Igreja e Religião

Sacerdotes autorizados realizam até cinco exorcismos diários no México


MÉXICO, 28 Ago. 05 (ACI) .- Recentemente se realizou na sede da Conferência Episcopal Mexicana (CEM) o Segundo Congresso Nacional de Exorcistas, evento no que se informou que nesse país se realizam até cinco exorcismos ao dia.

Conforme escreve Marco Campillo, desde a década dos ‘60s se chegou a esse número. Só no Distrito Federal existem oito exorcistas autorizados pela Santa Sé para realizar exorcismos cuja missão, conforme explicam, é expulsar ao demônio em nome de Jesus, tal e como o estabelece a Igreja Católica.

Um destes oito sacerdotes é o Padre Pedro Mendoza quem assinala que há um exorcista paracada Vicaria (da arquidiocese) e temos todos os dias, quatro ou cinco casos. Temos um dia de oração de liberação com 30 ou 40 pessoas". “É um ato litúrgico especial, com uma oração especial da Igreja a qual se tem que atener o exorcista para realizá-lo como quando a gente faz um sacramento", adicionou.

Por sua parte, o Padre Abel López manifesta que quando uma pessoa se encontra possuida pelo demônio se faz visível em seu modo de  atuar e falar, pois seu tom de voz tende a ser mais agressivo. Entretanto, o diagnóstico de possessão deve ser determinado por vários especialistas científicos. "Então o bispo tem que mandar a psicólogos, psiquiatras, médicos para que dêem seu diagnóstico, para dizer se está diabólico, se estiver possuido ou não está possuido", assegurou.


    Para citar este texto:
"Sacerdotes autorizados realizam até cinco exorcismos diários no México"
MONTFORT Associação Cultural
http://www.montfort.org.br/bra/imprensa/igreja/20050829/
Online, 19/10/2017 às 01:49:15h