O Papa

Comunicado de falecimento Bento XVI
Montfort

A Associação Cultural Montfort, entristecida pelo falecimento do Papa emérito Bento XVI, convida seus membros, colaboradores e amigos a rezarem pela sua alma.

Não podemos, neste momento, deixar de recordar o grande mistério que envolveu sua renúncia e, sobretudo, o valoroso e difícil trabalho realizado por Bento XVI na restauração da Missa Antiga.

Devemos também um tributo ao papel fundamental que o Papa Emérito teve na restauração da doutrina e da moral católica, tão deturpadas após o Concílio Vaticano II. Tal papel fica claro quando se ouve, por todos os lugares da Igreja, a menção à geração “João Paulo II – Bento XVI” que é, sobretudo, representada por um significativo grupo de jovens sacerdotes que estão desejosos de retornar à espiritualidade tradicional da Igreja.

Em matéria de doutrina católica tem destaque na vida de Bento XVI - ainda como o Cardeal Ratzinger na Congregação da Doutrina da Fé, a serviço do Papa João Paulo II - seu papel decisivo na condenação da Teologia da Libertação, que nada mais é que o marxismo na Igreja, e na publicação da Encíclica Veritatis Splendor a qual condena o relativismo moral e doutrinário.

Sobretudo, com toda a clareza, a excelente ação de Bento XVI fica evidente quando se vê contra ele o ódio daqueles que desejam a destruição da Igreja. Muitos casos poderiam ser citados. Apresentamos aqui apenas um muito recente: a mensagem do pseudo frei e pseudo teólogo Leonardo Boff que, em comunicado sobre a morte do Papa, faz uma absurda distinção entre sua capacidade intelectual e seu trabalho apostólico, afirmando que a restauração realizada por Bento XVI fracassou.

Bem ao contrário, não pode existir comprovação maior da eficiência do trabalho do Papa do que a crítica de alguém que claramente deseja a destruir a Igreja Católica e substituí-la por uma ONG, e que trabalha pela implantação do comunismo com a ascensão ao poder de um grupo de pessoas mal intencionadas.

A realidade é o exato contrário do que afirma Genésio Marxista Boff – esse é o verdadeiro nome do ex-frei Leonardo. A difusão da Missa Antiga e a persistência de muitos sacerdotes, em sua grande maioria jovens, em celebrá-la, em todo o mundo, apesar das grandes perseguições, deixa claro que o apostolado do Papa foi um enorme sucesso, sobretudo se levarmos em consideração a situação caótica da doutrina e da moral em que a Igreja se encontrava, e a total ausência de formação do clero católico, fruto de uma verdadeira destruição dos seminários.

Rezemos pela alma do Papa Bento XVI e sejamos profundamente gratos por todo o bem que ele fez para a Igreja!


    Para citar este texto:
"Comunicado de falecimento Bento XVI"
MONTFORT Associação Cultural
http://www.montfort.org.br/bra/veritas/papa/bentoxvi-falecimento/
Online, 07/02/2023 às 10:37:55h