Igreja

Sofrimento de Golias, alegria de Davi
Orlando Fedeli

 
O conhecido site filisteu modernista Golias anuncia com tristeza e lamúrias a próxima demissão do modernista Cardeal Re, da Congregação dos Bispos, e sua substituição por Mons Pell, Arcebispo de Sidney. O cardeal Re é conhecido como o responsável pela inundação de novos Bispos nomeados por sua influência em todo o mundo. A nomeação de Mons. Pell indica uma radical mudança de rumo nas nomeações de Bispos. Por isso, cora Golias. Por isso, alegra-se Davi. Aliás, anuncia-se uma imensa mudança na Cúria Romana, na qual Mons. Mueller – que ajudou o Cardeal Ratzinger na redação da Dominus Jesus - substituiria o Cardeal Kasper, aquele que não acredita na ressurreição de Cristo. Outro que substituído seria o Cardeal Hummes, o amigo do Lula. Espera-se ainda a nomeação de novos Cardeais de linha ratzingueriana, como Ranjith, Burle e outros mais.
 
Caso isso ocorra, estará aberto o caminho para a revisão do Vaticano II e da Missa Nova.
 
Que Deus tal permita.
 
E o quanto antes.
 
Orlando Fedeli
 
3 de Fevereiro de 2010 - GOLIAS
 
Vaticano (Congregação dos Bispos) :
 
 
Mons. Pell na pôle position para suceder ao Cardeal Re, logo mais aposentado!
 
A notícia parece se confirmar. O Cardeal australiano George Pell, de 69 anos, Arcebispo de Sidney, deverá suceder logo mais o Cardeal Giovanni Battista Re na qualidade de prefeito da Congregação dos Bispos.
 
Cargo altamente estratégico. Ratzingueriano da gema, Pell é conhecido por suas reiteradas e muito negativas sobre a homossexualidade. Aliás, ele não esconde sua mais viva simpatia pelas correntes tradicionalistas e aprecia a antiga liturgia. Por isso chamou a atenção de Bento XVI. Além disso, o Vaticano aprecia muito o modo pelo qual Pell  organizou as Jornadas Mundiais da Juventude de Sidney.intervenções
 
Nada está decidido de modo definitivo. Parece, entretanto, que o Papa já tomou sua decisão. O candidato alternativo para a sucessão de Re, Mons. Giuseppe Bertello, de 68 ans, Núncio na Itália, deveria tornar-se Arcebispo de Turim. Mas deveria esperar a púrpura cardinalícia pelo menos três ou quatro anos. Os conservadores temem com efeito sua possível influência em um Conclave. Em um sentido moderado. E mesmo sendo liberal (Bertello é um homem próximo de Silvestrini, há muito tempo encarregado da diplomacia vaticana a quem ele deve uma precoce elevação à  mitra em 1987).
 
Essa provável nomeação do Cardeal Pell à frente de um dicastério importante é um sinal da confiança que lhe dá o Papa Bento XVI. Inversamente positiva àquela que os católicos australianos em sua grande maioria devotam a esse prelado muito conservador. Para os integristas, essa nomeação, se ela se confirmar seria uma importante vitória. Com efeito, o Cardeal Re passa, certo ou errado, por ser um de seus piores inimigos. E talvez o mais temível.

    Para citar este texto:
"Sofrimento de Golias, alegria de Davi"
MONTFORT Associação Cultural
http://www.montfort.org.br/bra/veritas/igreja/golias-davi/
Online, 24/03/2017 às 21:00:14h