Igreja e Religião

Cardeal Ratzinger critica Cardeal Lehmman


O Prefeito da Congregação para Doutrina da Fé do Vaticano, Cardeal Joseph Ratzinger, criticou vida da igreja alemã e atacou a primeira assembléia ecumênica de igrejas, ou Kirchentag, que foi realizada em maio, em Berlim.

O Cardeal Ratzinger disse que ele achou o Kirchentag 'sem clareza' e também chamou as organizações laicas alemãs de burocráticas e disse que elas não mostraram nenhum sinal de 'contentamento da fé.'

'Foi mais uma auto celebração e uma auto satisfação,' disse ele. 'A face do Cristo crucificado, chamando-nos para o apostolado e nos levando para a ressurreição, não apareceu o suficiente.'

Seu ponto de vista foi apoiado pelo Cardeal Joachim Meisner de Cologne mas o chefe da conferência dos bispos alemães, Cardeal Karl Lehmann de Mainz, disse que os comentários do Cardeal Ratzinger foram 'perniciosos.'

Fonte: http://www.totalcatholic.com


    Para citar este texto:
"Cardeal Ratzinger critica Cardeal Lehmman"
MONTFORT Associação Cultural
http://www.montfort.org.br/bra/imprensa/igreja/igreja20030905_2./
Online, 29/03/2017 às 23:39:12h