Política e Sociedade

Apelo ardente do Bispo Emérito de Anápolis/GO
Dom Manoel Pestana Filho

 
Anápolis, 11 de agosto de 2010
        
Caros irmãos no Episcopado,
 
Suportem-me, que o menor dos irmãos lhes possa dirigir uma palavrinha amiga, mas angustiada de quem se prepara, temeroso, para partir.
 
Pelo amor de Deus! Estamos diante de uma situação humanamente irreversível. A América Latina, outrora “Continente da Esperança”, como a saudava João Paulo II, hoje mergulha na ante-câmara do terrorismo vermelho, aliás, como prenunciava aos pastorinhos de Fátima a Senhora do Rosário.
 
Podem parecer, a essa altura, resquícios de uma idade de trevas, mas tudo acontece como se ouviu em dezembro de 1917 (“a Rússia comunista espalhará seus erros pelo mundo, com perseguições à Igreja, etc.”). Assusta-me a corrupção dentro da Igreja, o desmantelamento dos seminários, a maçonização de Cúrias e Movimentos.
 
Horroriza-me a frieza com que olhamos tal estado de coisas. Somos pastores ou cães voltados contra as ovelhas? Somos ou não, alem disso, cúmplices de uma política atéia empenhada em apagar os últimos traços da nossa vida cristã?
 
Perdoem-me, mas não poderia deixar de falar, sem me sentir infiel à minha consciência e à minha Igreja.
 
Parabéns a Dom Luiz Gonzaga Bergonzini e a Dom Henrique Soares da Costa.
 
In Xto et Matre,
 
Dom Manoel Pestana Filho

    Para citar este texto:
"Apelo ardente do Bispo Emérito de Anápolis/GO"
MONTFORT Associação Cultural
http://www.montfort.org.br/bra/veritas/politica/apelo-bispo/
Online, 27/05/2017 às 20:07:54h