Igreja e Religião

Vaticano condena heresia de líder da Teologia da Libertação

Arcebispo: Sobrino punido pela CDF (Congregação para Doutrina da Fé)
 
Fernando Sáenz Lacalle, arcebispo de São Salvador (El Salvador), onde reside o teólogo da libertação espanhol Jon Sobrino, SJ, confirmou hoje que o Vaticano o sancionou. A Congregação para Doutrina da Fé notificou Sobrino da proibição de ensinar em qualquer centro Católico “enquanto ele não revisar suas conclusões; a divindade de Jesus Cristo é uma parte fundamental de nossa fé, que [Ele] é verdadeiramente o Filho de Deus feito Homem”.
 
Saénz, tambéu um Espanhol, confirmou a informação em uma conferência de imprensa organizada depois da missa de domingo na Catedral Metropolitana, adicionando que “seus escritos foram estudados por um longo tempo [no Vaticano] e que advertências foram emitidas anos atrás”.
 
“O que a Santa Sé expressa”, disse Sáenz, “é que as conclusões dos estudos teológicos sobre Cristo que Padre Sobrino publicou não estão de acordo com a doutrina da Igreja e que ele não será capaz de ensinar teologia em qualquer centro Católico [de estudos] enquanto ele não revisar [aquelas] conclusões”.

“Eu rezo ao Senhor para que o Padre Sobrino seja dócil aos ensinamentos da Igreja e revise suas conclusões”, disse o Arcebispo, que acrescentou, a pedido de um jornalista, que as conclusões heterodoxas de Sobrino são precisamente aquelas em que Jesus Cristo era “consciente de Sua humanidade, mas não de Sua divindade, uma opinião que “não é Católica”.
(tradução nossa)




Leia o texto oficial da condenação:

CONGREGAÇÃO PARA A DOUTRINA DA FÉ

NOTIFICAÇÃO

sobre as obras do P. Jon SOBRINO S.I.:
Jesucristo liberador. Lectura histórico-teológica de Jesús de Nazaret (Madrid, 1991) e
La fe en Jesucristo. Ensayo desde las víctimas (San Salvador, 1999).


    Para citar este texto:
"Vaticano condena heresia de líder da Teologia da Libertação"
MONTFORT Associação Cultural
http://www.montfort.org.br/bra/imprensa/igreja/20070311/
Online, 11/12/2017 às 13:03:42h