Igreja

D. Fellay proíbe D. Williamson de conceder entrevistas sobre política e história
FSSPX

 
Parecer do Superior do Distrito da Alemamnha
 
Como Superior do distrito da Alemanha da FSSPX estou, juntamente com meus irmãos, chocado com as declara;óes proferidas pelo Bispo Williamson neste país.

A trivialização do morticínio dos judeus no regime nazista e de suas atrocidades são inaceitáveis para nós.

A perseguição e o assassinato de incontáveis judeus no Terceiro Reich tocou-nos muito dolorosamente, ferindo profundamente o mandamento do amor cristão que não conhece diferenças étnicas.

Quero dissociar-me de qualquer tipo de afirmação semelhante e peço perdão por esse comportamento.

Para que o grau de nosso distanciamento fique bem compreendido, lembramos que o próprio pai de Monsenhor. Lefebvre morreu num campo de concentração e que muitos padres católicos perderam suas vidas nos campos penais de Hitler.
 
Stuttgart, 27de Janeiro de 2009
 
Padre Franz Schmidberger
Superior do Distrito da Alemanha
 
 

 27.01.2009, 22:30
 
Comunicado do Superior Geral da Fraternidade Sacerdotal  São Pio X
Bispo Bernard Fellay


 
Chegou ao nosso conhecimento a entrevista concedida pelo Bispo Richard Williamson – membro de nossa Fraternidade –  à televisão sueca. Nessa entrevista, ele trata de fatos históricos, especialmente do genocídio dos judeus pelos nazistas.

É óbvio que um Bispo só pode usar sua autoridade eclesiástica para tratar de problemas de fé e moral. Nossa Fraternidade não se arroga qualquer autoridade sobre outros temas. A tarefa da Fraternidade é a distribuição e a restauração do autêntico ensino católico como refletido nos dogmas. Por isso, somos mundialmente conhecidos, aceitos e apreciados.

Com grande dor nos apercebemos da enormidade dos danos que causa o afastamento do mandato de nossa missão. As afirmações de sua Excelência Dom Williamson de nenhum modo refletem a posição de nossa Fraternidade. Por isso, proibimos a Monsenhor. Williamson, até segunda ordem, manifestar-se sobre quaisquer questões políticas e históricas.

Pedimos perdão ao Santo Padre, bem como a todas pessoas de boa vontade, pelas devastadoras consequências de tal ação. Com tristeza, constatamos que se procura, por causa dessas infelizes declarações, atingir diretamente nossa Fraternidade, levando-a ao descrédito. Nós não o admitiremos e continuaremos a anunciar a doutrina católica e a exercer o dom de Nosso Senhor Jesus Cristo de distribuir a graça através dos sacramentos em sua forma tradicional.
 
Menzingen,  27 de Janeiro de  2009


Bispo + Bernard Fellay
Supeior Geral
 
 
[Tradução: Montfort. Texto original em alemão em FSSPX-Deutschland ] 

    Para citar este texto:
"D. Fellay proíbe D. Williamson de conceder entrevistas sobre política e história"
MONTFORT Associação Cultural
http://www.montfort.org.br/bra/veritas/igreja/fellay-proibe-williamson-entrevista/
Online, 23/06/2017 às 12:29:55h