Mundo

Prêmio ´Herodes` a Diretora que destruiu um presépio feitos por alunos na Andaluzia


GRANADA, 19 Dez. 06 (ACI) .- O Foro Andaluz da Família concedeu este ano o irônico "Prêmio Herodes 2006" à diretora do Instituto de Mijas que retirou e colocou em sacos de lixo o Presépio feito pessoalmente pelos alunos e com ajuda particular econômica dos professores de religião, alegando que o Presépioo no tempo de Natal "ofendia sensibilidades de não cristãos".

"Com este Premio Herodes 2006 queremos identificar ações contra a infância, como esta, que põem em perigo o futuro de nossa sociedade, construída sobre valores de respeito mútuo, tolerância, diálogo, avaliação da dignidade da pessoa, seu trabalho e sua criatividade", explicou o Presidente do Foro Andaluz da Família, Federico Die.

O Foro Andaluz da Família apóia também o pedido dos pais à Conselheira de Educação para que destitua a diretora por ofensa aos alunos e a suas famílias.

O Presidente do Foro Andaluz da Família acrescentou que a expressão "ensino laico", no texto atual do projeto de Estatuto Andaluz, pode provocar que se repitam estas situações. "O termo laico não aparece na Constituição, é ambíguo, está provocando uma intranqüilidade nas famílias sobre o ensino que receberão seus filhos nos centros públicos, e poderia produzir uma fuga do ensino público, que ficaria em desvantagem competitiva ao reduzir sua oferta educativa em relação aos outros centros educativos de iniciativa social. O texto que será votado no Senado no próximo dia 20, deveria ficar redigido assim: "… O ensino público será não confissional, conforme o próprio caráter do Estado. …", afirmou Die.
(destaques nossos)



Comentário:


Esta diretora promove a festa do "Halloween" na sua escola.

Halloween pode! Uma festa originadas em religiões pagãs, idólatras, que cultua a morte... ah, isto é uma maravilha, todas as crianças
vestidinhas de bruxas e caveiras comemorando a morte e o demônio! Uma beleza!

O Presépio de Nosso Senhor, fora!

Jaime Maia
 


 Espanha - Pais de família recebem apoio contra a suspensão da festa escolar de Natal  

MADRI, 01 Dez. 06 (ACI) .- A Confederação Católica Nacional de Pais de Família e Pais de Alunos (CONCAPA), apoiou os pais de um colégio público de Zaragoza em sua reivindicação da festa natalina, e indicou que suspender a celebração responde à intolerância do laicismo promovido pelo Governo.
Recentemente, as autoridades do colégio público Hilarión Gimeno de Zaragoza tinham suspendido a realização da Festa de
Natal, tal como aconteceu no ano passado com as canções de natal, alegando que não se contava com o espaço suficiente e que poderia ferir as sensibilidades religiosas de outros grupos.

Entretanto, fontes do colégio informaram que logo depois do protesto dos pais, decidiu-se "retomar as atividades que a Associação de Pais de Alunos tinha programadas para estas datas", entre elas os cantos de natal, os enfeites nas salas-de-aula e os corredores e as habituais festas de classe.

Diante desta situação, a CONCAPA denunciou que "a intolerância do laicismo promovido pelo Governo volta a atacar a liberdade de consciência, religião e expressão.
Nesta ocasião, impedindo às famílias desenvolver a celebração dos atos natalinos".

Através de um comunicado, assinalou que "uma vez mais se confunde o público com a estatal (...), esquecendo que a Espanha é um estado não confessional", que quer dizer "respeito a todas as religiões" e não "obstaculizar e pôr travas, especialmente quando se trata da religião católica, que é a majoritária em nosso país". 

Acrescentou que as desculpas esgrimidas pelo centro não criaram "nenhum problema para a celebração de outras festas como o
Halloween".

Diante disso, exortou aos pais a não "permanecer em uma atitude de resignado conformismo" e exigir o respeito a seu direito a decidir a educação de seus filhos, amparado pela Constituição Espanhola. Recordou que "a escola pública não é propriedade nem do diretor nem do claustro, e portanto tem que atender as demandas legítimas dos pais que, neste caso, querem que se celebrem as festas natalinas".

Fonte: ACI Digital

    Para citar este texto:
"Prêmio ´Herodes` a Diretora que destruiu um presépio feitos por alunos na Andaluzia"
MONTFORT Associação Cultural
http://www.montfort.org.br/bra/imprensa/mundo/20061219/
Online, 20/09/2017 às 18:42:04h