Apologética

Ordenar Por:
  • O duelo do "subsistit": Prof. Orlando Fedeli vs. Padre Dr. Joãozinho - Orlando Fedeli
    Padre João Carlos Almeida, scj, conhecido como Padre Joãozinho da Canção Nova, lançou-me um desafio público, fazendo-me o que lhe parecem ser “terríveis” e decisivas perguntinhas, às quais ele exige que eu responda “sinceramente”.
     
  • Caritas in Veritate: valente e surpreendente desafio de Bento XVI ao mundo moderno - Orlando Fedeli
    O anúncio de uma nova encíclica de caráter social deixava todos em expectativa. Os modernistas ficaram à espera de uma nova encíclica, promovendo o socialismo “cristão”. Tanto mais que se anunciava que a nove encíclica de Bento XVI se inspirava e se dizia que era continuadora da encíclica Populorum progressio de conhecido sabor marxistóide. De sua parte, os anti modernistas temiam o que se anunciava. Pois Bento XVI surpreendeu de novo a todos.
     
  • Maomé - Origens do Islamismo - Orlando Fedeli
    Apresentamos esse trabalho em resposta ao artigo agressivo e blasfemo de um muçulmano, atacando a Divindade de Nosso Senhor Jesus Cristo, ao afirmar que ela não passa de um mito. O autor, injuriosamente, compara Cristo com Adonis, Osiris e outros seres mitológicos, e declara explicitamente que quer destruir o 'Mito' do Redentor Jesus Cristo.
    Limitamo-nos, como resposta, quase que só a dar citações de um livro do Centro de Divulgação do Islam para a América Latina, obra de autoria de Aminuddin Mohamad.
    Esse volume insuspeito nos dá informações preciosas sobre o que aconteceu, de fato, na Arábia do século VII, quando do início da pregação de Maomé. Aminuddin Mohamad, em seu livro, mostra que houve uma profunda influência, e mesmo aliança, de judeus com Maomé, pelo menos no princípio do Islam.

  • Elementos messiânicos na seita ismaelita de Alamut - Orlando Fedeli
     O ismaelismo reformado de Alamut foi fundado no século XI por uma das figuras mais misteriosas que já houve na História: Hassan ibn Sabbah, conhecido no Ocidente como o "Velho da Montanha". Na fortaleza de Alamut - o ninho da águia, em 1126, Hassan Sabbah estabeleceu a sede de uma seita que estendeu sua influência por amplas regiões do Oriente, e que só terminou com a conquista de Alamut pelos mongóis, em 1256.
    O esoterismo islâmico apresenta duas correntes principais: o shiismo e o ismaelismo. E se a doutrina ismaelita é a forma por excelência da gnose no Islam, a seita de Alamut, um dos ramos do islamismo, é, talvez, a mais tipicamente gnóstica do ismaelismo. As recentes descobertas de textos de Hassan Sabbah, entre remanescentes do ismaelismo na Índia, permitiram um conhecimento mais definido do pensamento gnóstico do Velho da Montanha, o qual apresentamos neste trabalho.
  • Neo Paganismo e Bruxaria - Paulo Sérgio R. Pedrosa
    Nos dias de hoje há uma preocupação crescente, principalmente entre os cristãos, com o acelerado desenvolvimento de seitas neopagãs no hemisfério Norte, que está se alastrando pelos Estados Unidos e Canadá, abarcando toda a Europa Ocidental e penetrando na Europa Oriental, pela Rússia principalmente.
    Na América do Sul, não considerando as religiões animistas provenientes da África trazida pelos escravos, o paganismo tem se propagado entre os jovens por um aumento de interesse e até mesmo adesão à ritos da bruxaria moderna, mais conhecida como Wicca, devido principalmente ao sucesso de produções de Hollywood, tais como Harry Potter, Senhor do Anéis, e outros filmes nos quais a feitiçaria é tratada com simpatia.
    Publicaremos a partir desta edição, um estudo sobre o neo paganismo e bruxaria, e veremos que o paganismo ocidental é marcado pela rivalidade com o cristianismo.
    A visão de um mundo paganizado ao mesmo tempo aterroriza e motiva aos católicos, pois recorda a perseguição e a coroa do martírio, que tantos suportaram com valentia e fé, com muita fé, nos primórdios da Igreja. Mártires católicos, que perante Roma pagã não compactuaram com sua moral decadente e não aceitarem a outros deuses e outras religiões que não a Igreja Católica do Deus Todo Poderoso.
  • Reencarnação - Argumentos católicos contra os fundamentos do espiritismo - Orlando Fedeli
    A doutrina da reencarnação é comum a vários sistemas religiosos, todos de fundo gnóstico. Ela provém de um erro a respeito do problema do mal e da justiça divina. Modernamente, a doutrina da reencarnação se tornou muito difundida pelo espiritismo.
    Neste caderno, apresentamos alguns argumentos contra os fundamentos do espiritismo.