustres monsenhores e sacerdotes, bem como com conhecidos leigos católicos, realizou-se em Roma, do dia 16 a 18 de dezembro último, um congresso com o tema: “O Vaticano II: um concílio pastoral. Análise histórica, filosófica e teológica"
  • A luz da tradição e o Concílio Vaticano II - Orlando Fedeli
    
    Se o Vaticano II precisa ser interpretado “à luz da Tradição”, então é melhor ir diretamente ao que ensina infalivelmente a Tradição. Em vez de citar o Vaticano II, e discutir em que sentido se deve entender o que ele diz de modo ambíguo ou polissêmico, devemos ir diretamente ao que ensina o Magistério infalível tradicional.
  • A batina de cem botões e a tiara - Ivone Fedeli
    
    Publicamos hoje duas traduções de notícias do site ultraprogressitas golias.fr; e fazêmo-lo com grande prazer. Porque, embora Golias tenha uma perspectiva que é o avesso da professada por nós, concordamos fundamentalmente com tudo o que essas notícias afirmam, bastando apenas notar que nos alegramos com o que os entristece e nos entristecemos com o que os alegra.
  • Sobre o futuro da Fraternidade Sacerdotal São Pio X (FSSPX) - Brunero Gherardini
    
    Publicamos hoje, traduzido do original italiano, o importante artigo de Mons. Brunero Gherardini a respeito do futuro da Fraternidade São Pio X. O relevo do artigo decorre não apenas da competência de Mons. Gherardini, um dos maiores especialistas nos problemas gerados pela interpretação dos documentos do Vaticano II, autor do livro Vaticano II: um discorso da fare, mas também da perspectiva apontada pelo eminente articulista, que vê no acordo com a Fraternidade São Pio X a “liberação de uma força compacta em torno da idéia e do ideal da Tradição, para que essa força possa operar não a partir do bunker, mas à luz do sol e como expressão viva e autêntica da Igreja”.
  • O Concílio e o terremoto na Igreja - Irene Bertoglio
    
    Se a sociedade civil sentiu os primeiros movimentos telúricos em 1968, a Igreja entrou no clima de revisão pelo menos 6 anos antes, com o Concílio Ecumênico Vaticano II, iniciado em 1962 e encerrado em 1965.
  • Nel paese delle meraviglie: la Gnosi burlesca della TFP e degli Araldi del Vangelo - Orlando Fedeli
    
    Oggi abbiamo pubblicato un riassunto dell'opera da noi scritta sulla dottrina segreta di Plínio Côrrea de Oliveira, e che imbeve, sia l'antica TFP, sia l'Istituto Pontificio degli Araldi del Vangelo
  • Liturgia: quem tiver olhos para ver que veja. - Ronaldo Mota
    
    Nos escritos de São Pedro Julião Eymard encontramos uma alma abrasada pelo amor ao Santíssimo Sacramento da Eucaristia. Entre tão belas meditações, encontramos uma que fazemos questão de expor aos nossos leitores.
  • Pergunta ao canonista, Sr. Edson Sampel, sobre a situação jurídica da Missa de Sempre - Emerson Chenta
    
    Sobre a carta do canonista Sr. Edson Sampel publicada e logo retirada do blog do Pe. Joãozinho
  • O último artigo redigido pelo Prof. Orlando: o estado de saúde do Mons. João Scognamiglio Clá Dias - Orlando Fedeli
    
    O Prof. Orlando jamais publicava um texto sem antes pedir a alguns de seus amigos que o corrigissem. Este, que segue, foi o que ele enviou na tarde do dia 8 de junho, um dia antes de seu falecimento. Como era de sua vontade, publicamos este texto em respeito ao Prof. 
  • Carta aberta ao covarde Padre Dr. Joãozinho - Ronaldo Mota
    Tomamos conhecimento de uma infeliz declaração do Sr. em seu blog. Noticiando o falecimento de nosso caro Prof. Orlando, o Sr. disse: “dedicou boa parte de sua vida a defender aquilo que 
  • Destaques de uma interessante entrevista do Padre Aulagnier - Generation FAX
    
    O Abbé Aulagnier é um famoso antigo e muito próximo colaborador de Monsenhor Lefebvre. Anos depois, ele foi expulso da FSSPX e foi um dos cinco Padres fundadores do Instituto do Bom Pastor, do qual, infelizmente, parece que saiu. Ele acaba de dar uma longa entrevista a Generation Fax, da qual destacamos alguns trechos.
  • Rachaduras nas paredes da Cúria - John Berry
    
    A Cúria Romana é a burocracia do Vaticano. A maioria das pessoas sabe pouco sobre os homens que dirigem a Cúria. Mas a cobertura de imprensa da crise dos abusos sexuais do clero está se aproximando dos Cardeais cujos erros nessa crise, começaram a atrair as críticas de outros Príncipes da Igreja.
  • Conselho a Bertone: mea culpa e penitência - Antonio Socci
    
    E finalmente em 13 Maio, festa de Nossa Senhora de Fátima, todos compreenderam como estão as coisas sobre o Terceiro Segredo e do nosso futuro. O Santo Padre, Bento XVI, na forma mais solene, na homilia da Santa Missa, celebrada no Santuário, esclareceu, apertis verbis, em poucas palavras, o que tinha já anunciado no avião indo a Portugal (como eu tinha tentado dizer antecipadamente).
  • É declarada a guerra no Vaticano - Orlando Fedeli
    
    A guerra movida pela “Laicidade” ao Papa Bento XVI por ter ele rompido o acordo anterior feito pelo Vaticano com certas forças inimigas da Igreja, causou os primeiros ataques públicos de Cardeais a Cardeais, e de um Cardeal ao Papa.
  • Carta de Dom Fellay sobre Bento XVI e Fátima - Dom Bernard Fellay
  • Sandro Magister comenta o "Comunicado do Vaticano" sobre os Legionários de Cristo - Sandro Magister
    
    O comunicado emitido dois dias atrás pela Santa Sé a propósito dos Legionários de Cristo é de alcance muito notável. É reproduzido integralmente logo abaixo e deve ser lido desde a primeira à úmtima linha. Mas para entendê-lo a fundo exige-se uma nota explicativa.
  • “A Igreja não deve pactuar mas denunciar” - Papa Bento XVI
    
    "Como bispo, senti-me obrigado a cumprir essa missão . Além disso, os déficits eram flagrantes: desânimo da fé, diminuição das vocações, queda do nivel moral, sobretudo entre as pessoas da Igreja"
  • Conhece-se a árvore do Vaticano II por seus frutos - Orlando Fedeli
    
    Foi o próprio Jesus, nosso divino redentor quem nos deu esse sinal para conhecermos se uma coisa vem de Deus ou não. O valor de uma obra deve ser medido pelos frutos que ela dá.
  • A serpente se esconde sob a erva. A colegialidade do Concílio Vaticano II condenada já por Pio VI - Orlando Fedeli
    
     Livro recente de Monsenhor Brunero Gherardini condena a ´colegialidade` da Lumen Gentium
  • Sofrimento de Golias, alegria de Davi - Orlando Fedeli
    
     O conhecido site filisteu modernista Golias anuncia com tristeza e lamúrias a próxima demissão do modernista Cardeal Re, da Congregação dos Bispos, e sua substituição por Mons Pell, Arcebispo de Sidney. O cardeal Re é conhecido como o responsável pela inundação de novos Bispos nomeados por sua influência em todo o mundo.
  • Fingindo rezar, Frei Betto mostra-se blasfemo e herege completo - Orlando Fedeli
    
     Escrevi esta versão do Pai-Nosso para os retiros dos grupos de oração que acompanho há 29 anos. Procurei dar um toque poético para permitir que seja rezado em forma de meditação louvativa e penitencial.
  • Um segundo escopo do Motu Proprio: a reforma da reforma - Paix Liturgique
    
    A enorme difusão da obra de Monsenhor Nicola Bux, intitulada A Reforma de Bento XVI (1), dá-nos a ocasião de sair o quadro estrito da aplicação do Motu Proprio Summorum Pontifium para fazermos o ponto da situação sobre a “reforma da reforma” que o Sumo Pontífice desencadeou no domínio da liturgia e sobre a relação que, pouco a pouco, se deve estabelecer entre as duas formas da liturgia romana.
  • Menos missa e mais política - Orlando Fedeli
    
    Recebi de um leitor do site Montfort um artigo em que um tal Padre Lessir Bortuli defende a tese espantosa de que deveria haver mais política na Igreja e menos Missas. No final deste artigo, publicamos o artigo citado com as palavras de Padre Lessir Bortuli.
  • A pastoralidade e a infalibilidade do Concílio Vaticano II - Orlando Fedeli
    
    Muito se tem discutido, especialmente no Brasil, e apaixonadamente, sobre o Vaticano II. Alguns afirmaram, sem qualquer base na sã doutrina e na realidade, que o Vaticano II foi infalível. A Montfort sempre defendeu a tese de que o Vaticano II, tendo sido convocado com fins pastorais por João XXIII, caráter confirmado por Paulo VI em sua reconvocação do Concílio, assim como em seu discurso de encerramento, não foi, nem poderia ser infalível. Por isso, várias pessoas, muito precipitada e arbitrariamente, apodaram-nos de hereges. E, para elas, não têm adiantado nem mesmo as contínuas afirmações do Cardeal Ratzinger e, agora, de Bento XVI, que atestam com muita clareza e com autoridade que o Vaicano II não foi infalível. Agora, a publicação da obra de Monsenhor Brunero Gherardini - Vaticano II, un Discorso da Fare veio colocar esse problema nos eixos.
  • O testemunho de um Monsenhor. Seminários corrompidos: o berço do clero atual. - Monsenhor Jacques Masson
    
    Recebemos esse artigo que conta a corrupção doutrinária do clero francês nos seminários, ainda durante o Vaticano II. Depois piorou ainda mais. E será que isso aconteceu só na França? No Brasil, não aconteceu o mesmo? No Brasil, consta que há seminários em que pastores protestantes - e até pastoras – dão aulas aos futuros padres católicos. Que esperar desses seminários? Que esperar dos padres formados nesses seminários?
  • Voltando a Roma: as discussões sobre o Concílio Vaticano II. - Orlando Fedeli
    
     Acabo de voltar de Roma. Mas o título deste artigo é Voltando a Roma. Pois quero tratar do retorno do Papa a Roma anterior ao Vaticano II. Dom Bosco teve uma visão desse retorno em uma famoso "sonho" que Deus lhe deu sobre a grave crise da Igreja a que estamos assistindo.
     
  • Os Bispos não são nomeados pelo Espírito Santo. E o Papa, o é secundum quid - Periodista Digital
    
    Periodicamente algum nécio, que, às vezes, nem crê no Espírito Santo, aparece por aqui com a absurda pretensão de que os Bispos são nomeados pela Terceira Pessoa da Santíssima Trindade. Semelhante tolice costuma ter sempre uma segunda afirmação dela derivada.
     
  • Não se prova a existência de Deus? Agora chegou sua vez, Padre Fábio de Melo: artigo e vídeo contra o Sr. - Orlando Fedeli
    
    Estava lendo o Profeta Isaías e me deparei com as terríveis advertências feitas por Deus contra o povo judeu por causa de sua infidelidade. “O boi conheceu o seu possuidor, e o jumento o presépio de seu dono, mas Israel não me conheceu, e meu povo não teve inteligência” (Is. I, 3). “A cítara, a lira, o pandeiro, a flauta, o vinho encontram-se nos vosso banquetes; e vós não olhais para a obra do Senhor, e nem considerais as obras de suas mãos. Por isso é que meu povo foi levado cativo, porque não teve ciência. Os seus nobres morreram de fome e a sua multidão mirrou-se de sede” (Is. V, 12-13). Foi, então, que me enviaram um filme do Youtube em que aparecem o enfeitadinho herege modernista, Padre Fábio de Melo, com outro Padre, para lhe servir de parceiro.
  • A missa nova é protestantizante - Orlando Fedeli
    
    Prevenimos aos modernistas que nos lerem — e os há em grande número - que, antes de estrubucharem de raiva contra a Montfort por causa desse título acima, saibam que ele não é meu. Quem disse – além de conhecidas autoridades teológicas - que a Missa nova foi feita por Paulo VI para aproximar a Missa católica da ceia calvinista foi um amigo pessoal e muito querido de Paulo VI, e confesso modernista: Jean Guitton.
     
  • Começa se esvair a cortina de fumaça de ópio pós-conciliar: o verdadeiro valor normativo e cogente do Vaticano II - Orlando Fedeli
    
    O site messainlatino.it acaba de publicar um comentário a um artigo do Padre Manfred Hauke, demostrando que o Concílio Vaticano II, tendo sido pastoral, nada teve de dogmático, não podendo se exigir dos fiéis um assentimento tal como se ele fosse um Concílio dogmático infalível. Padre Manfred Hauke prova que o próprio Concílio nunca exigiu que suas afirmações fossem tidas como infalíveis, e jamais os textos do Concílio exigiram dos fiéis uma aceitação de fé divina e católica.
     
  • Sobre a nova historiografia conciliar sopra a inspiração de Bento XVI - Roberto de Mattei
    
    Roma. O Concílio Vaticano II, até ontem empreitado através da leitura historiográfica da “escola de Bolonha”, começa a ser objeto de uma nova fase de reflexão histórico-crítica, que segue os impulsos da já agora célebre discurso à Cúria romana de Bento XVI de 22 de Dezembro de 2005. O próprio Papa Ratzinger tornou várias vezes a esse assunto: a última vez no discurso aos participantes da Reunião Plenária da Congregação para o Clero de 16 de Março de 2009, no qual o Papa reafirmou a necessidade de refazer-se “na ininterrupta Tradição eclesial” e de “favorecer nos sacerdotes, sobretudo nas jovens gerações, uma correta recepção dos textos do Concílio Ecumênico Vaticano II, interpretados à luz de toda a bagagem doutrinária da Igreja”.
     
  • Frei Wilson João: um padre do Anticristo - Orlando Fedeli
    
    Um padre epicurista dependente de um Bispo negligente 
  • Presença real de Cristo na Eucaristia: Papa Bento XVI contra Padre Joãozinho - Orlando Fedeli
    
    Bento XVI, em sua audiência pública de ontem, 2 de Setembro de 2009, falando sobre São Odo, disse palavras que parecem até uma intervenção na polêmica que mantemos em defesa da presença real de Cristo na Eucaristia contra as heresias de Padre Joãozinho da Canção Nova.
     
  • Padre Joãozinho, além de herege, é contraditório - Orlando Fedeli
    
    Mandaram-me apenas hoje uma nota de Padre Joãozinho do dia 1, que abaixo publico, e que passo a pôr abaixo. Como pode esse Padre dizer que “revelei” o que era já sabido por ele e por todos? Isso já na primeira linha de sua nota absurda.
     
  • Padre Dr. Joãozinho, além de herege, seria "analfabeto"? - Orlando Fedeli
    
    Confesso que a resposta de Padre Joãozinho a meu último artigo, Padre Joãozinho não é um ignorante invencível, contra as heresias dele, me surpreendeu. Deixou-me perplexo. Doloridamente perplexo. Escrevi contra ele um artigo claríssimo, mostrando que quem está em ignorância invencível, mas obedece a toda a lei natural, tem batismo de desejo, e pertence à alma da Igreja, podendo se salvar.
     
  • Padre Joãozinho não é um ignorante invencível. É herege mesmo. - Orlando Fedeli
    
    Sem esperar por minha resposta ao açodado desafio que me fez, Padre Joãozinho saiu com nova e precipitada nota em seu blog, voltando a me desafiar. Quão desafiador está esse padre ecumênico! Espere um pouco, Padre, agora seria minha vez de lhe responder!
     
  • Padres de fama: um superficial reconhecimento de ervas daninhas - André Roncolato Siano
    
    Não sou especialista em botânica, apesar de ter tênue conhecimento da complexíssima e belíssima terminologia desta área da biologia que se ocupa de uma matéria tão interessante quanto vasta. Confesso que também não sou agricultor, nem mesmo um humilde jardineiro, que, não obstante seu desconhecimento científico, é capaz de saber produzir e manejar com tal habilidade as grandes plantações ou os pequenos jardins, que reis já concederam a eles títulos de nobreza por seus trabalhos.
  • Corre, modernista, que lá vem a Montfort: resumo da polêmica com Padre Joãozinho e Padre Fábio de Melo - Jefferson Nóbrega
    
    Quem está acompanhando toda a polêmica em torno do Padre Fábio de Melo e agora de seu defensor, Padre Joãozinho, deve ter percebido o quanto a coisa mudou depois que a Montfort entrou no assunto. Interessante notar que “tudo começou” nos meios neoconservadores com a publicação da Carta Aberta após a trágica entrevista do cantor, artista, modelo e, por último, Padre, Fábio de Melo.
  • A Padre Joãozinho: comunicado em rimas desengonçadas - Orlando Fedeli
    
    Comunicado em rimas desengonçadas...
  • A reforma da reforma - Orlando Fedeli
    
    Anunciada há vários anos, parece que agora vai afinal ser decretada a reforma da Missa Nova de Paulo VI. É a chamda “reforma da reforma”. Mais exatamente—conforme me sugeriu um velho e fiel sacerdote franciscano a “Reforma da Deforma”.
     
  • Cardeal Joseph Ratzinger: "creio que a longo prazo a Igreja romana deva ter de novo um só rito romano". - Ratzinger.it
    
    Caro Doutor Barth, agradeço-lhe cordialmente pela sua carta do dia 6 de Abril, a qual só agora encontrei tempo para responder. O senhor me pede que me esforce por uma mais ampla disponibilidade do rito romano antigo. De fato,o senhor sabe que não sou surdo atal pedido.
  • Padre Joãozinho serpenteando entre texto e contexto - Orlando Fedeli
    
    Pego em flagrantes erros teológicos gravíssimos, padre Fábio pediu socorro a seu colega, Padre Joãozinho. Ambos repetiram a defesa das teses eucarísticas heterodoxas, afirmadas pelo padre cantor mais especializado em xampus do que em Teologia
     
  • A crise conciliar vista da Basílica Vaticana - Um clérigo anônimo
    
    É imprescindível apreciar qual a relação entre a crise doutrinal e moral que assola a Igreja e o Concílio Vaticano II. Trata-se de uma relação de causalidade? Que tipo de causalidade? De ocasionalidade? Pura coincidência?
     
  • Bafo de Fel em Favo de Mel: Padre Joãozinho entra em parafuso metafísico. - Orlando Fedeli
    
    As acusações da Montfort contra as heresias de dois sacerdotes moderninhos abalaram a segurança doutoral de um deles. Padre Joãozinho, diante dos ataques que sofreu em seu blog na Canção Nova, contra seu conceito de presença real, acabou postando defesas manquitolas de sua heresia, e armando arapucas intelectualmente pouco honestas com um texto do Papa Bento XVI, para pegar passarinhos desavisados. Nem beija-flor aceita favo de mel com bafo de fel. Por isso, logo a Montfort, e alguns sacerdotes, imediatamente denunciaram a arapuca intelectualmente desonesta montad por esse sacerdote.
     
  • Abusos persistem - Dom Aloísio Roque Oppermann
    
    Durante a sessão do Concílio Vaticano II, em outubro de 1963, a maioria dos Padres novos (entre os quais eu me encontrava), procurou aplicar na prática o que se aprovava em Roma. Nós líamos no jornal hoje, o que tinha sido votado pelos Bispos, a respeito da Liturgia, e amanhã já aplicávamos. Era uma grande falta de preparo disciplinar.
     
  • Com ternura... - Orlando Fedeli
    
    Dr. Pe. João Carlos Almeida, scj, deixou seu diminutivo costumeiro e se trajou de Doutor para nos criticar… “com ternura”, mas pondo em dúvida - pelo menos alguns freqüentadores de nosso site - de estarmos em comunhão com o Papa Bento XVI.
     
  • Realmente, o cinismo de Padre Joãozinho não tem limites - Um Padre da periferia do mundo
    
    Primeiramente, ele pensa que enganou alguém com sua fraude autoral, em absurdo desrespeito ao Papa. Quer dar lição de reverência ao magistério papal quando o utiliza dentro do contexto de sua defesa da identidade unívoca do homem com Deus. Até nisso ele se parece com os protestantes, que defendem suas heresias com as frases inspiradas da Escritura, isoladas e descontextualizadas para serem melhor adulteradas.
     
  • Padres moderninhos aplicam a hermenêutica da ruptura: ainda sobre Padre Fábio de Melo e Padre Joãozinho - Orlando Fedeli
    
    Recentemente a Montfort criticou declarações heréticas de um Padre modernista, infelizmente muito conhecido por se apresentar como um galã de novela, Padre Fábio de Melo. Nas afirmações feitas num livro escrito por ele, em parceira com Gabriel Chalita, esse Padre mostra que, de fato, não acredita na presença real de Nosso Senhor Jesus Cristo na Eucaristia e coloca dúvidas na Ressurreição de Jesus como fato histórico. Duas heresias típicas do Modernismo.
     
  • Comunhão aos divorciados recasados: uma nomeação confirma o "não" - Sandro Magister
    
    A Comissão Teológica Internacional que atua ao lado da Congregação para a doutrina da Fé renovou sua equipe, por vontade de seu líder supremo, o Papa. Com algumas saídas e algumas novas aquisições.
     
  • Resposta a Padre Fábio de Melo e Padre Joãozinho por seu ataque à Montfort na TV Canção Nova - Ronaldo Mota
    
    Logo após publicarmos um artigo sobre as heresias ensinadas pelo Pe. Fábio de Melo, recebemos um vídeo no qual esse Padre reafirma, com apoio de um certo Pe. Joãozinho, suas heresias.
     
  • A Santa Sé responde aos Bispos brasileiros que se opõem à Missa de Sempre - Orlando Fedeli
    
     
    É bem conhecida a teimosa oposição de alguns Bispos brasileiros – em geral de tendências modernistas – ao Papa Bento XVI, criando obstáculos a que sacerdotes celebrem a Missa de sempre para os fiéis qua a pedem.
     
  • Firmeza e respeito na diplomacia de Dom Fellay - Orlando Fedeli
    
    A Montfort tem o prazer de publicar a tradução da última entrevista de Dom Fellay, tratando das próximas negociações com a Santa Sé, de importância imensa para a glória de Deus e a para o bem da Santa Igreja Católica. Esse prazer é redobrado pela habilidade com que Dom Fellay responde a perguntas delicadas com firmeza e respeito, ao mesmo tempo.
  • Padre Fábio de Melo: péssimo e lastimável exemplo para o Ano Sacerdotal - Ronaldo Mota
    
    (...) Exatamente por isso nós que louvamos e veneramos os bons sacerdotes queremos censurar os maus. Ademais, estamos no Ano Sacerdotal, e queremos, enquanto Sua Santidade o Papa Bento XVI louva o Santo Cura d´Ars como modelo de sacerdote, combater aqueles que desonram o sacerdócio e são a vergonha da Igreja de Cristo.
     
  • Dom Nicola Bux: não existe nenhum texto na Tradição que sustente a comunhão na mão. - Bruno Volpe
    
    Dom Nicola Bux: "Considero que a posição de joelhos para receber a Comunhão é a que mais corresponde ao sentido do mistério e do sagrado."
     
     
  • O caso de Recife. Roma falou, mas a causa não terminou. - Sandro Magister
    
    A controvérsia sobre o aborto da menina-mãe continua cada vez mais acesa. A Arquidiocese brasileira ameaça denunciar canônicamente o presidente da Pontifícia Academia para a Vida.
     
  • Os integristas católicos continuam seu combate - Nicolas Senèze
    
    Roma não disse que sim, mas também não disse que não; "tenho meus contatos: Roma sabe que não é provocação"; levantamento das excomunhões gerou situação necessariamente imperfeita. Reclamar do que fazemos hoje é como apontar uma mancha no uniforme de um soldado no meio da batalha. O problema de interpretação do Vaticano II não é nosso - dentro da Igreja existem maiores diferenças do que as nossas com o Vaticano.
     
  • Texto de Hans Küng (1968) publicado no Le Forum Catholique - Le Forum Catholique
    
    Para muitos a crise na Igreja que estamos sofrendo desde o Vaticano II seria apenas conseqüência das interpretações progressistas de textos que, “à luz da Tradição”, não deveriam ter gerado todos os desvios a que se pode assistir dos anos sessenta até nossos dias. Parece, no entanto, que tal visão das coisas é contrária à realidade e essa é a opinião mesmo de personagens muito influentes no Concílio...
  • Um santo fora da lei - André Melo
    
    A discussão sobre o papel dos leigos na Igreja tem sido recorrente. Além da discussão, muitos abusos tem ocorrido. Vêem-se “gerentes de igreja” dando a comunhão e até “celebrando” missas... um grande abuso e desvio fruto do Concílio Vaticano II que, a pretexto de aproximar o povo, o espantou para bem longe da Igreja. Há, porém, e recentemente, sobretudo, aqueles que alegam o extremo oposto, ou seja, que seria abuso os leigos fazerem qualquer coisa.
  • Entrevista com Alícia von Hildebrand sobre a crise na Igreja - The Latin Mass
    
    A conversa a seguir com Dra. Alice Von Hildebrand abre nossa discussão para o foco desta edição: A Crise na Igreja – Cenários para uma Solução. Dra. Von Hildebrand, professora emérita de filosofia de Hunter College (City University of New York), acabara de completar The Soul of a Lion, uma biografia de seu marido, Dietrich.
     
  • Nova e Importante Notícia de Mons. Fellay - Messa In Latino
    
    - Como vai o diálogo entre a FSSPX e Roma que causou tanta polvorosa em Janeiro? Mons. Fellay – Esclarecemo-nos mutuamente as idéias no princípio de Junho. A decisão do Papa sobre o esquema dos colóquios será anunciada dentro de poucos dias. É verdade que uma comissão especial será constituída para a discussão, com alguns teólogos de Roma e alguns de nossos padres.
     
  • A Candeia debaixo do Alqueire - Orlando Fedeli
    
    A obra do Padre Calderón é uma contribuição – como a obra do Padre Brunero Gherardini, que acaba de ser publicada na Itália, Concilio ecumenico Vaticano II. Un discorso da fare – para os debates que se iniciarão logo mais, no Vaticano, entre os teólogos da Cúria Romana e os teólogos da Fraternidade Sacerdotal São Pio X sobre o valor da autoridade do Vaticano II e sobre os pontos doutrinários desse Concílio, que tanta confusão trouxe na Igreja a ponto de Paulo VI falar da introdução da fumaça de satanás no templo de Deus.
     
  • Dom Lélis Lara fala sobre relação da Maçonaria e Igreja Católica - Orlando Fedeli
    
    Publicamos um artigo sobre a palestra, feita numa loja Maçônica, por Dom Lélis Lara, Bispo Emérito de Itabira- Coronel Fabriciano, tratando das relações entre Igreja Católica e Maçonaria. (...) Depois disso, como desconhecer que o Vaticano II foi bafejado pelos “homens de boa vontade”? Isto é, desejado e favorecido pela Maçonaria?
     
     
  • Lá Vem um Novo Motu Proprio para os Lefebvristas - Golias
    
    Conforme nossas informações, e nas vésperas das ordenações lefevristas de 27 de Junho próximo na Alemanha, o deseja fazer, nos próximos meses, a redação de um segundo Motu proprio. Documento que, desta vez, seria consagrado, não só apenas à liturgia em latim, mas de modo mas global à reintegração dos Lefevristas na Igreja. Colocando certas condições, mas igualmente engajando toda a Igreja nesse processo.
  • A Provocação - Maria Antonietta Calabrò
    
     
     Exatamente na sociedade da imagem, a Igreja sofreu o ataque de novos iconoclastas, que por meio do aviltamento da liturgia assestaram nos últimos 35 anos um golpe gravíssimo à fé católica, determinando «uma catástrofe histórica e religiosa».
  • O Segredo (de Fátima) Já Advertia Contra o Vaticano II e a Missa Nova - Cruzada de Fátima
    
    "A irmã Lúcia de Fátima disse que se aconteceria uma desorientação diabólica na Igreja. E não há nada que poderia ter feito mais, para realizar isso, do que a reforma litúrgica, que exaltou como sagrados princípios estranhos dentro de uma liturgia aparentemente Católica".
  • Motu Proprio sobre os Lefebvrianos - Giacomo Galeazzi
    
    É iminente o anúncio segundo o qual será a Congregação para a Doutrina da Fé, que supervisionará doravante os colóquios com os lefrevianos. É o que declara Mons. Bernard Fellay, Superior geral da Fraternidade Sacerdotal São Pio X, à agência de imprensa "Zenit". E, com efeito, deveria ser já  questão de dias, talvez ainda neste fim de semana,  a publicação do «motu proprio» do Papa no qual será anunciada a nova colocação da Pontificia Comissão Ecclesia Dei – o organismo vaticano encarregado de “costurar” o cisma dos lefrevianos - sob a Congregação para a Doutrina da Fé.
  • Comunicado oficial da FSSPX sobre as próximas ordenações - Padre Stefan Frey
    

    O Seminário do Sagrado Coração de Jesus da Fraternidade Sacerdotal de São Pío X, quanto ao que concerne às ordenações ao sacerdócio planejadas para o dia 27 de Junho de 2009, declara (...)

  • Card. Canizares nos dá o “verdadeiro” sentido do Motu Proprio Summorum Pontificum
    
    "Mesmo que não existisse nenhum tradicionalista a quem se devesse satisfazer", o Motu Proprio Summorum Pontificum teria o mesmo lugar na Igreja
     
  • Vaticano contra a secularização do Clero - Orlando Fedeli
    
    O Papa vai inaugurar, dentro de poucos dias, o Ano Sacedotal, visando uma profunda mudança no comportamento do clero. Depois do Vaticano II , sacerdotes e religiosos, infelizmente, deixaram-se levar pela secularização.
     
  • Santa Sé concede aos bispos faculdade de punir padres que violem o celibato
    
    "Não se trata de uma “revolução da disciplina eclesiástica para o clero” mas apenas de uma diretiva que vai de encontro de algumas exigências pastorais particulares. Oferecemos uma esclarecedora entrevista da Rádio Vaticana de Monsenhor Mauro Piacenza, secretário do dicastério pontifício".
  • Uma análise da atual crise eclesial - Peter Hünermann
    
    “O problema fundamental da causa atual não reside no fato de que o trabalho foi realizado depressa e correndo, que um velho cardeal torpe se encontrou desbordado, que as comunicações funcionaram mal ou que estamos diante de um pontífice que tem a tendência de tomar decisões solitárias. [...] Tampouco se trata do antissemitismo do bispo Williamson, por mais desleal e repugnante que seja. O núcleo do problema é de natureza teológica; referia-se à concepção da igreja em seus aspectos tanto institucionais como éticos”, escreve Peter Hünermann
     
  • Comunicado e pedidos da Montfort a seus leitores e amigos - Orlando Fedeli
    
    Nós da Associação Cultural Montfort lutamos em defesa da Fé Católica, da Missa de sempre e do Papa. Não visamos nosso triunfo, mas o da Igreja Católica. Por isso, a Montfort está sempre pronta a dar apoio a todos os que, unidos ao Papa, façam algum bem.
     
  • As conversões doutrinárias Roma/FSSPX? - Vini Ganimara
    
    Um boato persiste cujos supostos protagonistas nem negaram nem confirmaram. Um ano antes da morte do Papa Wojtyla, o Cardeal Ratzinger teria incumbido um grupo de teólogos de iniciarem discussões teológicas discretas com os lefevristas.
     
  • O anjo do sorriso e o negro anjo da "luz" - Orlando Fedeli
    
     
    A Igreja de Nossa Senhora Raínha dos Anjos e dos Mártires era sublime em sua perfeição arquitectônica e artística.
    Sublinhei o era.
    Porque agora ela está profanada. Assim como Paulo VI fez profanar as salas dos Museus do Vaticano, colocando nelas, em salas escuras, atapetadas por feltros grosseiros, pinturas e obras de arte moderna por onde passam céleres e sem olhar os turistas desibteressados, assim na Igreja de Santa Maria degli Angeli, depois do Vaticano II, se colocou uma horrenda estátua de bronze a que chamam de “O Anjo da Luz”.
     
  • Para que se revelem os pensamentos de muitos corações... - um padre da periferia do mundo
    
    Não é necessário ser um grande pensador, nem mesmo alguém versado nos fatos históricos do passado e em suas projeções hipotéticas no futuro, para entender que estamos vivendo tempos difíceis. Tempos que começaram há muito tempo, que remetem a acontecimentos e personagens ilustrados indelevelmente na História e que continuam a desembocar em novos desafios para aqueles que vivem aqui e agora.
     
  • Praticamente Cismático
    
    A Igreja em 1969 estava no meio de uma das crises mais sérias de sua história moderna, como a débâcle que se seguiu ao Concílio e os desdobramentos, em particular, da publicação de Humanae Vitae. Time publicou a situação grave na Igreja.
  • Sedevacantismo ou Eclesiovacantismo? - Carlos Caetano
    
    "Ultimamente, tenho acompanhado muitas discussões em blogs modernistas e tradicionalistas sobre o sedevacantismo, corrente de opinião delirantemente ultra-tradicionalista que afirma que a Igreja está acéfala porque os últimos cinco papas, incluindo o atual, caíram em heresia e perderam ipso facto o comando da Barca de Pedro"
     
  • A maçonaria e modernistas em guerra contra Bento XVI - Orlando Fedeli
    
    Os pronunciamentos do Papa Bento XVI em sua recente viagem à África provocaram extrema irritação nos inimigos de Deus e da Santa Igreja.(Conferir os documentos do Grande Oriente e do site Golias contra Bento XVI).
     
  • Santa Sé pede e FSSPX altera local da ordenação de sub-diaconatos - Dom Bernard Fellay
    
    "Essa decisão quer ser um gesto de apaziguamento depois do levantamento das injustas condenações que pesavam sobre os bispos da Fraternidade e as violentas reações que se sucederam".
     
     
  • Dom Fisichella defende a morte - Orlando Fedeli
    
    O que moveu Dom Fisichella a defender sentimentalmente o duplo aborto praticado em Recife? Sentimentalismo romântico? Covardia em defender a lei da Igreja? Vergonha de enfrentar o mundo moderno e sua mídia?
     
  • A Colegialidade combate o papado - Orlando Fedeli
    
    Hoje, a Colegialidade é o meio a que recorrem os Bispos para não obedecerem ao que ordena o Papa Bento XVI
     
  • Williamsongate: a imprudência foi de Lombardi, afirma Card. Hoyos
    
    "Card. Castrillón concedeu hoje uma entrevista ao diário colombiano de maior circulação, El Tiempo. Nela se lhe pergunta acerca do williamsongate, e sem reparos o Card. Castrillón afirma que se houve alguma imprudência, foi por parte do Diretor do Secretaria de Imprensa da Santa Sé, P. Federico Lombardi"
  • Começa a ser dita a verdade sobre o Concílio Vaticano II - Orlando Fedeli
    
    O bem conhecido jornalista Gianni Baget Bozzo acaba de publicar um artigo no qual comenta a recente Carta de Bento XVI aos Bispos do mundo
     
  • Bento XVI, a FSSPX e a revolta dos bispos modernistas - Orlando Fedeli
    
    A crise causada pelo Vaticano II levou a religião católica a uma tal deterioração, que na Europa se fala em apostasia geral de todo o continente
     
  • A `aceitação do Concílio`, pólvora molhada numa batalha que se está dando diante de nossos olhos? - Padre Claude Barthe
    
    Enviam-me de Roma um escrito que nestes momentos circula pela Curia, redigido pelo abbé Claude Barthe, sacerdote francês de reconhecido renome e em plena comunhão com a Igreja. A batalha está sendo encarniçada entre distintos organismos da Cúria, e entre relevantes personagens da mesma.
     
     
  • Conferência dos Bispos alemães contra a readimissão da FSSPX - Conferência Nacional dos Bispos da Alemanha
    
     A Conferência Episcopal alemã lança nota irritada contra a readmissão da FSSPX ao seio da Igreja
     
     
  • Muito Corajoso artigo do Pe. João Batista A. P. F. Costa - Pe. João Batista de Almeida Prado Ferraz Costa
    
    A obra de restauração da Igreja empreendida com sabedoria e fortaleza pelo Santo Padre tem encontrado mil obstáculos da parte dos progressistas ignorantes e dos modernistas fátuos de sua pseudociência.
     
  • Carta dos bispos da FSSPX ao Santo Padre - FSSPX
    
    "É devido a esse combate da fé que asseguramos a V. Santidade, como é vosso desejo, de 'não poupar nenhum esforço para aprofundar nas conversações necessárias com a Autoridade da Santa Sé sobre as questões ainda abertas'".
     
  • Novo pedido de perdão de Dom Williamson - Dom Richard Williamson
    
    Dom Willamson pede novamente -  e de forma mais contundente - desculpas por suas palavras à TV sueca em que menciona não crer na existências das câmaras de gás no regime de Hitler.
  • Autoridade em Liturgia do Vaticano faz novo apelo pela “reforma da reforma” - CWNews.com
    
    Uma autoridade chave do Vaticano pediu por decisões “ousadas e corajosas” para corrigir os abusos litúrgicos que surgiram desde as reformas do Vaticano II.
     
  • Delírios de um octuagenário - Padre Giovanni Scalese
    
    Não sei se tiveram ocasião de ler a entrevista dada outro dia por Hans Küng a Le Monde. Não obstante o avançar dos anos, o "maior teólogo contestador católico vivo" não desiste e continua a pontificar ex cathedra. A cátedra, como de costume, são os grandes meios de comunicação, sempre prontos a servir de caixa de ressonância ao seu infalível magistério.
     
  • Gerhard Wagner: conservador demais para ser Bispo - Paolo Rodari
    
    Um tanto ’ como aconteceu com Richard Williamson, Wagner, apenas nomeado, sofreu uma violentíssima série de acusações por parte da mídia do seu país por causa de algumas antigas declarações suas. Se no caso Williamson as declarações contestadas eram as negacionistas da Shoah, aqui as que ficaram sob a tortura foram as que Wagner dedicou tempos atrás ao ciclone Katrina, que destruiu New Orleans, e à saga de Harry Potter
     
  • Declaração do diretor da sala de imprensa da Santa Sé - Revmo Pe. Federico Lombardi, SI
    
    Enigmática Declaração da Santa Sé
     
  • O herege modernista Hans Küng lança plataforma com o programa de uma Papa anticristo - Hans Küng
    
    O teólogo Hans Küng, presidente da Fundação Ética Mundial, em artigo para o jornal La Repubblica, 07-02-2009, analisa os contrastes entre as posições do presidente recém eleito dos EUA, Barack Obama, e do papa Bento XVI. No artigo, Küng oferece algumas respostas à sua própria pergunta: "O que faria um Papa se agisse no espírito de Obama?".
     
  • Dom Williamson é demitido da direção de seminário - DICI
    
    Desejando colocar em perspectiva a campanha midiática de que ele é objeto, Monsenhor Williamson conclui assim sua entrevista: “Não sou mais do que um instrumento utilizado para agirem contra a Fraternidade São Pío X e contra o Papa. É evidente que os católicos de esquerda ainda não perdoaram ao Cardenal Ratzinger ter se tornado Papa”.
     
  • O fim do princípio - JSarto
    

    Com o Decreto que ordena o levantamento das excomunhões aos bispos da Fraternidade Sacerdotal de São Pio X, o Santo Padre Bento XVI corrige e elimina uma monstruosa injustiça histórica que durante vinte anos, num autêntico martírio sem sangue, foi cometida contra os principais responsáveis (depois de Monsenhor Marcel Lefebvre e Dom António de Castro Mayer) pela sobrevivência da tradição católica no mundo contemporâneo

  • Conspiração contra o retorno da FSSPX? - Orlando Fedeli
    

    Não seria preciso nem existir esse documento, para se compreender que a publicação das absurdas declarações de Monsenhor Williamson tão só e exatamente às vésperas da publicação do Decreto de Bento XVI retirando a excomunhão dos Bispos da Fraternidade Sacerdotal São Pio X, visava, ou evitar a publicação do decreto, ou permitir acusar a FSSPX e o Papa de simpatias pelo nazismo.
     

  • « Não impor cargas além do que é essencial » - Fr. Paul McDonald
    

    Recente Declaração da Secretaria de Estado do Vaticano afirmou que para "um futuro reconhecimento da Fraternidade Sacerdotal de São Pio X" se exige, por parte da Fraternidade, como "condição indispensável” "um pleno reconhecimento Concílio Vaticano II e do Magistério dos Papas [conciliares e pós-conciliares]".

  • A FSSPX como prelazia pessoal? - Orlando Fedeli
    

    "A solução para regrar o estatuto jurídico da Fraternidade São Pio X parece pois se orientar para a concessão de uma Prelazia pessoal"

  • Golias conclama para a fundação de uma nova religião - Orlando Fedeli
    

    O retorno da FSSPX ao seio da Igreja, promovido e aceito pelo Papa Bento XVI, é repelido pelo ecumenismo dos modernistas aberto a todas as religiões e à liberdade de pensamento. Para os modernistas, todas as opiniões religiosas valem. Defender o que a Igreja sempre ensinou não seria permitido. Isso comprova como a liberdade de religião pregada pelo Concílio Vaticano II é falsa.

  • Comentando um decreto - Orlando Fedeli
    

    O Decreto promulgado por ordem de Bento XVI sobre as vazias e nulas excomunhões de Dom Lefebvre e de Dom Mayer tem causado a ira cheia de fel dos modernistas, a raiva azeda e rabulesca dos sede vacantistas e o silêncio envergonhado dos que quiseram conciliar a Missa de sempre com a Missa Nova

  • A pseudo oração da paz que São Francisco nunca escreveu - Orlando Fedeli
    

    É bem conhecida a oração pela paz que se diz ter sido escrita por São Francisco. Essa é uma falsidade. É o que demonstra um artigo publicado no Ossrevatore Romano jornal oficioso da Santa Sé

  • Bento XVI e o levantamento das excomunhões: por que tanta ambiguidade? - Olivier Figueras
    

    Imagina-se que o Superior Geral da Fraternidade São Pio X esteja sobrecarregado neste momento. Durante a breve entrevista que pode nos conceder, durante sua passagem por Paris, seu telefone não parava de tocar. Mas ele revela aqui o essencial do que é preciso saber para compreender qual será a seqüência dos acontecimentos. Uma reintegração plena e inteira da FSSPX na hierarquia romana parece agora ao alcance da mão

  • Pedido de perdão de Dom Williamson - Dom Richard Williamson
    

    O site Montfort tem a alegria de publicar a nobre carta que Sua Excia. Monsenhor Richard Williamson dirigiu ao Papa através do Cardeal Castrillón Hoyos, reconhecendo o mal que suas declarações causaram à Igreja e ao Santo Padre, assim como à própria FSSPX

  • O herege Hans Kung e modernistas contra o Papa Bento XVI - Andrea Tarquini
    

    "Espero tomar uma posição sobre esta polêmica porque estão em jogo problemas de fundo. Quero me preparar para dizer a minha palavra sobre os aspectos cruciais do processo em curso. Porque a questão destes quatro bispos só é possível ver no contexto geral de uma restauração". Assim o famoso "teólogo rebelde", o professor alemão Hans Küng comenta a situação da Igreja católica depois do cancelamento da excomunhão ao bispo negacionista Williamson e dos outros bispos da ultraconservadora Fraternidade fundada por Marcel Lefebvre

  • Segunda entrevista de D Fellay após o decreto - Jornal Libero
    

    Dom Fellay: "Sinto alegria e satisfação e não são os sentimentos de uma pessoa que pensa ter vencido". "Soube [ do decreto] poucos dias atrás no escritório do Cardeal Castrillón. Nos abraçamos". "Roma nos quer realmente bem". "Tudo mudou e isso devemo-lo ao Papa". Todas estas são frases de um homem feliz ante o histórico decreto do último sábado: Monsenhor Bernard Fellay. O diário italiano “Libero” publicou domingo passado uma entrevista na qual o Superior da Fraternidade de São Pío X falou sobre do levantamento das excomunhões e da situação atual sem deixar de lado sua análise sobre a crise atual da Igreja

  • D. Fellay proíbe D. Williamson de conceder entrevistas sobre política e história - FSSPX
    

    "As afirmações de sua Excelência Dom Williamson de nenhum modo refletem a posição de nossa Fraternidade. Por isso, proibimos a Monsenhor. Williamson, até segunda ordem, manifestar-se sobre quaisquer questões políticas e históricas"

  • Dom Williamson se alegra com o decreto! - D. Richard Williamson
    

    "Deixem-nos agradecer a Bem Aventurada Virgem Maria cuja intervenção foi decisiva, intimamente ligada ao milhão setecentos e cinqüenta mil terços oferecidos a Ela nessa intenção por vários de vós entre outros. E deixem-nos agradecer e rezar por Bento XVI e todos seus colaboradores que auxiliaram a publicar esse decreto."

  • Glória a Dom Lefebvre e a Dom Mayer, heróis da fé - Orlando Fedeli
    

    "Bento XVI, enfrentando a fúria dos lobos modernistas travestidos de pastores, teve a coragem heróica de anular a injustiça feita a Dom Lefebvre e a Dom Mayer e de receber em plena comunhão aos Bispos por eles sagrados"

  • Papa na iminência de anular as excomunhões de Lefebvristas - Andrea Tornielli e Christian Terras
    

    O inverno em Roma está quente... Nesta última quarta, 21/01, o conhecido articulista Andrea Tornielli publicou em seu blog uma nota dizendo que o Papa já havia assinado o decreto de cancelamento das excomunhões de Dom Lefebvre, Dom Mayer e os bispos sagrados por eles, sendo logo publicado em outros jornais e sites. Hoje, 23/01, o conhecido site ultra-modernista francês Golias lamenta o iminente cancelamento das excomunhões, justamente às vésperas do cinqüentenário do Concílio Vaticano II, que eles tanto combateram

  • De uma condição prévia à outra - Abbé Régis de Cacqueray-Valménier
    

    No início do ano de 2001, a Fraternidade Sacerdotal São Pio X especificou e levou ao conhecimento da Santa Sé “as três etapas” que lhe parecia necessário respeitar para continuar a trabalhar na resolução da crise doutrinal da Igreja e, por via de conseqüência, unicamente, à regularização canônica de sua própria situação.
    A exposição, tornada pública, desta linha estratégica foi acolhida com numerosas críticas desfavoráveis, sobretudo pelo motivo de que o princípio de comunicar a Roma, como primeira etapa, condições prévias a toda discussão com ela, pareceu, senão inadmissível, ao menos totalmente inadequado. Essa pretensão, já considerada exorbitante em si mesma, não dissimulava, além disso, uma vontade inconfessada da Fraternidade de ficar no seu canto e de deixar para as calendas gregas a hora de sua reintegração?
     

  • Vaticano : O `OPA` (Oferta Pública de Compra) dos tradis sobre a Cúria - Romain Libero
    

    Seria conhecer mal Joseph Ratzinger acreditar que ele governa a Igreja navegando às claras. Pelo contrário, ele pensa desenvolver uma muito bela coerência em sua estratégia de restauração com a marca da intransigência. Mais, mais do que alguns te-lo-iam querido, Bento XVI ganhou tempo permitindo-se, no início de seu pontificado, um tempo de repouso e de observação. Mas tudo vem a calhar para quem sabe esperar.

  • Vitória da Missa de sempre! Vitória de Bento XVI! - Orlando Fedeli
    

    Foi noticiado que no terceiro domingo do Advento, em Dezembro passado, o Cardeal Arcebispo de Paris, Presidente da Conferência Episcopal Francesa, e um dos mais duros inimigos da Missa de sempre, afinal se dobrou ante a autoridade do Papa Bento XVI: o Cardeal Vingt-Trois celebrou a Missa de sempre, em Notre Dame de Paris.

  • O notório e o oculto na prática da confissão sacramental - Giuseppe Bosco di Manzoni
    

    A supressão das grades fixas nos confessionários e, por maioria de razão, a abolição dos próprios confessionários e sua sucessão por ‘lugares informais’ maltratam não só o direito do confitente ao anonimato, além de facilitar o veneno da calúnia contra os confessores, mas violam o direito de intimidade do penitente

  • Conciliarismo - Orlando Fedeli
    

    Chama-se conciliarismo o erro teológico que afirma ser o Concílio ecumênico superior ao Papa, podendo julgá-lo, condená-lo e até depô-lo.

  • Futuros decretos papais - Orlando Fedeli
    

    Publicamos, tempos atrás, um artigo tratando do decreto de liberação da Missa por Bento XVI em 2007, e como esse decreto fora anunciado pelo escritor Malachy Martin, em um seu livro The Keys of this Blood, editado em 1990, portanto 17 anos antes

  • Cardeal Ratzinger: - Orlando Fedeli
    

    Cardeal Ratzinger: ”Estou convencido de que a crise na Igreja, pela qual passamos hoje, é causada em grande parte pela decadência da liturgia, que às vezes é concebida de uma maneira etsi Deus non daretur [Como se Deus não existisse], isto é, que nela não importa mais se Deus existe e se Ele nos fala e nos escuta”

  • A Santa Missa, Sacrifício da Nova Aliança - Manfred Hauke
    

    O Motu Proprio Summorum Pontificum deu um espaço maior à celebração da Santa Missa no rito romano antigo. Essa nova situação está influenciando também a conscientização sobre o que é a Santa Missa, a celebração eucarística.

  • Declaração heróica de Dom Mayer - Dom Antônio de Castro Mayer
    

    Nosso Senhor Jesus Cristo dotou sua Igreja de um sacrifício perfeito, visível como convém à natureza dos homens. Fê-lo na véspera de sua Paixão, na Última Ceia, oferecendo-se como vítima ao Pai Eterno, sob as espécies de pão e vinho. E or¬denou a seus Apóstolos - que no momento constituiu sacerdotes - e aos seus sucessores, que renovassem aquele mesmo sacrifí¬cio, essencialmente idêntico ao do Calvário, embora incruento: o Santo Sacrifício da Missa.

  • Bento XVI e a Missa romana tradicional - Padre João Batista de Almeida Prado Ferraz Costa
    

    Reações muito diversas provocou a resposta do papa Bento XVI a um jornalista em sua recente viagem a França. Disse o papa que o motu próprio Summorum Pontificum, que liberta a missa romana de sempre do poder discricionário a que se encontrava injustamente sujeita, representa um gesto de tolerância para com um pequeno grupo de católicos apegados à forma litúrgica antiga.

  • Polêmica entre FSSPX e IBP e ataque à Montfort - Orlando Fedeli
    
    Publicamos hoje, para conhecimento de nossos leitores, a polêmica entre Padre  Christian Bouchacourt, Superior do Distrito da América do Sul da FSSPX e o Padre Phillipe Laguérie, Superior do IBP, envolvendo a MONTFORT.
  • Sobre o comunicado do Pe Phillipe Laguérie contra a Montfort - Orlando Fedeli
    
    Fomos amargamente surpreendidos pelo comunicado do Padre Phillippe Laguérie, acusando a Monfort de ser anti clerical, de pretender infiltra-se no núcleo do IBP para dominá-lo, de esvaziar o seminário do IBP, destruindo potenciais vocações sacerdotais, de deixar Padre Perrel “sans toit e sans couvert”.
  • Ante confusiones que confunden y que buscan confundir - Padre Rafael Navas Ortiz
    
    Me pregunto: ¿De dónde salieron algunos de los errores, ciertamente involuntarios, en el ‘testimonio’ del P. Renato?
  • Comentatndo uma entrevista de Mons. Fellay: Balanço do Motu Proprio sobre a Missa Tradicional um ano após sua liberação - Nouvelles de Chrétianté, Nº 111 Mai - juin 2008
    

    Essa entrevista revela um posicionamento de Dom Fellay, bem mais favorável ao Papa Bento XVI do que as de outros Bispos da FSSPX, como as de Dom Tissier de MalLerais e de Dom Williamson, cujas entrevistas contém frases duras e até ofensivas à pessoa do Papa, raiando por sede vacantismo prático, mesmo que oficialmente neguem serem sede vacantistas

  • A Igreja é Una - Dom Andrea Gemma
    

    Bradamos com entusiasmo e convicção, cada vez que é preciso, na celebração Eucaristica, proclamamos a nossa fé. A Igreja è una, além de Santa Católica e Apostólica. A Igreja è una: portanto, ela não tem “irmãs”.

  • A verdadeira Liturgia é a ponta de lança da ação de Bento XVI - Orlando Fedeli
    
    Nessa entrevista, Padre Zuhlsdorf confirma a informação de que o Vaticano está para lançar um novo documento, para reforçar o Motu Propro, e anular as resistências episcopais à vontade do Papa de restaurar por toda parte a Missa de sempre.

     

  • Contradições e divisões na FSSPX - Orlando Fedeli
    

    Os últimos acontecimentos nas negociações entre a FSSPX e a Santa Sé deixaram patente uma profunda divisão entre os Bispos seguidores de Dom Lefebvre

  • Hoje a Nova Igreja não pode salvar, está fechada para reformas - Gederson Falcometa Zagnoli Pinheiro de Faria
    

    A Igreja de modernistas e dos teólogos da libertação está fechada para a salvação e aberta para reformas, fechada para o povo e aberta para os teólogos

  • Acordo à vista? A curto prazo? - Novidades de Econe - Orlando Fedeli
    

    Dois textos, sumamente importantes e reveladores, acabam de vir a lume. O primeiro foi um longo e bem matizado trabalho do Abbé Celier da FSSPX, e outro do Superior do Distrito da França da FSSPX, Abbé de Cacqueray. Ambos documentos apontam para um possível acordo de Dom Féllay com Roma.

  • Hans Kung: ´O Concílio Vaticano II introduziu o modelo protestante na Igreja Católica!` - Orlando Fedeli
    

    O Concílio Vaticano II foi o causador da ruína da fé, da auto demolição da Igreja. Só os afetados por cegueira voluntária é que teimam na defesa do mal que dizem não ver.

  • Os defensores do Concílio Vaticano II contra Bento XVI - Orlando Fedeli
    Artigo do herege teólogo Juan Jose Tamayo em defesa do Concílio Vaticano II e contra o Papa Bento XVI
  • Que vale o famoso diálogo ecumênico? - Orlando Fedeli
    O Diálogo, adotado e patrocinado pelo Vaticano II, foi puro relativismo com grave dano da Fé e da certeza católica. Graças a Deus, Bento XVI fez questão de batizar um maometano, publicamente. Desse modo, Bento XVI fez o oposto do que preconiza o diálogo conciliar, que condena esse batismo de um maometano como escandaloso ato de proselitismo.
  • O fogo olímpico e o fogo de Jesus Cristo - Dom Nicola Bux e Dom Salvatore Vitiello
    O desejo humano de fraternidade recebeu um duro golpe: nem mesmo a tocha olímpica se salva da contestação
  • Contra a comunhão na mão - Monsenhor Athanasius Schneider
    Magnífica entrevista - em português - de Monsenhor Athanasius Schneider, que com profunda sapiência e notável ortodoxia doutrinária censura um dos mais repugnantes abusos modernistas e progressistas do pós-Concílio Vaticano II: a comunhão na mão
  • Mons. Ranjith: Comunhão deve ser recebida de joelhos e na boca - Shawn Tribe
    A Libreria Editrice Vaticana publicou um livro, Dominus Est, de autoria do Bispo Athanasius Schneider, onde ele analisa a questão da comunhão recebida de joelhos e na língua
  • Concílio Vaticano II: Descemos a montanha? - Gederson Faria
    Querem que desçamos a montanha para ir em busca das ovelhas perdidas, mas são eles os Pastores, e nós somos as ovelhas. Haverá testemunho mais eloqüente de negação da tradição do que este troca de dever entre pastores e ovelhas?
  • Reforma da Liturgia: Não há volta atrás - National Catholic Reporter
    Artigo do National Catholic Reporter mostra como, por trás da reforma da Missa promovida pelo Vaticano II e determinada por Paulo VI, o que havia era uma nova Eclesiologia. Uma nova visão teológica da Igreja. No fundo, uma nova Fé. Portanto, o Vaticano II e a Nova Missa mudaram a Fé, mudaram a Igreja. Daí, os dessstres posteriores ao Vaticano II que, segundo disse o Cardeal Pacelli, Nossa Senhora de Fátima havia predito que aconteceriam. Nossa Senhora, no Segredo revelado, prevenira que não se convocasse um Concilio. Que não se mudasse a Missa, porque isso equivaleria a um suicidio.
  • Como se amordaça a pesquisa teológica - a obra de José Maria Vigil condenada pelos bispos espanhóis - Claudia Fanti, Adista
    Publicamos, para conhecimento de nossos leitores, um artigo da agência Adista, ligada à Teologia da Libertação. Nesse artigo, pode-se ver de que modo os marxistas da Teologia da Libertação vêem a orientação do pontificado de Bento XVI.
  • Ex geral dos jesuítas confessa que o Concílio Vaticano II trouxe uma nova fé - Orlando Fedeli
    O pronunciamento do ex Geral dos Jesuítas, forçado a renunciar a seu cargo vitalício, é um manifesto progressista em defesa do Vaticano II e das posições teológicas mais extremadas dos promotores do “Espírito do Vaticano II”, condenado por Bento XVI, em seu discurso à Cúria Romana, em 22 de Dezembro de 2005
  • Ave spes única! Ave gaudium verum! - Orlando Fedeli
    

    O que Pio IX condenou no Syllabus, agora, Bento XVI explicita e explica magistralmente: não há possibilidade de conciliação, ou de síntese, entre Catolicismo e o Mundo Moderno, entre Cristianismo e Modernidade.

  • Contra ordem: pode-se evangelizar. Mais, deve-se - Sandro Magister
    A Congregação para a Doutrina da Fé emitiu uma nota contra a "crescente confusão" que penetrou até mesmo nos institutos missionários. Porque por respeito ao diálogo renunciam a pregar e a batizar. Duas situações críticas: Rússia e os países muçulmanos
  • O Manifesto da Apostasia - Orlando Fedeli
    
    Nos tempos atuais de imensa confusão e crise doutrinária, encontram-se padres, e até mesmo Bispos, proclamando doutrinas e posicionamentos os mais disparatados, em grande parte fundamentando-se numa “leitura” da letra do Vaticano II. Até mesmo os mais fanáticos defensores do Concílio reconhecem que o mal dele foi a ambigüidade de sua letra, pois ela propicia várias leituras, e até leituras contraditórias. Escrito ambiguamente de propósito, disso nasceu a crise atual. Cada um lê o Concílio a seu modo. Introduziu-se um livre exame do Concílio que tem material para todos os gostos.
  • Uma nova bomba de Monsenhor Ranjith - Orlando Fedeli
    
    Monsenhor Albert Malcolm Ranjith Pattabendige Don, digníssimo Arcebispo Secretário da Congregação para o Culto Divino e Disciplina dos Sacramentos, tem se notabilizado pela firmeza, assim como pela clareza de seus pronunciamentos. Recentemente, ele tem multiplicado entrevistas, defendendo o Papa Bento XVI, tão injustamente incompreendido e desobedecido por muitos Bispos, e até Cardeais, que se opõem ao Motu Proprio Summorum Pontificum, liberalizador da Missa de sempre.
  • Acordos a prazo estarão à vista? - Orlando Fedeli
    Dom Richard Williamson, um dos quatro Bispos da FSSPX sagrados por Dom Lefebvre, e entre eles o mais resistente a um acordo com Roma, acaba de publicar um bem promissor comentário sobre um possível acordo entre a FSSPX e Roma.
  • A cera e o fogo - Miguel Maria Claret
    Um dos pontos mais indispensáveis para uma alma conseguir guardar perfeitamente a castidade é a fuga das ocasiões próximas de pecado.  Já foi dito que “em matéria de castidade não há fortes nem fracos. Há prudentes ou imprudentes”. Com o pecado original ocorreu uma desordem nas paixões do homem, desordem esta que o inclina constantemente ao mal e que, com o auxílio da graça, pode ser domada, mas não extinta durante esta vida, sendo preciso estar sempre alerta com relação a ela, não lhe dando qualquer ocasião de nos dominar.
  • Trovão anuncia tempestade - Orlando Fedeli
    
    Monsenhor Albert Malcolm Ranjith Patabendje Don, mui digno Secretário da Congregação do Culto Divino e da Disciplina dos Sacramentos, entrevistado exclusivamente pelo site ‘Petrus’, em 5 de Novembro de 2007, fez declarações tonitroantes contra Cardeais e Bispos que estão resistindo ao Papa Bento XVI, porque não querem obdecer ao Motu proprio Summorum Pontificum, que liberou a todos os padres do mundo a celebração da Missa Tridentina.
  • Excelências da batina - Pe. Jaime Tovar Patrón
    

    Esta breve coleção de textos nos recorda a importância do uniforme sacerdotal, a batina ou hábito talar. Valha outro tanto para o hábito religioso próprio das ordens e congregações. Em um mundo secularizado, da parte dos consagrados não há melhor testemunho cristão que a vestimenta sagrada nos sacerdotes e religiosos.

  • Antes do Último Conclave: “Que Disse Eu ao Futuro Papa” - Sandro Magister
    O Cardeal Giacomo Biffi consigna suas memórias em um livro. Eis uma antecipação dele: o discurso pronunciado por ele na reunião a portas fechadas com os Cardeais. E em seguida os seus julgamentos críticos sobre João XXIII, sobre o Concílio, os "mea culpa" de João Paulo II
  • A lição do dia 28 de Outubro - beatificação de mártires espanhóis - Antonio Socci
    

    No dia 28 de Outubro próximo, no Vaticano serão beatificados 498 mártires da feroz perseguição religiosa, que explodiu na Espanha depois de 1931 e especialmente entre 1934 e 1936.

  • São Francisco pacifista, enésima mentira da TV - Sandro Magister
    Frente ao sultão Malek Kamel, São Francisco não pediu, de modo algum, perdão pela ofensiva do exército cristão mas sim, pregou corajosamente o Cristianismo
  • Na Holanda inventam outra Missa. Com o copyright dos dominicanos - Sandro Magister
    A experiência já está em curso. Em lugar do sacerdote, há homens e mulheres designados pelos fiéis. E todos juntos pronunciam as palavras da consagração, que também mudam à vontade. Segundo os dominicanos holandeses, isso é o que quer o Concílio Vaticano II
  • Deo Gratias! E os sinos tocaram novamente... - Vladimir Antonio Sesar
    Depois de quase quarenta longos anos, sufocada pelo estrangulamento causado pela nova liturgia promulgada por Paulo VI, a Igreja respirou novamente os ares da Verdadeira Liturgia católica de sempre
  • Monsenhor Rafaelle Nogaro: Contra o Papa, o Motu Próprio... e contra o Concílio Vaticano II! - Othon Campos
    Mons. Rafaelle Nogaro: "A missa em Latim é uma distorção do fato religioso. (...) Este não é um instrumento apropriado para estabelecer uma verdadeira relação com Deus. Ajudar as pessoas a rezar é um esforço honrável. É isso que eu tentei fazer ao permitir o uso da Tenda de Abraão aos muçulmanos e a capela próxima a Catedral para ser usada pelo Ortodoxos."
  • Quem escapa dessa excomunhão hoje? - Orlando Fedeli
    
    O Motu Proprio PRAESTANTIA SCRIPTURAE, no qual São Pio X declara, com toda a autoridade papal, que estão excomungados, latae Sententiae, todos aqueles que defenderem os erros do Modernismo, condenados no Decreto Lamentabili e na encíclica Pascendi
  • As prefigurações do Messias no Antigo Testamento - Afonso Bosco
    Deus quis espalhar por todo o Antigo Testamento acenos do que se realizaria com o Messias, de modo que as pessoas se lembrassem que é Deus quem rege a História e que é Ele quem nos salva, e não a nossa sabedoria
  • Triunfo da Missa de Sempre - Orlando Fedeli
    Domingo último, 16 de Setembro, realizou-se no Mosteiro de São Bento de São Paulo a perfeita aplicação do Motu Proprio Summorum Pontificum de Bento XVI, liberador da Missa de sempre. Praticamente, há quarenta anos não era rezada a Missa de sempre no altar central do principal Mosteiro beneditino do Brasil.
  • Reações de prelados contra a Missa Tridentina - Marcelo Fedeli
    
    Notei ainda como, tendo a mesma inimizade fundamental à Missa, os ‘inimigos de quem Vós [Cristo] sois tanto amigo’  manifestam publica e descaradamente  o seu repúdio à Santa e milenar Missa, lançando a esmo slogans, uivos e rugidos similares,  como vulcões lançam aqui e acolá suas lavas destruidoras, visto surgirem do mesmo  profundo e escuro sub solo, transportando em suas artérias a mesma e incendiária lava modernista.
  • Site da CNBB não noticia a entrada em vigor, hoje, do Motu Proprio do Papa Bento XVI, que libera a Missa Tridentina - Marcelo Fedeli
    Enquanto a imprensa leiga mundial, noticia  hoje, 14 de setembro, a entrada em vigor do Motu Proprio do Papa Bento XVI – Summorum Pontificum – liberando a Missa de Sempre a qualquer sacerdote qu queira celebrá-la, o site da CNBB parece desconhecer o fato, nada publicando a respeito
  • Mais um lobo uiva contra Bento XVI - Orlando Fedeli
    

    Mais um lobo modernista uiva na noite conciliar contra o Motu Proprio Summorum Pontificum de Bento XVI, contra a Dominus Jesus e contra a Declaração da Congregação da Doutrina da Fé sobre o termo subsistit, de 10 de Julho de 2007, afirmando que as seitas protestantes não são Igrejas e não podem ser tidas como Igrejas.

  • Diálogo ou magistério? - Orlando Fedeli
    

    Após o Concílio Vaticano II, entrou na moda o “diálogo”. Todo o mundo, na Igreja, começou a dialogar. Como na Torre de Babel, todos falavam, todos dialogavam. Ninguém se entendia. Assim também, após o Vaticano II ninguém mais se entendeu, mesmo dentro da Igreja. 

  • Os dominicanos holandeses querem celebrar Missa sem o Padre - Sandro S. Magister
    Dominicanos Holandeses lançam uma proposta que visa  subverter a ordem de qualquer Missa, nova ou velha que seja. Sempre que não houvesse padres disponíveis, os padres dominicanos propõem que uma pessoa escolhida pela comunidade presida igualmente a celebração da eucaristia.
  • A conversão do homem a Deus é a tarefa da Igreja - Pe. Nicola Bux e Pe. Salvatore Vitiell
    Jesus quis a Igreja para falar de Deus ao mundo e para que o homem se converta e viva. Mas, ao invés, sempre mais frequentemente nos deparamos com livros escritos por cristãos e intervenções públicas de Pastores que descrevem ou induzem a compreender a Igreja como fenômeno geográfico e político
  • Bis, após o Motu Proprio - Orlando Fedeli
    Publicamos antes do Motu Proprio de Bento XVI o artigo intitulado Um Decreto papal do qual repetimos, aqui, um trecho. Colocamos entre colchetes uma complementação atualizando o artigo
  • Que não se levante o Missal como uma bandeira - Vittorio Cristelli, Adista
    Os modernistas confessam que o problema da Missa nova e da Missa de sempre não é apenas uma questão de língua, mas de Fé. E na Igreja Católica só pode haver uma fé que se expressa numa só liturgia, pois que a Lex orandi tem que expressar a única Lex credendi.
  • Sinodo Valdense e Metodista chia contra Bento XVI, defendendo o ecumenismo do Vaticano II
    Temos o prazer e alegria de publicar um manifesto dos hereges valdenses e metodistas italianos, declarando que, com o Motu Proprio restabelecendo a Missa de sempre, e com a Declaração de que só na Igreja Católica Apostólica Romana subsiste a única Igreja de Cristo, Bento XVI restabeleceu o espírito da Contra Reforma, e não o do Vaticano II                              
  • Outro torpedo contra o Concílio Vaticano II - Orlando Fedeli
    Devem os católicos obedecer a Paulo VI, que seguiu o “espírito do Vaticano II”, ao fazer uma Nova Liturgia violadora da letra do Concílio, ou devem seguir Bento XVI que condenou o “espírito do Concílio”?
  • Boff conclama à revolta contra o Papa - Orlando Fedeli
    O ex frade Leonardo, atualmente Genésio Boff, publicou um artigo enfileirando-se entre aqueles que conclamam resistência-- e até revolta aberta – contra o Papa Bento XVI. Em artigo absurdo, Boff acusa a Igreja Católica de atuar como seita
  • O Concílio, o Novus Ordo Missae e as inovações litúrgicas sem fim - Cardeal Alfons M. Stickler
    Oferecemos aos leitores do site Montfort um importante documento sobre a reforma litúrgica da qual resultou a Missa Nova de Paulo VI. Trata-se de crítica feita pelo cardeal Stikler. Esse docuemnto é de alguns anos atrás, e nos chegou às mãos numa versão em castelhano, contendo falhas. Apesar disto, nós o traduzimos, por causa de sua importânica e atualidade. Se tivermos acesso ao documento original, reveremos esta tradução, que, infelizmente, deixa a desejar
  • Prof. Felipe de Aquino não trouxe nada de novo - Fabio Vanini
    Como podem os defensores do Concilio Vaticano II e da Reforma Litúrgica de Paulo VI defenderem que houve um sepultamento de todo o passado litúrgico de 2000 anos, e, ao mesmo, tempo desdenharem da nova regra de Bento XVI – dando ampla liberdade à Missa de sempre – alegando-se que não houve nenhuma novidade?
  • Um bispo modernista e muito contraditório - Orlando Fedeli
    Dom Fernando Mason, Bispo de Piracicaba: “Algumas religiões, porém, não são somente busca que o ser humano faz. Judaísmo, cristianismo e islamismo são testemunhas de um desvelamento (revelação) que o divino fez de si vindo ao encontro da busca humana, e para nós, cristãos, neste desvelamento está engajado nada mais que o Filho de Deus: Jesus Cristo, nossa experiência originária”
  • O “Credo” divulgado pela CNBB é realmente o Credo dos Bispos do Brasil? - Marcelo Fedeli
    Sobre o ´Credo` utilizado na celebração do ´Grito dos Excluídos` em 07 de setembro de 2007
  • Seguir a “Mulher vestida de Sol” contra o “dragão” do materialismo - Orlando Fedeli
    Exatamente na hora do triunfo das trevas que Bento XVI tem a coragem de proclamar que a vitória virá por meio da Mulher vestida de Sol – Nossa Senhora de Fátima
  • Mais um torpedo contra o Concílio Vaticano II - Orlando Fedeli
    Cardeal Henri de Lubac, mestre e inspirador do Concílio Vaticano II: "O pós Vaticano II foi a vitória do protestantismo no interior da Igreja Católica"
  • Dossier: O Motu proprio de Bento XVI - N. Bux e S. Vitiello
    Dossier elaborado pelo Padre Nicola Bux, teólogo do Papa Bento XVI e por seu auxiliar Padre S. Vitiello, tratado do Motu Proprio Summorum Pontificum. Este dossier contém alegações sumamente importantes sobre a não abrogação da Missa de sempre, assim como das injustiças e abusos cometidos por Bispos contra os padres que desejavam celebrar esta Missa
  • O Concílio Vaticano II, o Cardeal Martini e o Motu Proprio de Bento XVI - Marcelo Fedeli
    Prelados criticam o Motu Proprio  em nome do Concílio Vaticano II sem jamais indicar um só artigo  promulgado por aquela assembléia. Por que?
  • Os acontecimentos atuais à luz de Fátima e dos sonhos de D. Bosco - Orlando Fedeli
    A recente liberação da Missa de sempre feita pelo Motu Proprio do Papa Bento XVI, parece apontar para um novo passo em relação a Nossa Senhora: a publicação da íntegra do Terceiro Segredo de Fátima, que – ao que consta --, prevenia contra a convocação do Concílio e contra a mudança da Missa, coisas que João XXIII e Paulo VI não atenderam
  • Pe. Laguérie comenta o documento da Sagrada Congregação para a Doutrina da Fé, de 29/06/2007 - Pe. Philippe Laguérie
    Cinco respostas sobre o caráter único da Igreja de Cristo que é a Igreja Católica Romana
  • O Motu Proprio é um texto de etapa - Pe. Claude Barthe
    A reforma de Paulo VI, depois de quarenta anos de uso, não tendo dado os frutos esperados, é preciso suave e pacientemente, muito mais na prática do que nos textos, passá-la por uma "reforma da reforma", que a aproximará progressivamente do uso "antigo e venerável"
  • Papa Bento XVI corrige o Concílio Vaticano II - Sandro Pelegrineti de Pontes
    O Concílio Vaticano II ensinou que a Igreja ainda precisa de "purificação" (portanto, não é totalmente pura). Mas no compêndio do Catecismo da Igreja Católica, o papa Bento XVI ALTEROU este ensinamento do Vaticano II e disse que a Igreja é sempre pura, e que somos nós, os seus filhos, que precisamos de purificação.
  • Cremos em uma única Igreja - Pietro Siffi, ppanews.it
    A Igreja é uma só, santa, universal e que manteve intacta a sucessão apostólica. Uma, como uma é a Esposa de Cristo. Uma, como um só é o sua Cabeça
  • Christus vincit !!! - Motu Proprio Summorum Pontificum - Orlando Fedeli
    42 anos após o Vaticano II, depois de 38 anos de Missa Nova de Paulo VI, o Papa Bento XVI liberou a Missa de sempre dos entraves que a má vontade de certos Bispos modernistas lhe opusera. Má vontade, porque a Missa de sempre nunca foi revogada e nem proibida
  • Palavras de Doutrina: Em direção ao Motu Proprio - Rev. Nicola Bux e Rev. Salvatore Vitiello
    O Motu Proprio é um ato de responsabilidade pessoal do Papa que está estendendo a liberdade da Igreja
  • O Motu Proprio ... "o proprio il terremoto?" - Orlando Fedeli
    A notícia de que o Papa Bento XVI vai liberar a Missa de sempre por meio de um Motu Proprio faz os modernsitas rangerem os dentes de fúria incontida, ao mesmo tempo que causa desespero nos semi modernistas em sua splendorosa falsitatis
  • ´Ite, missa nova est!` - Padre Bux critica a Missa pós Conciliar - Orlando Fedeli
    Às vésperas da promulgação do Motu Proprio de Bento XVI, liberando a Missa de sempre, o teólogo da Casa Pontifícia, Padre Nicola Bux publica artigo fazendo pesadas críticas à liturgia pós conciliar, afirmando que "A relação intrínseca entre Celebração eucarística e adoração após o Concílio não foi claramente compreendida"
  • Torpedo do Cardeal Ratzinger atinge em cheio o Concílio Vaticano II - Orlando Fedeli
    Cardeal Ratzinger: "algo que necessita de interpretação para continuar existindo, na verdade, já deixou de subsistir"
  • Dois livros - Orlando Fedeli
    Comentário sobre os livros "Mons. Marcel Lefebvre. Una Vita" de Dom Tissier de Mallerais. Bispo da FSSPX e "Cien Años del Modernismo" do Padre Dominique Bourmaud
  • Terceiro Segredo de Fátima: Teria Nossa Senhora condenado o Concílio Vaticano II e a Missa Nova - Orlando Fedeli
    Artigo de Antonio Socci prova que existe um texto do Segredo de Fátima que o Vaticano mantém secreto porque Nossa Senhora, ao que tudo indica, previra o desastre que seria o Vaticano II e a Nova Missa que ela teria chamado de apostasia
  • Teólogo da Libertação diz o que foi o Concílio Vaticano II - Orlando Fedeli
    O Concílio Vaticano II, sendo propositadamente ambíguo, querendo ser interpretativo, nada definiu, nada ensinou com autoridade definitória. Como tê-lo como infalível? Como tê-lo como magisterial?
  • Foi revelado o Terceiro Segredo de Fátima? - Orlando Fedeli
    Em Fátima, no Terceiro Segredo, Nossa Senhora previu o Concílio Vaticano II e a Missa Nova e os qualificou de suicidas
  • O Quarto Segredo de Fátima - John Vennari
    Autor italiano da atualidade argumenta que o Terceiro Segredo de Fátima não foi revelado em sua totalidade. O secretário do Papa João XXIII admite que existam dois textos
  • Eis o Terceiro Segredo de Fátima: O cardeal Pacelli o leu... E contou algo - Orlando Fedeli
    No Terceiro Segredo de Fátima, Nossa Senhora teria antecipadamente acusado o Concílio Vaticano II e a Missa Nova de Paulo VI como suicidas. É por isso que os Papas têm se recusado a publicar o Terceiro Segredo de Fátima: ele  condena o Concílio Vaticano II e a Nova Missa de Paulo VI
  • Cardeal Castrillón Hoyos anuncia o Motu Proprio ao CELAM: Bento XVI quer que se libere a missa de sempre - Orlando Fedeli
    Cardeal Hoyos: "Por estas razões, o Santo Padre tem a intenção de estender a toda a Igreja latina a possibilidade de celebrar a Santa Missa e os Sacramentos conforme os livros litúrgicos promulgados pelo Beato João XXIII em 1962"
  • Primeiro fruto da viagem de Bento XVI ao Brasil: Boff tira a máscara - Orlando Fedeli
    Irritada com os vários pronunciamentos do Papa em sua visita ao Brasil, especialmente com aquilo que o Papa disse aos Bispos da CNBB, a Teologia da Libertação se vê perdida, e, por meio de seu principal heresiarca brasileiro, parte para uma guerra declarada contra o Papa e contra a Igreja Católica.
  • E o Motu Proprio? - Orlando Fedeli
    Muito se tem anunciado o Motu Proprio que o Papa Bento XVI promulgaria, liberando a Missa de sempre para qualquer padre rezá-la, em qualquer parte do mundo. Mas, afinal, quando ele será promulgado?
  • E agora? Como fica o Ecumenismo? E como fica o Concílio Vaticano II - Orlando Fedeli
    O Magistério de Bento XVI contradiz o que diz o Concílio Vaticano II com relação as ´sementes do Verbo` presentes nas religiões pagãs
  • A sentença sobre o teólogo Jon Sobrino visa todo um Continente - Sandro Magister
    Indicando os erros de dois livros, o Vaticano quis advertir em particular a seus leitores da América Latina: Bispos, sacerdotes e leigos. Isso significa o prelúdio da próxima viagem de Bento XVI ao Brasil. No centro de tudo, está a questão sobre quem é o verdadeiro Jesus
  • Reações a Exortação Apostólica Sacramentum Caritatis do Papa Bento XVI - Orlando Fedeli
    

    As reações a este documento papal têm sido bastante fortes e contrastantes. De um lado, os modernistas se mostraram muito furiosos, e até de modo surpreendente, sem a prudência serpentina que sempre os caracterizou. De outro lado, os que esperavam desse documento a reforma da reforma ficaram um tanto decepcionados.

  • A grande intervenção - Paolo Giorgi, APRILE Info On Line
    O documento Sacramentum Caritatis não é outra coisa senão o definitivo selo papal à Restauração. O Sumo Pontífice – Bento XVI – reafirmou que “os políticos e legisladores católicos” não devem votar leis contrárias à “natureza humana”. Isto é o fim do Concílio Vaticano II.
  • Demolidores da Igreja - Orlando Fedeli
    Análise do livro do Pe. Libânio, "A Volta à Grande Disciplina", onde se descreve o plano de auto-demolição da Igreja
  • O mais violento ataque ao Concílio Vaticano II - Orlando Fedeli
    Num retiro de Quaresma para o Papa Bento XVI e os Cardeais da Cúria Romana, o Cardeal Biffi compara o Concílio Vaticnao II ao Anticristo
  • Perigo do Anticristo! O cardeal Biffi dá o alarme à Igreja - Sandro Magister
    O arcebispo emérito de Bologna relê a célebre narrativa do filósofo russo Vladimir Soloviev e a aplica ao cristianismo de hoje. Objetivo colateral: o cardeal Martini
  • CNBB versus Igreja Católica - Othon Campos
    Nova campanha da fraternidade da CNBB (sobre a Amazônia) prefere tratar das coisas terrenas ao invés da salvação das almas.
  • O véu Eucarístico - São Pedro Julião Eymard
    Ótimo trecho de um livro de São Pedro Julião Eymard que, ao condenar o desejo de ver e ouvir fisicamente Nosso Senhor oculto nas sagradas espécies, também condena a noção modernista de "encontro pessoal com Cristo".
  • A Nova Missa: uma Liturgia frouxa para um Magistério incerto - Pe. Barthe, Le Forum Catholique
    "A nova liturgia foi um remédio? Antes nossas Igrejas estavam cheias ou vazias? Elas foram despovoadas! É evidente que isso não foi somente por causa da Missa, mas a Missa foi transformada num rito do mundo entre outros ritos e brutalizar o sagrado é uma coisa grave. Esqueceu-se o sentido de sacrifício. A eucaristia conduz à ressurreição, mas passando pela paixão e pela morte"
  • Tradição ou interpretação? - Orlando Fedeli
    Condenando o “Espírito do Vaticano II “ Bento XVI deu razão à Tradição, ao dogma objetivo, que considera que há uma verdade objetiva e imutável, que é ensinada infalivelmente pela Igreja. Portanto, condenado a hermenêutica da ruptura, Bento XVI se aproximou da posição dos lefebvristas e da posição de São Pio X.
  • Ritus Romanus et Ritus Modernus - Houve Reforma litúrgica antes de Paulo VI? - Monsenhor Klaus Gamber, Diretor do Instituto Litúrgico de Ratisbona
    Temos, hoje, a alegria de publicar um excelente artigo de Monsenhor Klaus Gamber defendendo a Missa de sempre, e mostrando o perigo da Missa Nova para a Fé. Monsenhor Klaus Gamber, uma grande autoridade em Liturgia, escreveu livros contra a Missa Nova, os quais foram elogiadas pelo então Cardeal Ratzinger
  • Quando um herege diz a verdade: Confissões do modernista dominicano Jean Cardonnel - Orlando Fedeli
    Artigo do padre dominicano Jean Cardonnel, defensor das heresias comunistas da Teologia da Libertação, atacando a Missa de sempre e seu defensor autorizado por decreto Papal, o Abbé Philippe Laguérie.
  • Duas entrevistas: Dom Fellay, excelente! Tanouarn, lamentável, violando um dos fins do IBP! - Orlando Fedeli
    Acabam de ser publicadas duas entrevistas, uma de Monsenhor Fellay, outra do Abbé de Tanouarn. Numa delas, o Abbé de Tanouarn decepciona por sua mudança de postura face aos erros do Concílio Vaticano II, sobre ecumenismo e liberdade de religião, constituindo-se numa espantosa posição contrária a um dos fins institucionais do Instituto IBP, ao qual ele pertence. Enquanto isso, Dom Fellay, mantendo a posição correta e firme contra os principais erros do Vaticano II, mostra como a famosa releitura do Vaticano II à luz da Tradição é ambígua e insuficiente apesar de ter sido usada pelo próprio Dom Lefebvre.
  • A Verdade e o número - Homilia contra os que consideram o número como prova da verdade - Santo Atanásio
    Homilia de Santo Atanásio contra os que consideram o número como prova da verdade ou que não julgam a verdade senão pelo número.
  • Nascimento semi-secreto do ecumenismo - Marcelo Fedeli
    Cerimônia Ecumênica presidida por Paulo VI na Basílica de São Paulo-fora-dos-muros, Roma, no dia 04 de dezembro de 1965
  • ´Por muitos`. Não ´por todos` - Orlando Fedeli
    Acaba de ser noticiado — mas, não pelo Vaticano — que a Congregação para o Culto Divino lançou um decreto [datado de 17 de Outubro passado] determinando que, nas Missas, sejam proferidas fielmente as próprias palavras da consagração empregadas por Jesus Cristo, na quinta-feira Santa, quando o Divino Mestre instituiu a Sagrada Eucaristia.
  • Carta aos chefes da cúria: A Igreja da França, uma catástrofe para a Igreja católica - Jean Chrétien, Le forum Catholique
    "Socorro! O Episcopado francês, desde o Concílio, colocou a Igreja de joelhos. Um verdadeiro desastre! Uma descristianização profunda!"
  • O alvo visado é o Concílio Vaticano II - PROLITURGIA
    PROLITURGIA - movimento favorável à Missa nova nascida do Concílio Vaticano II -, critica o Episcopado francês. Arcebispo de Paris afirma que a defesa da Missa de sempre é, no fundo, uma crítica radical ao Vaticano II
  • A prioridade da doutrina sobre a ação social - Padre Nicola Bux
    Pe. Nicola Bux ressalta a prioridade da doutrina sobre a ação social, contra o RELATIVISMO, comentando palavras do Papa na Alemanha, com a confirmação clara e explícita crítica àquele Congresso que se realiza em Verona por estes dias
  • Paulo VI: ´Liberar a Missa de São Pio V é condenar o Concílio Vaticano II por meio de um símbolo` - Orlando Fedeli
    A Nova Missa exprime uma nova teologia diversa da teologia de Trento. A Nova Missa é a expressão da teologia democrática e antropocêntrica de Igreja da Lumen Gentium do Vaticano II. Por isso, permitir a Missa antiga de São Pio V é abandonar a teologia do Vaticano II, e, como afirmou rotundamente Paulo VI, isso equivale a condenar o Concílio simbolicamente.
  • Falta de Padres: de quem é a culpa? - Association Pro Liturgia
    Dizem-nos que, por falta de padres, não é possível garantir missas regulares em todas as paróquias e que os leigos devem doravante presidir os funerais. Falta de padres? Será que nos fizeram comer gato por lebre?
  • ´LOBOS` uivam contra decisões do papa Bento XVI - Marcelo Fedeli
    Motivo: a Missa Tridentina e a crítica construtiva ao Concílio Vaticano II, duas prerrogativas do INSTITUTO DO BOM PASTOR
  • Polêmica com Prof. Felipe Aquino sobre o Instituto do Bom Pastor - Orlando Fedeli
    

    Prof. Felipe de Aquino falseia a verdade sobre o recém criado Instituto do Bom Pastor dizendo que os integrantes do mesmo aceitam o Concílio Vaticano II

  • A Criação do Instituto do Bom Pastor é uma Bomba! - Pellicanus (Le Forum Catholique)
    A criação do Instituto do Bom Pastor é uma bomba, uma bomba que faz explodir unilateralmente o "muro de Berlin" que foi edificado há trinta anos já, entre "A Igreja conciliar" e a FSSPX
  • "Gloria in excelsis Deo" - criação do Instituto do Bom Pastor - Orlando Fedeli
    Acaba de ser publicado o decreto que dá nascimento ao Instituto do Bom Pastor, com o direito de rezar exclusivamente a Missa de sempre
  • A proximidade da Missa nova de Paulo VI com a ´ceia` Luterana - Marcelo Fedeli
    Afirmações de Mons. Bugnini, do jornal L'Osservatore Romano e de Jean Guitton, amigo íntimo de Paulo VI sobre o "afastamento"  da Missa nova de Paulo VI "da teologia católica da Missa"
  • Um sacrílego e escandaloso Padre Pop - Orlando Fedeli
    Padre Itamar Gonçalves, de Americana, em uma entrevista escandalosa, não condena fiel que divide a Sagrada a Hóstia e a dá a um cachorro
  • A propósito da reeleição de Monsenhor Fellay - Padre Philippe Laguérie
    O futuro da Fraternidade Saint Pie X, há meses, estava em suspenso por causa do Capítulo Geral e a este fato: a reeleição do Superior Geral e a de seus assistentes. Na Terça Feira, dia 11 de Julho de 2006, Monsenhor Bernard Fellay foi reeleito para um segundo mandato de doze anos, de acordo com os estatutos
  • Teologia e Secularização - importante documento do Episcopado Espanhol - Orlando Fedeli
    O Episcopado espanhol divulgou importante documento doutrinário condenando linhas teológicas heterodoxas nascidas do Vaticano II, e que têm  se insubordinado contra as diretivas e ensinamentos papais desde os tempos de João Paulo II.
  • Heresias de uma "gerente" de Igreja - Orlando Fedeli
    Paroquiana, "Coordenadora de Ministros", prega Teologia da Libertação e Protestantismo em artigos publicados num boletim paroquial
  • São Francisco de Sales e o Latim na Missa - Daniel Pinheiro
    O que fundamenta a utilização do Latim na Igreja são aspectos doutrinários, que contribuem para a santificação dos próprios fiéis.
  • Papa Bento XVI: Religiosos e Religiosas devem demonstrar vida casta usando batina
    Discurso de SS o Papa Bento XVI aos superiores e superioras gerais dos Institutos de Vida Consagrada e das Sociedades de Vida Apostólica
  • O Evangelho Modernista, segundo Frei Larrañaga - Orlando Fedeli
    Análise do péssimo livro "O Pobre de Nazaré", de Frei Inácio Larrañaga, fundador das Oficinas de Oração e Vida
  • Um decreto papal - Orlando Fedeli
    Texto de um romance do Pe. Malachy Martin descreve quase que profeticamente a situação atual da possível liberação da Missa de S.Pio V pelo Papa
  • Das duas Missas, uma - Abbé Claude Barthe - qien.free.fr
    Na hora em que se anuncia com insistência a possível liberação da Missa de sempre, o Padre Barthe publica um artigo bem importante, mostrando que muitas autoridades, mesmo progressistas, se opuseram  à Nova Missa de Paulo VI
  • A apostolicidade da Eucaristia e a relação entre sacerdotes e fiéis leigos na Santa Missa - Pe. Manfred Hauke
    

    Artigo publicado no Osservatore Romano sobre a Liturgia e os atuais abusos que nela se praticam mostra como estes erros atuais já haviam sido condenados pela encíclica Mediator Dei de Pio XII e favorecem uma protestantização da Missa.

  • Comentário do livro "Suba Comigo" de Pe. Inácio Larrañaga, fundador da "Oficina de Oração e Vida" - Orlando Fedeli
    Nesse novo livro fica patente o modernismo de Frei Larrañaga, desorientador dos fiéis que seguem suas Oficinas de Oração e Vida, e que são mais escolas de Morte espiritual
  • Comentário do livro "Encontro" de Pe. Inácio Larrañaga, fundador da "Oficina de Oração e Vida" - Orlando Fedeli
    Alguns membros da Oficina de Oração e Vida reclamaram de nossas críticas à algumas idéias expressas pelo Pe. Inácio Larrañaga sem termos lido suas obras. Atendemos seu pedido, lendo uma primeira obra desse sacerdote. Ela só veio confirmar o juízo negativo que fizeramos das idéias místicas e anti intelectuais desse autor.
  • Cristo é reconfortante e humilde, assim como poderoso e forte - Dom Robert Vasa, Bispo da Diocese de Baker, Oregon
    Vivemos numa época que enfatiza enormemente a tolerância, a convivência e a aceitação mútua. Já ouvi repetidas vezes, ao longo dos anos, que "Jesus nunca julgou, condenou ou excluiu ninguém". Imagino se Pedro concordaria com isso, quando as palavras de Jesus "Vade retro, Satanás" ainda zumbiam em seus ouvidos.
  • Ecce Nuntia: Lentes embaçadas e sem luz... - André Roncolato
    "Desencontro" de informações nas notícias publicadas pela CNBB incita os católicos ao comunismo
  • Reabilitação de D.Lefebvre e de D.Mayer? - Orlando Fedeli
    Correm insistentes rumores — cada vez mais fundamentados — de que o Papa Bento XVI estaria para publicar um decreto anulando as excomunhões de Dom Lefebvre e de Dom Mayer, por terem sagrado Bispos, sem licença do Papa. Isto ocorreria na reunião com a Cúria, a ser realizada no próximo dia 13 de Fevereiro.
  • Desmentido de D.Fellay - Orlando Fedeli
    Sobre sermão que Dom Fellay pronunciou em 02-02-06, em Flavigny, no qual desmente os rumores de um acordo entre a FSSPX e Roma, que seria promulgado em Fevereiro.
  • A CNBB promove o sincretismo religioso - Marcelo Fedeli
    No 11o Encontro Nacional de Padres, promovido pela CNBB, está programado um show com o cantor Zé Vicente, cujas letras exaltam o "Deus Indio, Divino Tupã" 
  • A parábola do bom samaritano - Orlando Fedeli
    Sem pretender ensinar a parábola ao vigário, mas apenas aos leitores do site Montfort, que são famintos ou sedentos de saber, decidi explicar a parábola do Bom Samaritano, seguindo as sapientíssimas lições de um monge medieval pouco conhecido, Hugo de São Victor, que viveu no século XII na Abadia de São Victor, em Paris.
  • Obediência seletiva - Concílio Vaticano II e nova missa - Orlando Fedeli
    Geralmente, os padres que se mostram ferozes inimigos da Missa de sempre, que se colocam como teólogos solícitos da defesa da Fé pastoral do Vaticano II e da Nova Missa de Paulo VI – sempre dizendo-se obedientes ao Papa – são os que nem ligam ao que o Papa ensina ou manda.
  • Há um Cardeal Excomungado. Seria ele um brasileiro? - Orlando Fedeli
    Contrariando a lei da Igreja que pune com excomunhão a revelação do que acontece no Conclave, um dos quatro cardeais brasileiros, que foram eleitores no último Conclave, que elegeu o Cardeal Ratzinger como Papa Bento XVI, entregou ao jornal O GLOBO, o seu caderno de notas diárias, redigido durante o Conclave.
  • Canto Gregoriano e canções da comunidade eclesial de hoje -- duas missas, duas liturgias, duas teologias - Marcelo Fedeli
    A propósito da entrevista do Mons. Valentí M. Grau, Presidente do Instituto Pontifício de Música Sacra, publicada pela ZENIT, sob o título: “O CANTO GREGORIANO DEVERIA RETORNAR”
  • Sabedoria Romana - Entrevista do Cardeal Hoyos - Orlando Fedeli
    Para o Cardeal Hoyos, dizer que o Vaticano II tem erros não é heresia. Criticar a Missa nova como protestantizante não é heresia. Isto é o que ficará claro com o possível decreto de acordo dos lefevristas com Bento XVI.
  • Um novo Gandhi em Cabrobó? - Orlando Fedeli
    Está tendo muita repercussão na mídia a atitude de um Bispo,  – Dom Frei Luís Cappio -- , que se declarou em greve de fome, para impedir que o Governo Lula realize o projeto de desvio de águas do rio São Francisco para irrigar o Nordeste.
  • Tristeza, Vergonha, Indignação: Comentando um Comunicado Político da CNBB - Orlando Fedeli
    
    É com tristeza que comentamos o último Comunicado da CNBB, cujos autores, enquanto Bispos, são dignos de todo respeito por serem sucessores dos Apóstolos. Porém a CNBB, enquanto entidade, não tem esse mesmo direito apostólico pois não têm caráter divino. Nesse Comunicado, a CNBB trata – pudicamente, sem identificar pessoas e partido, e sem nomear o governo e o Presidente Lula – da crise que abala as instituições e o Brasil. O cuidado da CNBB em não citar o PT e os petistas, culpados pela corrupção que escandaliza e abala nosso país, provém do fato de que muitos Bispos da CNBB foram promotores do PT, esse partido socialista e castrista,  que jamais poderia ter sido patrocinado por Bispos católicos, visto que a Igreja sempre condenou o socialismo, e mesmo o pretenso socialismo cristão.
  • A Eclesiologia do Vaticano II - Orlando Fedeli
    
    "Nos documentos do Concílio Vaticano II pode-se encontrar uma sugestiva síntese da relação entre o cristianismo e o iluminismo". Essa frase de João Paulo II comprova qual o erro profundo do Vaticano II: pretender sintetizar a doutrina católica com a doutrina do iluminismo maçônico. Misturar água limpa com água suja só faz sujar o que era limpo.
  • Carta do Cardeal Ratzinger ao teólogo Heins Lothar Barth
    Carta do Cardeal Ratzinger ao teólogo Heins Lothar Barth, professor da Universidade de Bonn, em 23 de junho de 2.003. Nesta carta, o futuro papa Bento XVI defende um retorno gradual da missa de S. Pio V para toda Igreja
  • Fidelidade à Liturgia de Sempre
    Recebemos de um leitor este respeitoso pedido de diálogo e de esclarecimento feito por sacerdotes de Anápolis ao seu novo Bispo que, ao mesmo tempo que defende o famoso diálogo com outras religiões, não dialoga com seus próprios padres diocesanos, impondo-lhes concepções litúrgicas contrárias às disposições da Sé Apostólica
  • Habemus Papam!!! - Orlando Fedeli
    O Cardeal Ratzinger é eleito Papa com o nome de Bento XVI. VIVA O PAPA !!!
  • Novos padres da Igreja: Missa de Carnaval - Una Vox
    

    Como deixar de lembrar que em tempos um tanto mais sérios, nos conventos, os religiosos e as religiosas, durante o tempo do carnaval, rezavam incessantemente para compensar os pecados que se cometiam no mundo naquele período. Como mudou a Igreja -- [o CLERO ]-- Hoje, o Carnaval se faz na Igreja!

     

  • Como apresentar hoje a fé cristã: duas instruções para ganhar o ouro - La Civiltà Cattolica
    O renomado vaticanista Sandro Magister comenta dois recentes escritos criticando a mentalidade ecumênica que tende a colocar no mesmo plano as “três grandes religiões monoteístas” (um da Diocese de Roma e outro da revista "Civiltà Cattolica)
    Segundo Magister, em resumo, ambos os livros "são sinais de uma nova posição de apresentar hoje as razões da fé cristã: posição mais de rompimento que de conformidade com o espírito do tempo, mais de distinção que de adaptação, mais de missão que de diálogo".
    Trata-se de um livro da diocese de Roma sobre o “Credo” e de um artigo da “Civiltà Cattolica” sobre o “Padre nosso”. Ambos muito orgulhosos do primado do cristianismo. E muito severos contra os céticos e contra as religiões rivais.
    Foram publicados em Roma dois importantes escritos que visam orientar o modo de anunciar ao mundo a fé cristã.
  • No caminho de Emaús - Orlando Fedeli
    Comentários sobre a passagem dos Discípulos de Emaús.
  • Anotações "esquecidas" I: Preparação para o Concílio Vaticano II - Marcelo Fedeli
    Notícias do longínquo 1959/60, e anotações posteriores, a respeito da preparação do Concílio Vaticano II, revelam que esse Concílio, nos moldes que o Papa João XXIII deixara entrever, era coisa bem diversa daquilo que os trabalhos preparatórios deixavam prever.
  • Anotações "esquecidas" II: A importância do latim na Liturgia - Marcelo Fedeli
    O Latim, antes do Concílio Vaticano II, mantinha a unidade, a elevação, a sacralidade e a solenidade da liturgia do rito romano, e possibilitava a qualquer fiel acompanhar a liturgia em qualquer país em que se encontrasse. Era a língua universal da Igreja, e o fiel, mesmo não tão letrado, sabia o que significam as palavras pronunciadas pelo sacerdote e pelo povo na liturgia de então. O que não acontece hoje com a utilização do vernáculo.
  • Retrato de uma profanação: fotografias de um ritual hindu no Santuário de Fátima - John Vennari *
    Reportagem Especial: o “Catholic Family News” obteve uma cópia de vídeo da transmissão realizada em 5 de maio pelo canal “SIC Television” de um Ritual Hindu realizado no Santuário de Fátima. Pela primeira vez, veja a reportagem com fotos deste evento! Para eles, Nossa Senhora de Fátima é uma manifestação de um de seus deuses.
    (*com autorização).
  • Considerações sobre a gnose: Panteismo e Gnose - Orlando Fedeli
    O Panteísmo, no fundo, é materialista. A Gnose se apresenta como espiritualista. O Panteísmo recusa tudo o que contraria o seu racionalismo. A Gnose é essencialmente mística. O Panteísmo adora o Cosmos. A Gnose o odeia. Entretanto, apesar de todas as oposições, há uma estranha relação de parentesco entre Panteísmo e Gnose. Essas duas heresias são como irmãs gêmeas iguais e simetricamente contrárias entre si. Gnose e Panteísmo são como as duas faces de um mesmo slide: apresentam a mesma imagem.
  • Cardeal Dom Eugenio Sales defende a instrução Redemptionis Sacramentum
    Sem dúvida, pode ser alinhada entre os mais importantes pronunciamentos do Magistério do atual Papa. Mostra a necessidade de correções e fortalecimento da Liturgia Eucarística. Assim, "o sacerdote ponha em prática a recomendação conciliar de celebrar diariamente a Santa Missa" (nº 31). E adiante: "Desejo reafirmar que vigora ainda e sempre há de vigorar na Igreja a norma do Concílio de Trento que concretiza a severa advertência do Apóstolo Paulo (...) que se deve fazer antes a confissão dos pecados, quando alguém está consciente de pecado mortal" (Idem nº 36). Diz ainda o Papa (Ibidem nº 52): "Temos a lamentar, infelizmente, que sobretudo a partir dos anos da reforma litúrgica pós-conciliar, por um ambíguo sentido de criatividade e adaptação, não faltaram abusos, que foram motivo de sofrimento para muitos".
  • Dois documentos, dois comentários, uma constatação - Marcelo Fedeli
    Dois documentos: Ecclesia de Eucharistia, última encíclica do Papa João-Paulo II, complementada pelo segundo, a Instrução Redemptionis Sacramentum, condenando os abusos litúgicos. Dois comentários: do jornalista Gianteo Bordero, defendendo os termos da Instrução Redemptionis Sacramentum e o outro da Agência ADISTA NEWS (Itália), contrariando aquela Instrução.
  • Quem conta um conto... - Orlando Fedeli
    Comentário da entrevista do Prof. Orlando Fedeli sobre o filme 'A Paixão', de Mel Gibson, publicada no site da AOL.
    "... os membros do Sinédrio judaico tiveram a culpa maior do que a de Pilatos, culpa maior que a dos romanos, e eles agiram em nome do povo judaico. Como acaba de salientar o porta voz do Vaticano, negar a responsabilidade dos judeus na morte de Cristo seria negar o valor histórico dos Evangelhos."
  • Paz, justiça, natureza: a nova trindade laica - Vittorio Messori
    Respondendo a uma pergunta sobre abusos sexuais do clero, o cardeal Joseph Ratzinger atingiu mais uma vez o cerne da questão: “O enfraquecimento moral de tantos cristãos, e até a própria crise da Igreja têm uma causa. E esta causa, falando claramente, é o enfraquecimento da fé.
  • A Igreja que o Padre Jesus Lezaun quer - Marcelo Fedeli
    Fundamentando-se no conceito gnóstico da revelação pessoal da “Nova Teologia”, bem como na decorrente igualdade religiosa, no conseqüente conceito relativista e evolucionista da verdade, e no ecumenismo, o Concílio Vaticano II delineou e abriu o caminho dos “espiritualistas” do Vaticano II para a implantação de uma “Nova Igreja”, de uma “Nova Religião”, cujas características o Padre Jesus Lezaun (Espanha) nos apresenta em seu artigo intitulado “La Iglesia que uno desearía”.
  • Quais serão as próximas Campanhas da Fraternidade? - Paulo Sérgio Pedrosa
    No intuito de entender onde buscam inspiração os Exmos. bispos brasileiros para a elaboração das campanhas da Fraternidade, procuramos verificar quais foram as campanhas e eventos promovidos pela ONU, sabendo que os excelentíssimos bispos têm esta organização em altíssima conta.
  • O alarme: "O canto gregoriano?... Agora é uma raridade" - Anna Maria Girelli Consolaro
    Hoje a inserção do canto gregoriano na liturgia se apresenta claramente forçada - porque a concepção básica é diferente. Enquanto na velha liturgia concedia-se amplo espaço a momentos de silêncio e de meditação do sacerdote, a regra da nova Missa (o Novus Ordo Missae, promulgado em 1969 por Paulo VI, ndr) privilegia a intervenção em massa dos fiéis. Desta forma – prossegue – falta tempo material para cantar longos trechos; além disso, alguns trechos estão em clara contradição com a nova concepção.
  • Adeus, Homens de Bem - Paulo Pedrosa
    É doloroso constatar o nível de degradação a que chegou grande parte do clero atual, pós Vaticano II, com escândalos de toda natureza em toda parte do mundo. Particularmente no campo da moral sexual, a mídia divulga cada vez mais casos de pedofilia e homossexualismo envolvendo clérigos e religiosos católicos.
    O livro recém lançado de Michael S. Rose, Goodbye Good Men, tenta exatamente identificar por que o clero atual padece tão grande número de escândalos. Sendo um católico conservador, ele atribui os problemas atuais da Igreja à ala liberal que passou a dominá-la após o concílio Vaticano II, mas não investiga os canais que este mesmo concílio abriu para que tais males fossem perpetrados pelos herdeiros do modernismo do início do século XX e pelos teólogos adeptos da Nova Teologia.
  • Sobre a verdadeira religião - Mons. Héctor Aguer - Arcebispo de La Plata (Argentina)
    Teologia del pluralismo religioso… A este planteo ha hecho su aporte destructivo el modernismo que inficionó a la Iglesia a comienzos del siglo XX y que, lejos de ser totalmente desarraigado, revivió en posturas teológicas y hermenéuticas responsables responsables de la crisis de la fe desatada a partir de los años Cincuenta del siglo pasado.
  • Fotos comparativas de missas - Una Vox
    Se é verdade que vivemos numa sociedade da imagem, é oportuno um comparativo entre imagens da Sta. Missa. (Fonte: site UNAVOX)
  • A abominação no lugar santo: o Santuário de Fátima se tornará um santuário pagão - Paulo R. Pedrosa
    O Santuário de Fátima, em outubro de 2003 foi palco de uma conferência pan-religiosa intitulada: “O Presente do Homem – O futuro de Deus”, inspirado (patrocinado) conjuntamente pelo Vaticano e pela ONU. Nessa conferência foram feitas declarações estarrecedoras pelos clérigos da mais alta hierarquia, mostrando seu total comprometimento com a agenda ecumênica.
  • Três considerações relativas ao - Marcelo Fedeli
    O Assessor da CNBB e Secretário-geral do Projeto “Construir a Esperança”, no “Curso breve sobre o Concílio Vaticano II”, faz afirmações gravíssimas, que podem levar muitos fiéis a tirarem conclusões terríveis, por exemplo, que a Igreja não é mais “UNAM” e nem mais “SANCTAM”
  • Mensagens subliminares na música religiosa
    Alguns fatos escandalosos sobre as mensagens subliminares nos temas musicais da Renovação Carismática, interpretados pelo chamado “Padre Mário”.
    *Notas publicadas em “EL SEMANARIO DE BERAZATEGUI”.
  • Fim da Gaudium et Spes? - James Hitchcock
    Um otimismo fabricado – possivelmente um produto da época da realização do Concílio Vaticano II – impede, hoje, tentativas concretas de tratar da crise do Catolicismo.
    *(Divulgado pelo The Catholic World Report em 02-9-03)
  • O colapso da Igreja no Ocidente 1960-2000 - Pe. G.H. Duggan S.M.
    Artigo sobre o livro “The Battle for the American Church” (“A Batalha pela Igreja Americana”) do historiador Mons. George A. Kelly sobre o colapso da Igreja entre os anos 1960-2000
  • Anotações - Marcelo Fedeli
    Travestido de filósofo, Jean Guitton proclama uma tese "teológica"... e herética... que, evidentemente só podia "tanto agradar ao Pastor Boegner e aos protestantes franceses". Ele afirma que Jesus é filho de José ("do qual - Maria - tem um menino"), negando, dessa forma, a concepção de Nosso Senhor pela atuação direta do Espírito Santo, no seio de Nossa Senhora, portanto, negando a Virgindade da sempre Virgem Maria
  • "Por que me persegues?" Um comentário sobre a crise na Igreja - Marcelo Fedeli
    A atual crise na Igreja não é causada por inimigos externos a ela! As perseguições, quando  externas, sempre foram muito claras, abertas, distinguindo-se nitidamente os perseguidores dos perseguidos!  E nessas ocasiões a Igreja, quanto mais perseguida, mais se fortalecia!..
    Como não vemos grandes perseguições movidas por inimigos externos da Igreja, obviamente concluímos que a atual crise só pode ter sido provocada por inimigos internos, como já alertava o Santo Padre S. Pio X, na Encíclica Pascendi Dominici Gregis, no longínquo 1907.
    E o que ocorreu de ‘real, profundo e grave’ na recente história da Igreja, senão o Concílio Vaticano II?
  • "Eclesialês": Língua da "Seita Internacional Modernista" - Marcelo Fedeli
    Paralelamente à língua falada pelos diversos povos de todo o orbe, nossos historiadores, ao se debruçarem sobre o século XX, notarão o surgimento de novas línguas, formadas com expressões específicas de determinados setores da nossa sociedade. Por exemplo, o ‘economês’, o ‘politiquês’, e o ‘computês’. Ao lado destas, porém, irão notar outra, criada nos bastidores do Modernismo, universalmente praticada por determinada parte de religiosos e leigos, católicos ou não, porém todos, com maior ou menor consciência, irmãos da ‘Seita Internacional Modernista’: o ‘eclesialês’!
    Seu "b-a-ba" se iniciou discretamente no final do século XIX, desenvolvendo-se recôndita, mas continuamente, na primeira metade do século XX, até despontar vigoroso e triunfante no Concílio Vaticano II.
  • Anotações "esquecidas" X: O modernista Jean Guitton afirma: a "nova Missa" de Paulo VI parece a tradução de um serviço protestante - Marcelo Fedeli
    Falando sobre a reforma da liturgia da Missa, imposta à toda a Igreja pelo Papa Paulo VI nos anos 70, Jean Guitton faz, dentre outras, as seguintes afirmações: "Antes do Concílio, a Missa era a Missa. Evidentemente era em latim, não se entendia nada, mas tinha-se a impressão que era a Missa. Porém, agora, têm-se a sensação que ela seja a tradução de um serviço protestante."
  • Uma embaixada para o céu - Orlando Fedeli
    Sacerdotes que deixavam tudo e empreendiam viagem em direção à morte certa, ávidos de darem seu sangue por Nosso Senhor Jesus Cristo. Isso aconteceu no Japão do século XVI, conforme nos narra o Professor Orlando Fedeli.
  • Una Voce America entrevista Ken Jones, autor do Index of leading catholic indicators
    Ken Jones, com seu livro sobre estatísticas católicas, contribui "...para a discussão atual sobre os efeitos do Concílio Vaticano II. Todos nós temos nossos próprios sentimentos e opiniões sobre a Igreja desde o Vaticano II. Alguns insistem que estamos experimentando uma renovação vibrante, outros dizem que estamos sofrendo uma era de desintegração sem precedentes. Eu sou um advogado – Eu quero evidencias, não sentimentos ou anedotas para suportar meu veredicto."
    E para não deixar dúvidas quantos aos efeitos maléficos do Vaticano II, Jones afirma:
    "Por várias décadas antes do Concílio, a Igreja na América estava em meio a um período de crescimento sem precedentes. Imediatamente após o Concílio, que foi convocado para renovação da Igreja – para fazer os números melhorarem mais ainda – fomos atingidos por um tremendo declínio em cada área. A correlação é patente demais para negar".
  • Debate sobre Guitton e o Vaticano II no Forum Loyola (Espanha)
    A afirmação de Jean Guitton - sobre o modernismo que fora condenado por S. Pio X mas que foi adotado pelo Concílio Vaticano II - é tema de debate no forum Loyola, da Espanha.
  • Montfort com Ecclesia de Eucharistia - Orlando Fedeli
    Nesta Encíclica, o Papa João Paulo II repete nove vezes que a Missa é renovação do sacrifício da cruz. Mais ainda. Desafiando todos os Modernistas, declarou o Papa que o ponto de referência teologal para a Missa continua sendo o Concílio de Trento.
  • O Bom Pastor - Orlando Fedeli
    Recentemente, (abril de 2003), o Cardeal Biffi, Arcebispo de Bologna, fez um sermão no qual, incidentemente, tratou da 'Parresia'. Esse termo aparece nos Atos dos Apóstolos como sinônimo de franqueza evangélica.
    Fundamentados nessa exposição e nesse direito que tem todo cristão de expor e defender a doutrina católica, sempre submissos à Cátedra de Pedro e aos legítimos pastores que são os Bispos, apresentaremos a nossos leitores, nesta seção de nosso site, alguns comentários de textos da Sagrada Escritura.
    Iniciamos pela parábola do bom pastor, que nos ensina muitas coisas a respeito: de Cristo como pastor e redentor; de seu relacionamento sapiencial e amoroso com Deus Pai; de como distinguir o bom pastor do mau pastor e do falso pastor; como Cristo conhece as suas ovelhas; como as ovelhas de Cristo conhecem a sua voz; Cristo anuncia que haverá um único aprisco para judeus e gentios; qual é o único redil do único Bom Pastor.
  • Na igreja dos jesuítas de Murcia - Espanha - Miguel Mayo*
    Na Espanha, fiel queixa-se dos sermões mal preparados pelos sacerdotes: "Sem dúvida alguma, muitos sacerdotes conseguem incendiar os corações dos fiéis em sua homilias, bem como por meio de sua vida exemplar. Mas, nos últimos três anos que percorro as paróquias de toda a Espanha para apresentar o “Ir à Missa”, sou obrigado a confessar que os sermões que ouvi são, em geral, fracos. Cheio de frases e expressões batidas, ditas de forma rotineira, cansativos e repetitivos. Dizia D. Bosco que a principal arma que o diabo emprega para afastar os jovens de Deus era o tédio. Basta que um jovem fique entediado na missa para ele logo abandoná-la".
  • Declarações do Cardeal Stickler sobre a Missa de S. Pio V
    "O Papa João Paulo II fez duas perguntas, em 1986, a uma comissão de nove cardeais.
    Primeira pergunta: 'O Papa Paulo VI ou qualquer outra autoridade competente até o presente momento proibiram legalmente a livre celebração da Missa tridentina?' 'A resposta dada por oito destes cardeais em 1986 foi que não, a Missa de São Pio V jamais foi supressa.
    Houve uma outra pergunta muito interessante: Será que um bispo pode impedir qualquer sacerdote que seja, desde que em situação regular, de recomeçar a celebrar a Missa tridentina? Os nove cardeais responderam unanimemente que um bispo não podia impedir um sacerdote católico de celebrar a Missa Tridentina. Nós não temos uma proibição oficial e eu penso que o Papa jamais pronunciaria uma proibição oficial".
  • Sermões heréticos de mestres de fábulas ou De como ensinam heresias aos padres - Orlando Fedeli
    O livro "Homilias Especiais", cujo objetivo é querer ensinar sermões a Padres, é um escândalo. Um poço de heresias, um abismo de erros contra a Fé. Vendido em livrarias católicas.
    Desse livro, faremos uma crítica apenas de dois ou três pontos principais e mais danosos para a Fé. Entre outras heresias, nega-se a unidade da Igreja e a missa como renovação do sacrifício do Calvário.
  • Anotações "esquecidas" IX: Jean Guitton, católico ou espírita? - Marcelo Fedeli
    Em artigo anterior afirmamos que Guitton não era católico apostólico romano, pois, católico é quem é batizado, crê e professa a doutrina de Cristo. Dos elementos acima que definem um católico, Guitton parece ter atendido somente ao primeiro, vista a facilidade com que acatava, sem a menor objeção teológica, princípios de outras religiões, totalmente contrários aos ensinamentos da Igreja, a quem ele dizia pertencer.
    Nesta perspectiva, veremos como o filósofo Guitton, considerado "o maior filósofo católico do século XX", discípulo do não católico Bergson, confidente de muitos (e famosos) sacerdotes, bispos, e cardeais, amigo íntimo do Papa Paulo VI, e presente no Concílio Vaticano II, considerava, reverente e elogiosamente, o Espiritismo. Sim!...Pasmem!.. o Espiritismo de Alan Kardec, ou seja, o gnosticismo evolucionista bem 'barato', apresentado em cardápio 'comercial'.
  • Anotações "esquecidas" VIII: Dogmas da nova religião: a "Basic Religion" - Marcelo Fedeli
    Novos textos de Jean Guitton, revelam: "Os dogmas religiosos seriam mantidos, mas reconduzidos a um sentido experimental. Seria preciso eliminar do cristianismo tudo o que fosse mistério incompreensível." É a nova religião do homem a ser implantada, a "basic religion", com seus dogmas, espinha dorsal da nova e simbiótica religião, reavivando velhos erros da doutrina modernista, condenada por S. Pio X, no longínquo 1907.
  • Estatísticas de palavras empregadas nos documentos do Concílio Vaticano II (1962-1965) - Marcelo Fedeli
    Estatísticas referente à freqüência de todas as palavras constantes dos documentos do Concílio Vaticano II podem revelar o nexo entre o texto, daqueles documentos, e o espírito que lhe é atribuído.
  • Concílio Vaticano II: Unidade e divisão - Orlando Fedeli
    O ecumenismo do Concílio Vaticano II não conseguiu trazer para a unidade católica ninguém, de nenhuma seita. Mas, internamente, este Concílio dividiu profundamente o clero e os fiéis.
  • Os Frutos da Reforma Litúrgica - Daniel Almeida de Oliveira
    A reforma na liturgia causou, no período pós-conciliar, uma certa esperança, um certo otimismo de que haveria, além das conversões em massa dos protestantes pelo caráter ecumênico da nova liturgia, uma maior participação e compreensão dos fiéis e uma renovação da fé destes. Será que isso realmente ocorreu?
  • Anotações - Marcelo Fedeli
    O Concílio Vaticano II implantou na Igreja a doutrina do Modernismo, condenada pelo Papa S. Pio X. Qual o conceito de Jean Guitton sobre tão grave acusação?
  • Anotações "esquecidas" VI: Guiton dá diretrizes a João XXIII para o Concílio Vaticano II - Marcelo Fedeli
    No início de setembro de 1961, um ano antes da abertura do Concílio Vaticano II, Jean Guitton, após encontrar-se com o arcebispo Montini, em Milão, envia um texto a João XXIII, intitulado: "Da apresentação da verdade nas declarações do futuro Concílio" como orientação geral de que, e como, o Vaticano II deveria tratar da verdade católica, ou seja, do depósito da fé.
  • O Sermão da Montanha e as Bem Aventuranças Evangélicas - Orlando Fedeli
    Nosso Senhor Jesus Cristo fez o seu primeiro grande sermão, no alto de um monte, e o iniciou enumerando as oito bem aventuranças. Hoje, existe um tão grande desconhecimento da doutrina católica, e uma tal deturpação dela, que consideramos útil resumir, para os leitores de nosso site, o que comentaram os grandes santos sobre esse Sermão e sobre as oito bem aventuranças.
  • A Liturgia: entrevista com o Cardeal Ratzinger
    O Cardeal Joseph Ratzinger, Prefeito da Sagrada Congregação para a Doutrina da Fé, acaba de publicar mais um livro: Voici quel est notre Dieu. Esta obra, como outras do mesmo Cardeal, é um livro-entrevista. O livro abarca o conjunto dos problemas da Fé e da Igreja em nossos dias.
  • Duas histórias: os espirituais franciscanos e o Papa Celestino V (São Pedro Celestino), e o quietismo e o Beato Inocêncio XI, Papa - Orlando Fedeli
    A simples aprovação dos Estatutos do Neo Catecumenato não é, de modo algum, um atestado de ortodoxia de seus líderes e de suas doutrinas. Não é porque o neo Catecumenato teve seus estatutos aprovados pela Santa Sé que fica aprovada a doutrina de Kiko sobre as ´migalhas` da Sagrada Hóstia, e nem que desde agora fica permitida a prática, confessada por membros desse movimento, de dançarem sobre as partículas que sobram ou caem das hóstias consagradas
  • Anotações "esquecidas" V: Jean Guitton, amigo de Paulo VI, não era católico - Marcelo Fedeli
    O pensamento de Guitton, exposto numa de suas obras, contentando a um famoso pastor protestante, e desagradando ao Vaticano a ponto de condená-lo, é apenas um exemplo de como a sua concepção religiosa não seguia plenamente os ensinamentos da Igreja. É exatamente essa concepção não católica de Guittton, destilada em mais de cem obras, que tentaremos demonstrar nestes nossos comentários, baseados somente em algumas delas.
  • Anotações "esquecidas" IV: Jean Guitton, amigo de Mons. Montini (Paulo VI) - Marcelo Fedeli
    Jean Guitton, considerado o maior filósofo católico francês do século passado, e amicíssimo de Paulo VI, teve grande influência na história da Igreja do século findo, em especial no Concílio Vaticano II, do qual ele foi o único leigo a tomar parte na 1ª fase, participando com outros também das demais fases. Guitton teve constantes contatos com representantes do clero em todos os níveis, incluindo muitos modernistas. Nesta edição de Anotações Esquecidas, iniciamos uma série de comentários bastante reveladores sobre a personalidade e o pensamento de Jean Guitton.
  • Neocatecumenato e confissão - Orlando Fedeli
    A publicação do Motu Próprio "Misericordia Dei" de João Paulo II, restabelecendo a Confissão como sempre fora praticada na Igreja, veio tornar ainda mais patentes os erros difundidos na Igreja após o Concílio Vaticano II sobre a chamada confissão comunitária, que foi largamente praticada nas paróquias do mundo inteiro, e protestantemente defendida pelo neocatecumenato.
    E é à luz desse documento pontifício que analisaremos o que se ensina aos membros do neocatecumenato sobre o Sacramento da Penitência ou Confissão. Para isso, nos fundaremos na Apostila de Kiko e Carmem intitulada "Orientações às Equipes de Catequistas para a Fase de Conversão".
    (Leia mais sobre o Neo Catecumenato em nossa seção de cartas).
  • Vaticano e Terrorismo: duas orientações? Qual seguir? - Marcelo Fedeli
    Nestes tempos pós-conciliares, o rebanho católico, ou melhor, o 'Povo de Deus', usando a ecumênica expressão pós-conciliar, parece cada vez mais desorientado, não sabendo que caminho seguir. Quase diariamente ele se depara com declarações de pastores dando orientações em direções contrárias umas às outras, sobre os mais diversos temas. A Dominus Iesus é um exemplo: sofreu publicamente os mais violentos ataques de padres a cardeais. Nos últimos dias, após os ataques terroristas de 11 de setembro em Nova York e Washington, e diante da legítima reação de autodefesa dos Estados Unidos e Inglaterra, tivemos novo exemplo da desorientação dos pastores ao tão badalado 'Povo de Deus'.
  • Batismo de Desejo - Meio de Salvação - Marcelo Andrade
    Em artigo anterior ("Fora da Igreja não há salvação") apresentamos os ensinamentos dos Papas a respeito do dogma 'Fora da Igreja não há salvação'. Entretanto, significaria isso que uma pessoa que não tivesse tido a possibilidade material de conhecer a existência da Igreja -- por exemplo, um índio da América, antes da chegada dos europeus -- não tinha possibilidade alguma de salvar-se?
    Para explicar tal possibilidade, expomos neste artigo a doutrina da Igreja sobre o Batismo de desejo.
  • Anotações - Marcelo Fedeli
    Antigos recortes e anotações nos trazem citações de Martinho Lutero, aquele ex-monge que, rebelando-se contra o Papa e contra a Tradição milenar da Santa Igreja, fundou uma nova religião, de cunho pastoral, sem dogmas, sem Nossa Senhora, sem santos, sem purgatório, com o livre exame e a Bíblia, por ele devidamente revisada, com nova missa, etc.: o Protestantismo. Os recortes nos trazem também um deslavado elogio a Lutero feito, não por um ferrenho luterano, ou por protestante de qualquer seita, mas...pasmem!... por um sacerdote e famoso teólogo, consultor e influente personagem do Concílio Vaticano II.
  • Carlos Magno, a Carta Européia e a decepção de João Paulo II - Marcelo Fedeli
    Neste artigo analisamos o conjunto da crítica de Sua Santidade à "Carta dos direitos fundamentais da União Européia", elaborada para o início do terceiro milênio. Nesta crítica, João Paulo II ataca o relativismo religioso, o relativismo moral, especialmente aos projetos de lei de nações a favor do aborto, da eutanásia e da manipulação genética de embriões humanos. O Papa ainda enaltece os valores cristãos da alta Idade Média, em contraste aos valores do séc. XX, e não faz nenhum elogio à "Carta Européia".
  • Ecumenismo de Mão Única - Victor Peregrino
    O Papa João Paulo II empreendeu mais uma de suas peregrinações, desta vez à Grécia e ao Oriente Médio, onde lhe foi exigido um 'mea culpa' pelos erros cometidos pela Igreja Católica contra os ortodoxos. Esse mal compreendido gesto de caridade, no entanto, pouco ou nenhum fruto tem produzido, pois, ao que parece, a única concessão que satisfaria os adversários da Igreja seria a sua rendição incondicional.
  • Ataque e nos defenderemos - Orlando Fedeli
    Na revista "Pergunte e Responderemos", D. Estevão Bettencourt faz críticas ao artigo "Viva o Papa!", de Orlando Fedeli, publicado em nosso jornal Veritas em 1996. Nesta edição publicamos uma carta aberta a D. Estevão, em resposta ao seu artigo, sobre a infalibilidade papal, o Magistério Ordinário e o Concílio Vaticano II.
  • Revolta, cisma e heresia: reações contra a Dominus Iesus - Orlando Fedeli
    O ódio revelado por alguns teólogos, jornalistas e até clérigos, contra a Declaração Dominus Iesus, que veio proclamar, de novo, velhas verdades de fé, há muito esquecidas, e que o Papa João Paulo II, em boa hora, fez recordar através da citada Declaração do Santo Ofício, tem provocado reações de uma violência inaudita contra a Sagrada Hierarquia. É o que fizeram, por exemplo, o ex-frei Boff, o frei Betto e a Associação João XXIII.
  • A Paixão (ou Ódio) segundo Boff - André Melo
    Limpando nosso arquivo de artigos publicados na imprensa, encontramos uma matéria publicada em 21 de Novembro de 1993 pela Revista da Folha (A Paixão de Boff) que trata do ex-frade e de sua companheira, a teóloga Márcia Monteiro da Silva Miranda. É de escandalizar as almas mais liberais o que declara Boff nesse artigo.
  • Dominus Iesus II: Um só Cristo, uma só Igreja - Orlando Fedeli
    A recente Declaração "Dominus Iesus" vem corrigir posições e condenar erros muito difundidos em nossos tempos acerca da verdade e da unicidade da Igreja de Cristo, de sua identificação com a Igreja Católica e do ecumenismo. A data de sua publicação, 6 de agosto - festa da Transfiguração do Senhor - parece ter sido escolhida especificamente para significar uma Transfiguração da Igreja, pois que Ela parece ter voltado a brilhar, com a luz de outrora, como única religião verdadeira e única esposa de Cristo. A Declaração foi definida como documento do Magistério Ordinário do Papa, mas, como proclama verdades de fé já reconhecidas, e agora foram definidas, estas verdades de Fé são infalíveis, exigindo-se o assentimento interno e externo de todos os católicos, Bispos, sacerdotes ou leigos. É por essa razão que nos apressamos a proclamar nossa adesão - com alegria e entusiasmo - a essas verdades de Fé reafirmadas e definidas, graças a Deus, pelo Magistério Apostólico.
  • Dominus Iesus III: Análise da declaração - Orlando Fedeli
    A Declaração Dominus Iesus é um documento complexo. De um lado, ela afirma de modo infalível dez verdades de Fé em que todos os católicos - clérigos e simples fiéis - devem crer. De outro, ela se estende em explicações nas quais se procura demonstrar que as verdades de Fé definidas estão de acordo com o que foi ensinado pelo Concílio Vaticano II. O que não é nada fácil. Em geral, o documento condena as interpretações modernistas dos textos conciliares, procurando-se interpretá-los em harmonia com as verdades de Fé definidas pela Dominus Iesus. Desse esforço hermenêutico resultam, por vezes, novas ambigüidades e até contradições. É o que procuraremos demonstrar.
  • O Vaticano não publicou todo o segredo de Fátima - Orlando Fedeli
    
  • Unam Sanctam - André Melo
    Após o Concílio Vaticano II notou-se um estranho e inédito comportamento: o de dar-se quase exclusividade, nas citações, a documentos escritos no Concílio ou após ele. Entretanto, o recente documento Dominus Iesus cita fontes patrísticas e papas anteriores ao Concílio. Cita inclusive o Papa mais odiado pelos inimigos da Igreja, autor do documento que condena tantas idéias hoje normalmente - e infelizmente - aceitas. O Papa é Bonifácio VIII. O documento é a Bula Unam Sanctam.
  • Custos, quid de nocte? - Orlando Fedeli
    Enquanto a Igreja agoniza, as sentinelas dormem e não vigiam. E Deus lhes grita desde Seir: 'Custos, quid de nocte?' Esse apelo dolorido do coração de Cristo, parece-nos ouvi-lo hoje, continuamente, queixando-se das sentinelas que dormem enquanto a Santa Igreja é devastada. As sentinelas dormem... enquanto se publicam e se ensinam as teses mais escandalosas, ou as teses mais enganadoras sob aparência de verdade. Neste artigo de Veritas, analisamos uma dessa teses de um folheto dominical que nos caiu nas mãos.
  • As glórias da Virgem Maria segundo as Escrituras - Udson Rubens Correia e Tirsiley Debora Formigoni Correia
    Muitas e grandiosas são as glórias de Maria Santíssima, pelas quais não cessam de propagar e cantar seus louvores todos os seus servos. Não apenas os anjos e santos nos céus, mas também nós os pecadores glorificamos com confiança todos os dias a tão excelsa mãe. Não poderia portanto, a Palavra de Deus, a Bíblia Sagrada, calar-se a respeito da mais sublime das criaturas. Apresentaremos um pequeno resumo de como as Sagradas Escrituras exaltam e testemunham as glórias de Nossa Senhora.
  • Beleza das almas - Orlando Fedeli
    Mais do que a beleza de todas as criaturas, o homem admira os símbolos que nelas existem, símbolos que são como vozes que lhe falam dos pensamentos profundos de Deus. Nada há na natureza visível, por mais maravilhosa que seja, que se equipare a beleza de uma alma, porque a realidade é sempre superior ao símbolo. Neste artigo apresentamos algumas reflexões de São Boaventura e São Tomás de Aquino sobre a beleza das almas.
  • Igreja Católica, Nutriz da Alma Humana - Paulo Miranda
    Hoje não se ama a Nosso Senhor porque Ele não é conhecido, e isto se dá exatamente porque a Igreja não é conhecida. Se o fosse, ver-se-ia bem que a Igreja Católica é uma obra divina, e se reconheceria que seu autor, Nosso Senhor, é Deus. Os inimigos da Igreja não se cansam de atacá-la. Os católicos, porém, deixam de defendê-la, pois simplesmente a desconhecem. Neste artigo, demonstramos a necessidade da existência da Igreja, exigida pela própria condição humana.
  • Gestação de terremotos - Orlando Fedeli
    As grandes revoluções, embora irrompam em dias determinados, são resultados de uma preparação silenciosa, empreendida durante décadas, e, às vezes, durante séculos. Neste artigo analisamos, sob este prisma, como está sendo construída a nova ordem do mundo na qual hoje vivemos.
  • As bodas de Caná - Pierre de Craon
     Alguns comentários à narrativa do milagre de Caná, apresentados por São Tomás de Aquino em seu "Comentário ao Evangelho de São João". Ao mesmo tempo, um texto apologético contra os protestantes que se rejubilam ao dizerem que Cristo teria dado uma resposta dura, senão grosseira, à sua Mãe, por chamá-la simplesmente de "mulher" e não de Mãe. Esses protestantes, porém, nem se dão conta que, dizendo isso, estão acusando ao próprio Cristo Deus de faltar com a honra devida aos pais, como também de faltar com a virtude da mansidão.
  • O semi-frade - Orlando Fedeli
    Frei Betto não é bem católico apenas por querer juntar o inconciliável: catolicismo e socialismo. Mas, quando se examina o que escreve em seus livros "teológicos" - onde as heresias e erros doutrinários gravíssimos pululam - deve-se concluir que ele não é nada católico.
  • Uma Escada, uma Vida, uma Via - Paulo Miranda
    O caminho de Sta. Terezinha até chegar ao Céu, quando começou sua grande obra: a de mostrar sua pequena via a todos nós.
  • O pai nosso e os vícios capitais - Orlando Fedeli
    Hugo de São Victor coloca os vícios capitais em uma certa ordem lógica, a fim de relacioná-los com os sete pedidos do Pai Nosso. Assim ele ordena os vícios capitais: soberba, inveja, ira, preguiça ou tristeza, avareza, gula e luxúria.
  • Mestre de Fábulas - Paulo Miranda e Orlando Fedeli
    Análise crítica do Ensaio sobre "El Catolicismo El Liberalismo y el Socialismo", de Donoso Cortês, famoso escritor católico do século passado e de grande influência nos meios católicos. Esses falsos mestres muitas vezes levaram - e infelizmente continuam levando - incautos católicos que aceitam sem vigilância nem reservas suas doutrinas, através de sendas tortuosas, a locais não iluminados pelo sol da verdade católica.
  • Fora da Igreja não há salvação - Marcelo Andrade
    Nestes tempos de sincretismo religioso, muito se tem falado sobre liberdade religiosa, de culto, de crença, de salvação fora da Igreja. Neste artigo fizemos uma coletânea de citações bíblicas e do Magistério da Igreja sobre o tema "Liberdade Religiosa". (Leia também o artigo "Batismo de desejo - Meio de Salvação").
  • "Confrades" - Orlando Fedeli
     Das Catedrais góticas ao caos da "arte" contemporânea; da santidade em armadura de Santa Joana d’Arc e de São Luís até os gurus do nosso tempo; do canto gregoriano ao rock; da Sorbonne do tempo de Frei Tomás de Aquino às tolices dos jornais modernos e dos cursos de nossas pobres universidades de fim de semana – ou mesmo de semana inteira -- há um abismo.
    Esse abismo, nós o sentimos muito claramente ao ler qualquer artigo de um "Frei Betto", que "modestamente" se apresenta como "confrade de São Tomás".
  • O Romantismo na Igreja - Orlando Fedeli
    Afirmou Alain Besançon que a gnose penetrou na Igreja através do Romantismo. Cânticos, piedade, iconografia, esculturas, pinturas, música, nas igrejas, estão muito freqüentemente impregnados desse romantismo dulçoroso. E esse clima que amolece a fibra das almas católicas, via de regra as leva a colocar o sentimento acima da razão, o afeto acima da fé, a pieguice no lugar da piedade.
  • Fraternidade? - Orlando Fedeli
    A Campanha da Fraternidade da CNBB, de 1986, ("Terra de Deus, terra de irmãos"), contra a propriedade privada e contrária ao ensinamento da Igreja. Confira o que dizem S. Tomás de Aquino e o Papa Leão XIII a respeito.
  • O Apóstolo da Cruz - M. I. P. Miranda
    Quando se conhece em detalhe a vida de São Luís Maria Grignon de Montfort, não se pode deixar de admirar a "santa loucura da cruz" que o dominava. Toda a sua existência se passa entre mortificações e perseguições de todos os tipos, e ele considerava isso o maior de todos os bens.
  • Considerações acerca das "Considérations sur la France" de Joseph de Maistre - Paulo Miranda
    Joseph de Maistre, para certos católicos conservadores, teria sido, talvez, um dos maiores católicos ultramontanos, ardoroso inimigo da Revolução Francesa, vibrante defensor da Igreja e do Papado. Entretanto, a leitura das obras do conde saboiano surpreende pela flagrante incongruência entre seu renome de contra-revolucionário e a diametral oposição de muitas de suas teses aos interesses e à doutrina da Igreja.
  • A Igreja de Boff contra a Igreja de Cristo - Maria I. P. de Miranda
    A punição de Frei Boff a um ano de silêncio. Afinal, o que foi que disse o frade franciscano, que coisas ensinou capazes de arrancar da Santa Sé sua condenação?
  • Beto-Juca-Pato - Orlando Fedeli
    Pio XI: "Socialismo religioso, socialismo católico são termos contraditórios: ninguém pode ser ao mesmo tempo bom católico e verdadeiro socialista" (Quadragesimo Anno).
    Frei Betto: "Eu tenho certeza que um autêntico comunista é um cristão, embora não o saiba, e um autêntico cristão é um comunista, embora não o queira" (entrevista à Folha de São Paulo, 10.5.86).
    Leia esta e outras declarações de Frei Betto contrárias aos ensinamentos da Igreja.
  • Fides et Ratio - Orlando Fedeli
    O Sumo Pontífice repete em várias passagens que a verdade existe, que ela é objetiva (ns. 44, 66 e 69), e que ela é una e universal.
  • Curtas Memórias - Paulo Miranda
    Em sua autobiografia, o Cardeal Ratzinger condena o modo como foi efetuada a reforma litúrgica e procura, ao mesmo tempo, agradar as mais diversas tendências.
  • Iota Unum - Orlando Fedeli
    O volumoso, denso e profundo livro Iota Unum - o título alude à frase do Nosso Senhor "nem um jota da lei será tirado" (Mt. 5,18) de Romano Amerio, será certamente considerado um marco na historiografia religiosa de nosso tempo. A obra é um estudo completo da situação da Igreja no século do Concílio Vaticano II.
  • Covil de Adúlteros e Ladrões - Pierre de Craon
    É bem conhecida a passagem do Evangelho em que Cristo expulsa, a chicotadas, os vendilhões do Templo, dizendo-lhes: "Minha casa será chamada uma casa de oração e vós fizestes dela um covil de ladrões" (Mt XXI, 13). Se Cristo repetisse, hoje, o seu gesto - e como isto seria necessário! - os Bispos da Nova Igreja rasgariam seus clergymans e seus jeans clamando: "Radical". E condenariam o Divino Mestre porque suas chicotadas não se coadunam com o ecumenismo conciliar nem com o espírito de Medellin.
  • Tradução: A "tese Ocariz" contraditada também pela "tese Ratzinger"
    O artigo abaixo, publicado em 11.02.12 pelo Diácono Daniel Pinheiro, IBP, no blog Disputationes Theologicae, é apresentado em tradução Monfort. Cardeal Ratzinger : “[A Instrução Donum Veritatis] afirma – talvez pela primeira vez de maneira tão clara – que existem decisões do magistério que podem não constituir a última palavra sobre uma matéria enquanto tal, mas um encorajamento […]
  • Cardeal Cottier: Se o Maligno agita as águas, é que há vitalidade na Igreja
     Paolo Rodari em Pallazzo Apostolico tradução Montfort Vatileaks. Cardeal Cottier: "Eu tive um certo pensamento ..."      "Estive refletindo ... e justamente durante os dias do Consistório, conversando com outros confrades, eu constatei que eu não era o único a ter um determinado pensamento. Que é o seguinte: em toda agitação em torno da Igreja […]
  • A igreja devastada
    Imagens e comentários inspirados em Americatho, de Daniel Hamiche, do portal Riposte Catholique Das terríveis imagens dos estragos produzidos na igreja de São José, por um tornado que arrasou a cidade de Ridgway no Illinois, no dia 29 de fevereiro, podemos tirar algumas considerações:   A porta da igreja não foi tocada pelo tornado, sinal visível […]
  • Professor da PUC respeite doutrinas da Igreja, defende Dom Bergonzini. Docentes contestam. Cardeal confirma que "PUC-SP é da Igreja"
    Comentários Montfort Notícias O Estado de São Paulo Site da PUC-SP  A crítica, mais do que razoável, do Bispo emérito de Guarulhos, de que os professores da PUC não devem ensinar idéias contrárias à doutrina católica, causou riso em um dos professores acusados. Já a presidente da Associação dos Docentes, considera que o ensino deles deve "servir os interesses da […]
  • Carta aberta do Pe.Nicola Bux a Dom Fellay
    Scuola Ecclesia Mater  via Messa in Latino Tradução Montfort A Sua Excelência Dom Bernard Fellay e aos padres da Fraternidade Sacerdotal São Pio X    Excelência Reverendíssima, Caríssimos Irmãos,    A fraternidade cristã é mais forte que a carne e o sangue porque ela nos oferece, graças à Divina Eucaristia, um antegosto do paraíso.  Cristo […]
  • Em português - Pe.Schmidberger: "Rezem por uma solução, que reforçará os que lutam pelo fim da crise da Igreja"
        O Padre Schmidberger pede orações pelo fim da crise da Igreja  Christophe Saint-Placide em Riposte Catholique   Em carta lida em todas as capelas e lugares de missa servidos pela Fraternidade Sacerdotal São Pio X na Alemanha, neste domingo, o Padre Franz Schmidberger, superior do distrito da Alemanha [e primeiro superior da Fraternidade […]
  • Dom Fellay pede orações
    Recomendamos também nós aos leitores do site Montfort que rezem nas intenções propostas por Dom Fellay. Comunicado da Casa Geral da Fraternidade Sacerdotal São Pio X Após seu encontro, em 16 de março de 2012, com o Cardeal William Levada, Prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé, Mons.Fellay, Superior Geral da Fraternidade São Pio X, […]
  • A reforma da reforma não tardará - André Roncolato
        André Roncolato Siano A Reforma da Reforma acontecerá. Bento XVI, neste que já é um memorável reinado, trouxe às claras uma guerra sub-reptícia que há muito tempo, desde o Concílio Vaticano II, vinha sendo travada nas sombras das sacristias.  E cravou em 2007 um marco decisivo nesta luta, no dia da Santa Cruz, com […]
  • Roma e Ecône a ponto de selar um acordo
    Rome et Écône sur le point de sceller un accord Le Figaro Jean-Marie Guénois La signature d'un document fixant les relations entre le Saint-Siège et les disciples de Mgr Lefebvre est une question de jours. Officiellement, le Vatican attend la réponse de Mgr Bernard Fellay, le chef de fil des lefebvristes. Sitôt reçue à Rome - «c'est une affaire […]
  • Comentário às tratativas do acordo entre o Vaticano e a Fraternidade São Pio X
    Recebemos de um leitor, por carta, o pedido para a publicação de um comentário seu referente às tratativas do acordo entre o Vaticano e a Fraternidade São Pio X, o qual, segundo o mesmo leitor, foi recusado pelo blog onde este assunto era discutido. Atendemos o pedido por considerar a argumentação bastante coerente. Para possibilitar […]
  • O "rito próprio" e a "hermenêutica da continuidade" são suficientes?
    O texto abaixo foi publicado no blog "Disputationes Theologicae", mantido pelos padres Stefano Carusi e Mathieu Raffray, do Instituto do Bom Pastor. O artigo responde às especulações e críticas levantadas pela publicação misteriosa de uma carta de Monsenhor Guido Pozzo, da Comissão Pontifícia Ecclesia Dei e de um relatório da visita canônica ao IBP, acontecida por ocasião […]
  • Mons. Gamber: Existiu alguma reforma litúrgica antes de Paulo VI?
    Apresentamos aos nossos leitores um trecho de um verdadeiro clássico na batalha pela Liturgia de sempre, a obra A Reforma da Liturgia Romana, de Monsenhor Klaus Gamber, fundador do Instituto Litúrgico de Ratisbona. Além de uma dura crítica da Reforma Litúrgica de Paulo VI e Mons. Bugnini, o livro tem o interesse de uma introdução elogiosa do então […]
  • Holanda até 2018 terá apenas mil igrejas em todo o país.
      A Holanda é um país onde triunfou em todo seu esplendor pastoral o Espírito do Concílio Vaticano II. Não deve haver por aí, um modernista que ouse negar esse fato. Apesar de que sinceridade e modernismo, não serem duas qualidades que – digamos – se aproximem muito. Os bispos holandeses se apressaram em escancarar […]
  • Ágape: a Gnose bajuladora do Padre Marcelo Rossi - Alberto Zucchi
      Alberto Zucchi Algumas semanas atrás, a revista Veja publicou, com destaque de capa, uma reportagem sobre o livro Ágape do Padre Marcelo Rossi. Chama a atenção que uma revista cujas publicações habitualmente são contrárias à Igreja Católica e ao Papa, dê tal destaque ao livro de um padre.  Após a leitura do livro constata-se […]
  • No Congresso Europeu de Catequese: "distanciamento de Deus é previsível... nas crianças"!
    Notícia Radio Vaticana Comentário Lucia Zucchi   Acontece em Roma, entre 7 e 10 de maio o XII Congresso Europeu pela Catequese, promovido pelo Conselho das Conferências Episcopais Européias. No primeiro dia do Congresso foram apresentados os resultados de uma pesquisa com 3600 pessoas para a escolha dos temas sobre os quais “refletir”... Ora, como […]
  • Nota sobre as cartas trocadas entre os Bispos da Fraternidade São Pio X - Alberto Zucchi
    Alberto Zucchi Decorridos apenas alguns dias da publicação da Carta de Monsenhor Pozzo ao Instituto do Bom Pastor - IBP, sem que ainda se tenha identificado o autor do “vazamento”, vêm a público duas novas cartas trocadas entre as principais personalidades da Fraternidade São Pio X. Novamente o autor da publicação se mantém no anonimato […]
  • Os “antiacordo” não aceitariam o Édito de Milão - Eder Moreira
    Eder Silva Diante da possibilidade de um acordo cada vez mais eminente entre Roma e a FSSPX, Dom Wiliamson redobra seus inconsistentes ataques de oposição, fomentando e preparando um cisma que, pelas últimas declarações conhecidas, tornar-se-á uma fatalidade inevitável dentro da Fraternidade Sacerdotal São Pio X.    Acreditamos, contudo, que, dessa divisão formalizada, Deus fará […]
  • Arcebispo de Lima suspende padre defensor dos direitos humanos
    Fonte IHU Comentário: André Roncolato Siano Apresentamos a excelente notícia sobre a suspensão do Pe. Gastón pelo Arcebispo de Lima, D. Juan Luis Cipriani. D. Cipriani é um exemplo a ser seguido pois, em Universidades, como a PUC, e nos Seminários o que não faltam são mestres - e padres -  que ensinam toda sorte […]
  • Cardeal terá que se explicar diante da Congregação para a Doutrina da Fé
    Fonte IHU Comentário: André Roncolato Siano Mais uma felicíssima notícia que nos chega: um importante Cardeal,  cardeal Christoph Schönborn de Viena, terá que se esclarecer diante da Congregação da Doutrina da Fé. Roma, exerce a função que lhe foi confiada por Cristo, Nosso Senhor, de guardar a Fé e corrigir aos que dela se desviam. O […]
  • As preocupações de um Cardeal secretário de Estado durante uma época de grave crise na Igreja
    Fonte: Vatican Inside Comentário: André Roncolato Siano D. Bertone e o secretário de estado adjunto, Giovanni Becciu, estarão no final da copa da Itália, para tratar de um assunto de "capital importância" para a Fé e a Igreja: torcer para o Juventus. Talvez, pensando que num futuro provável o time italiano, pudesse salvar a canonicidade de […]
  • Aparições e revelações: Vaticano publica documento sobre seu discernimento
    Tradução Montfort Site do Vaticano: documento e prefácio    Normas sobre o modo de proceder no discernimento de supostas aparições e revelações 1. A Congregação para a Doutrina da Fé se ocupa com assuntos relacionados com a promoção e tutela da doutrina da fé e moral, e é igualmente competente para examinar outras questões conexas com […]
  • A aproximação da Maçonaria e do Comunismo com a Igreja Católica, no período de 1917 a 1991 - Parte IV-b - Marcelo Fedeli
    Leia a série de artigos: Parte I - Parte II - Parte III-a - Parte III-b - Parte IV-a - Parte IV-b Por Marcelo Fedeli, Montfort.org.br EXTRATOS DE ALGUNS DOCUMENTOS PONTIFÍCIOS CONDENANDO A A MAÇONARIA - continuação f – PIO IX [1846-1878] Durante o pontificado de PIO IX foram publicados 116 documentos condenatórios à Maçonaria, […]
  • Números da "primavera" Conciliar
      Nestes 50 anos de Concílio Vaticano II, pode-se dizer que a Igreja no Brasil que, apesar de país tropical, vive uma nevasca violenta de um inverno que está apenas começando.  Como refutarão esses números os Bispos e Padres progressistas ? Até quando os bons Bispos serão tolerantes com as idéias delirantes dos modernistas deixando […]
  • CONGRESSO MONTFORT 2012 - O MUNDO CONTRA A IGREJA CATÓLICA
    "Eu te darei todo este poder e a gloria destes impérios porque eles me foram entregues" (demônio a Nosso Senhor) "O meu reino não é deste mundo" (Nosso Senhor a Pilatos) "Um mundo sempre mais secularizado e que parece voltar irremediavelmente às costas a seu Criador e Salvador" (Padre Nicola Bux à FSSPX)   PROGRAMAÇÃO […]
  • O Inferno aggiornato de Andres Torres Queiruga e Dom Redovino Rizzardo, Bispo de Dourados-MS
    Eder Silva “Se alguém pregar doutrina diferente da que recebestes, seja ele excomungado”  (Gálatas 1, 9). Introdução   No epílogo de sua Primeira Epístola a Timóteo, Bispo de Éfeso, escreveu São Paulo: “Ó Timóteo, guarda o depósito (da fé), evitando as novidades profanas de palavras, e as contradições duma ciência de falso nome, professando a […]
  • Algumas provas de que o Vaticano II é discutível e criticável
    Dois artigos de nosso colaborador Eder Silva estavam prontos para ser publicados, atendendo ao convite - agora indulgenciado - de nosso Papa Bento XVI de voltar ao estudo do Concílio Vaticano II, quando este mesmo dá novas linhas de interpretação ao evento conciliar, no contexto da Abertura do Ano da Fé. Longe de invalidar o […]
  • Mais provas de que o Vaticano II é discutível e criticável
    Em sequência ao artigo anterior de nosso colaborador Eder Silva, o presente texto insere-se no esforço pedido por Bento XVI de estudar de maneira mais aprofundada os textos do Concílio Vaticano II.    Eder Silva “Isso confirma que o Vaticano II não pode ser definido, em sentido estrito, como ‘dogmático’ e que as suas doutrinas, […]
  • Concílio Vaticano II: três discursos e uma constatação - Eder Moreira
    Eder Silva     Para identificar o verdadeiro vilão da atual crise na Igreja, nada mais fidedigno que partir das próprias considerações das autoridades que participaram desse desastroso evento quinquagenário. Desse modo, escolhemos três importantes declarações que dispensam qualquer trabalho hermenêutico no sentido de demonstrar que o Vaticano II está profundamente implicado na decadência religiosa […]
  • Frei Tiago: pobreza e obediência. Já outros... - Alberto Zucchi
    Causou uma profunda perplexidade, e mesmo uma santa indignação, a expulsão de Frei Tiago de São José da diocese de Bragança Paulista, decretada por Dom Sergio Aparecido Colombo. Inicialmente estes sentimentos estavam restritos aos amigos mais próximos de Frei Tiago, como nós da Montfort. Mas, logo em seguida, eles foram contagiando muitos de Atibaia, depois […]
  • Será lícito frequentar as Missas de Dom Tomás de Aquino, prior do Mosteiro da Santa Cruz?
    Com a intensificação das negociações entre Roma e a FSSPX pela concretização de um acordo “prático-jurídico”, algumas personalidades do mundo tradicionalista confirmaram publicamente o que de longa data suspeitávamos: o espírito cismático que os conduz na ilegítima recusa de sujeição ao Romano Pontífice. Desses insurrectos declarados, Dom Tomás de Aquino, prior do Mosteiro da Santa […]
  • Missa Nova e a hermenêutica da ruptura
      “... a reforma litúrgica [...] se aproximou das mesmas formas da liturgia da Igreja luterana” (Osservatore Romano, 13/10/1967)   Introdução Muito se tem falado sobre “hermenêutica da continuidade” ou “interpretação do Concílio Vaticano II em perfeita sintonia com o magistério precedente”. Alguns, animados por uma fantasiosa noção de infalibilidade, recusam de imediato a simples […]
  • A ruptura litúrgica confirmada pelo Papa Paulo VI
      [caption id="attachment_30128" align="aligncenter" width="282"] Jean Guitton como ouvinte laico do Concilio, em 1963, com Paulo VI[/caption]   Em nosso artigo sobre a Missa nova e a hermenêutica da ruptura, demonstramos a intenção ecumênica que conduziu a fabricação do Novus Ordo Missae. As declarações do Papa Paulo VI, trazidas a público por seu confidente e […]
  • Olavo de Carvalho: católico ou astrólogo?
    “Os corpos celestes de nenhum modo são causa dos atos humanos” (São João Damasceno) É muito comum encontrar católicos esperançosos com a retórica direitista, sobretudo daqueles que, posando de filósofos, proclamam-se católicos tradicionalistas. Não são poucos os discípulos ou simples admiradores desses pregadores de uma “mídia sem máscara”. Sabe-se que até mesmo clérigos tidos por […]
  • O que há de comum entre o Papa Paulo VI e Eike Batista? - Alberto Zucchi
    Tomei conhecimento através dos jornais do dia 30 de setembro que as empresas do chamado “Grupo X” estão à beira da falência. Seu principal proprietário e fundador, Eike Batista, até pouco tempo considerado um dos homens mais ricos do mundo, em uma gestão totalmente equivocada, uma vez que, era baseada em previsões otimistas e com […]
  • O filósofo camaleão - Alberto Zucchi
        Recebi através de amigos a informação de que Olavo de Carvalho resolveu sair de trás dos arbustos. Em seu Facebook e em uma aula reproduzida no Youtube,com a sua costumeira falta de educação e seu palavreado de baixo calão, ele me dirige alguns desaforos. Pretendeu ele responder a uma afirmação minha na última […]
  • Padre Claude Barthe: "fazer frutificar a liturgia tridentina para a missão da Igreja"
    [caption id="attachment_30943" align="aligncenter" width="332"] Padre Claude Barthe (foto: Radio Courtoisie)[/caption] Peregrinação Summorum Pontificum, difusão do Motu Proprio e o papel da Liturgia Tridentina no pontificado de Francisco na entrevista à Montfort, concedida pelo Padre Barthe. Padre Barthe, como capelão da Peregrinação do Povo Summorum Pontificum deste ano de 2013, poderia nos falar de suas impressões sobre […]
  • Presente de Natal inusitado: um levante da Teologia da Libertação contra D. Odilo? - André Roncolato
        André Roncolato Siano Circulam em alguns jornais e na internet notícias sobre transferências de párocos feitas por D. Odilo neste final de ano, na Região Episcopal Ipiranga. Este fato teria comovido alguns paroquianos que, pelo grande apego cultivado ao cura, sofreriam com a ausência deste em virtude de sua substituição pelo novo pároco. […]
  • IPCO – Os Zumbis voltam à cena - Alberto Zucchi
    Seita dos escravos de Plinio Correa de Oliveira volta a se mover para desviar o debate sobre o Vaticano II. No dia 24 de abril de 2011, um articulista de nosso site escreveu: “Agora que a antiga TFP parece estar no caminho do desaparecimento, não tendo nenhum destaque no cenário da Igreja ou mesmo do […]
  • Repercussões ao "Presente de Natal inusitado": Mais um levante da Teologia da Libertação contra D. Odilo? - André Roncolato
      “Não é nossa intenção aqui repetir os argumentos que demonstram claramente os erros do socialismo e de doutrinas semelhantes. Nosso predecessor, Leão XIII, muito sabiamente já o fez em encíclicas verdadeiramente memoráveis; e Vós, Veneráveis Irmãos, tomareis o maior cuidado para que esses graves preceitos não sejam jamais esquecidos, mas sempre que as circunstâncias […]
  • Entrevista com o Padre Mercury, excluído da FSSPX: "O Bispo é soberano em sua diocese"
    A entrevista teve lugar na França, no mês de dezembro. Nesta primeira parte, ele fala de sua história e das razões de sua exclusão da Fraternidade São Pio X. No próximo trecho, a ser publicado em breve, ele expõe seus estudos sobre o conceito de suplência na vida da Igreja Católica. Entrevista concedida a Alberto Zucchi Tradução da […]
  • Padre Mercury: "Estabelecer-se como autoridade religiosa plena, sem poder recebido de Roma, isto é cisma"!
     Pelo processo de suplência a Igreja estende sua mão aos que estão fora de seu perímetro visível. Segunda parte da entrevista com o Padre Mercury, concedida ao site Montfort em dezembro de 2013, na França. Leia também a primeira parte. 4) Chegou ainda ao nosso conhecimento que o senhor desenvolve um estudo sobre a questão da suplência. […]
  • Teologia da Libertação: Os Zumbis da esquerda também estão de volta - Alberto Zucchi
                Para muitos católicos, foi surpreendente e inexplicável a punição aplicada a Dom Rogelio Livieres, bispo afastado da diocese de Ciudad del Este. Após o anúncio da punição, era difícil encontrar alguém que pudesse explicar com clareza o ocorrido. O comunicado que consta no próprio site do Vaticano não poderia […]
  • Após Crisma no Rito Tridentino, Dom Athanasius comenta situação da Igreja
    Entrevista realizada com Dom Athanasius Scheneider por ocasião de sua visita ao Brasil para o lançamento do livro “A Sagrada Comunhão e a Renovação da Igreja” em 27 de novembro de 2014 Montfort: V. Excia poderia nos contar como está seu apostolado no Cazaquistão? Como é o trabalho do Bispo em um país em que […]
  • Christus vincit !!! - Motu Proprio Summorum Pontificum - Orlando Fedeli
    Republicamos no oitavo aniversário do Motu Proprio Summorum Pontificum o jubiloso comentário de nosso fundador Professor Orlando Fedeli escrito em 7 de julho de 2007. Orlando Fedeli Publicado originalmente em 07.07.2007      Deus seja louvado!!!      AMANHECEU!!!     Deus amanhece devagar.      Mas, afinal, amanheceu!     O Papa Bento XVI liberou a Missa de sempre!!!     O Papa a fez ressurgir do túmulo em que a […]
  • Ciência moderna: uma doutrina se esgueira no pensamento científico - André Roncolato
    “Parece que na Natureza encontra-se uma substância sutilíssima, tenuíssima e velocíssima que, difundindo-se pelo universo, penetra por toda parte sem oposição, aquece, vivifica, e torna fecunda todas as criaturas vivas. Parece que os próprios sentidos nos mostram que o corpo do Sol é o receptáculo principalíssimo deste espírito.” [Galileu Galilei – Carta […]