Últimas Notícias

Declaração de Apoio às Dubia dos Quatro Cardeais
 

Declaração de Apoio às Dubia dos Quatro Cardeais

Declaração de Apoio às Dubia dos Quatro Cardeais

 

Como estudiosos católicos e pastores de almas desejamos expressar nossa profunda gratidão e apoio total à recente iniciativa de quatro membros do Colégio dos Cardeais, Suas Eminências Walter Brandmüller, Raymond Leo Burke, Carlo Caffarra e Joachim Meisner. Como tem sido amplamente divulgado, esses cardeais formalmente encaminharam cinco dubia ao Papa Francisco, pedindo-lhe que esclarecesse cinco pontos fundamentais da doutrina católica e da disciplina sacramental, cujo tratamento no Capítulo 8 da recente Exortação Apostólica Amoris Laetitia (AL) parece estar em conflito com a Escritura e/ou Tradição e o ensino de Documentos - nomeadamente a Encíclica Veritatis Splendor do Papa João Paulo II e a Exortação Familiaris Consortio. O Papa Francisco tem até o momento declinado em responder aos quatro cardeais; mas como eles estão perguntando para fins práticos se os documentos magisteriais acima citados ainda exigem o nosso pleno assentimento, cremos que o silêncio continuado do Santo Padre pode expô-lo à acusação de negligência no exercício do dever petrino de confirmar seus irmãos na fé. 

Vários prelados proeminentes foram severamente críticos ao encaminhamento dos quatro cardeais, mas sem fornecer qualquer clarificação sobre suas pertinentes e incisivas questões. Temos lido tentativas de interpretar a Exortação Apostólica dentro de uma "hermenêutica da continuidade" do Cardeal Christoph Schnborn e do Professor Rocco Buttiglione; porém consideramos que eles não conseguem demonstrar a sua alegação principal de que os novos elementos encontrados na AL não põem em risco a lei divina, mas apenas contemplam mudanças legítimas na prática pastoral e na disciplina eclesiástica. 

Na verdade, vários comentaristas, especialmente o Professor Claudio Pierantoni em um extenso estudo histórico-teológico, argumentam que, como resultado da confusão generalizada e da desunião que se seguiu à promulgação da AL, a Igreja universal está agora entrando em um momento gravemente crítico em sua história, que mostra semelhanças alarmantes com a grande crise ariana do quarto século. Durante esse conflito catastrófico, a grande maioria dos bispos, inclusive o Sucessor de Pedro, vacilou sobre a própria divindade de Cristo. Muitos não caíram completamente em heresia; entretanto, desarmados pela confusão ou enfraquecidos pela timidez, buscaram fórmulas de compromisso convenientes no interesse da "paz" e da "unidade". Hoje estamos testemunhando uma crise similar a uma metástase, desta vez sobre aspectos fundamentais da vida cristã. Contínua retórica é apresentada sobre a indissolubilidade do matrimônio, o grave pecado objetivo da fornicação, o adultério e a sodomia, a santidade da Eucaristia e a terrível realidade do pecado mortal. Mas, na prática, um número crescente de prelados e teólogos de alto escalão vem minando ou negando efetivamente esses dogmas - e mesmo a própria existência de proibições negativas sem exceções na lei divina que governa a conduta sexual - em virtude de sua ênfase exagerada ou unilateral na "Misericórdia", "acompanhamento pastoral" e "circunstâncias atenuantes ". 

Com o Pontífice reinante agora soando uma trombeta muito incerta nessa batalha contra os "principados e potestades" do Inimigo, a barca de Pedro está vagando perigosamente como um navio sem leme e, de fato, mostra sintomas de desintegração inicial. Em tal situação, acreditamos que todos os Sucessores dos Apóstolos têm o grave e premente dever de falar claramente e fortemente em confirmação dos ensinamentos morais claramente expostos nos ensinamentos magisteriais dos papas anteriores e do Concílio de Trento. Vários bispos e um outro cardeal já disseram que consideram oportunos as cinco dubia. Nós ardentemente esperamos e rezamos fervorosamente que muitos outros endossem publicamente não apenas o pedido respeitoso dos quatro cardeais de que o Sucessor de Pedro confirme seus irmãos nestes cinco pontos da fé  “confiada de uma vez para sempre aos santos. " (Judas 3), mas também a recomendação do Cardeal Burke de que, caso o Santo Padre não o fizer, os cardeais então se aproximem coletivamente dele por meio de uma correção fraterna, no espírito da admoestação de Paulo a seu colega apóstolo Pedro em Antioquia (Gálatas 2:11) ". 

Confiamos este grave problema aos cuidados e à intercessão celestial de Maria Imaculada, Mãe da Igreja e Vencedora de todas as heresias.

 

8 de dezembro de 2016, Festa da Imaculada Conceição

 

SIGNATÁRIOS

 

Mons. Ignacio Barreiro Carambula, STD, JD

Capelão e Membro de Faculdade, The Roman Forum

 

Rev. Claude Barthe,

France  

 

Dr. Robert Beddard, MA (Oxon et Cantab), D.Phil (Oxon)

Fellow emerito e antigo Vice Provost de Oriel College, Oxford.

 

Carlos A. Casanova Guerra

Doutor de Filosofia, Professor Pleno,

Universidad de Santo Tomás, Santiago de Chile

 

Salvatore J. Ciresi MA

Notre Dame Graduate School de Christendom College

Diretor, St. Jerome Biblical Guild   

 

Luke Gormally, PhL

Diretor Emérito, The Linacre Centre for Healthcare Ethics (1981-2000)

Professor Pesquisador, Ave Maria School of Law, Ann Arbor, Michigan (2001-2007)

Membro Ordinário da Pontifícia Academia para a Vida

 

Rev. Brian W. Harrison OS, MA, STD

Antigo Professor Associado de Teologia,

Pontificia Universidad Católica de Puerto Rico,

Scholar-in-Residence, 

Oblates of Wisdom Study Center, St. Louis, Missouri

 

Rev. John Hunwicke, MA (Oxon.)

Antigo Senior Research Fellow, Pusey House, Oxford;

Sacerdote do Ordinariate of Our Lady of Walsingham;

Miembro, The Roman Forum

 

Peter A. Kwasniewski PhD (Philosophy)

Professor, Wyoming Catholic College

 

Rev. Dr Stephen Morgan DPhil (Oxon)

Academies Conversion Project Leader & Oeconomus

Diocese de Portsmouth, Inglaterra

 

Don Alfredo Morselli STL

Pároco, Arquidiocese de Bologna, Italia

 

Rev. Richard A. Munkelt PhD (Philosophy)

Capelão e Membro da Faculdade, The Roman Forum

 

Rev. John Osman MA, STL

Pároco, Arquidiócesis de Birmingham, Inglaterra

antigo Capelão católico, Universidade de Cambridge

 

Dr Paolo Pasqualucci

Professor emérito de Filosofia

Universidade de Perugia

 

Dr Claudio Pierantoni

Professor de Filosofia Medieval,

Facultade de Filosofia, Universidad de Chile

Antigo Professor de Historia Eclesiástica e Patrologia,

Facultade de Teologia Pontifícia Universidade Católica de Chile

Membro, International Association of Patristic Studies

 

Dr John C. Rao D.Phil (Oxon.)

Professor Associado de História,

St. John's University, Ciudad de Nueva York,

Diretor, The Roman Forum

 

Dr Nicholas Richardson. MA, DPhil (Oxon.)

Fellow emérito y Sub-Warden, Merton College, Oxford

antigo Warden, Greyfriars, Oxford.

 

Dr Joseph Shaw MA, DPhil (Oxon.)

Senior Research Fellow e Tutor em Filosofia, St Benet's Hall,

Oxford University

 

Dr Anna M. Silvas FAHA,

Adjunct research fellow, Universidad de New England,

Armidale, NSW, Australia.

 

Michael G. Sirilla PhD

Diretor de Graduate Theology,

Universidade Franciscana de Steubenville, Ohio

 

Professor Dr Thomas Stark

Phil.-Theol. Hochschule Benedikt XVI, Heiligenkreuz

 

Rev.  Glen Tattersall

Pároco,

Paróquia de Beato John Henry Newman,

Arquidiócese de Melbourne

Reitor, Iglesa de St Aloysius

 

Rev. Dr David Watt STL, PhD (Cantab.)

Sacerdote de la Arquidiocese de Perth,

Capelão,

Capela de Santa  Filomena, Malaga, WA, Austrália

 

Rev. Peter M. J. Stravinskas, PhD, STD

Publisher, Newman House Press

Editor & Publisher, The Catholic Response

 

Rev. Nicholas L. Gregoris, STD

General Manager, The Catholic Response.

 

    Para citar este texto:
"Declaração de Apoio às Dubia dos Quatro Cardeais"
MONTFORT Associação Cultural
http://www.montfort.org.br/bra/imprensa/ultimas/declaracao_de_apoio_dubia/
Online, 01/03/2017 às 17:08:13h