Montfort Associação Cultural

6 de outubro de 2013

Download PDF

Vigésimo Domingo depois de Pentecostes

Fonte: Missa Tridentina na Paróquia São Sebastião, Campo Grande

 

2ª Classe – Paramentos Verdes

Para ler/baixar o Próprio desta Missa, clique aqui.
Santo do DiaSão Bruno, confessor (m. 1101).
Epístola de São Paulo Apóstolo aos Efésios 5, 15-21.
Irmãos: Tende cuidado em andar com prudência: não como insensatos, mas como pessoas circunspectas, aproveitando o tempo, porque estão a correr maus dias. Portanto, não sejais inconsiderados; pelo contrário, procurai saber qual é a vontade de Deus. Não vos deixeis embriagar com o vinho, que é uma fonte de luxúria; enchei-vos, sim, do Espirito Santo, recitando, uns com os outros, salmos, hinos e cânticos espirituais, louvando e salmodiando a Deus, nos vossos corações. Dai sempre, e por tudo, graças a Deus Pai, em nome de Nosso Senhor Jesus Cristo. Sede submissos uns aos outros, no temor de Cristo.
Evangelho de Jesus Cristo segundo São João 4, 46-53.
Naquele tempo: Havia em Cafarnaum um oficial do rei, cujo filho estava doente. Ao saber que Jesus tinha vindo da Judeia para a Galileia, foi ter com Ele, e pediu-Lhe que lhe fosse a casa curar o filho, já à morte. Disse-lhe Jesus: “Só acreditais, vendo milagres e prodigios!” Disse-Lhe o oficial: “Senhor! Vinde, antes que o meu filho morra!” Jesus respondeu-lhe: “Vai: o teu filho vive.” O homem deu crédito ao que Jesus lhe tinha dito, e partiu. Quando já regressava a casa, vieram-lhe os criados ao encontro, dando-lhe a notícia de que o filho vivia. Perguntando-lhes ele a hora em que o filho se tinha sentido melhor, responderam-lhe: “Foi ontem, pela sétima hora, que a febre o deixou.” O pai, então, verificou que era aquela exatamente a hora, em que Jesus lhe dissera: “O teu filho vive!” Ele acreditou, e toda a sua família.
Traduções das leituras extraídas do Missal Quotidiano por Pe. Gaspar Lefebvre OSB (beneditino da Abadia de Santo André) – Bruges, Bélgica: Biblica, 1963 (com adaptações).
Comentário ao Evangelho do dia:
Pe. Leonhard Goffiné (1648-1719), cônego regular premostratense
Manual do Christão, pág. 703 – Rio de Janeiro: Casa Central dos Padres Lazaristas, 1951 (com adaptações a/c blog).
“Se não vede milagres e prodígios, não acreditais” (Jo 4, 48)
O Salvador procurava sempre curar antes as doenças da alma que as do corpo; não quis restituir a saúde ao filho sem que primeiro houvesse curado o pai da sua pouca fé.
Entendam aqui os chefes de família e todos os depositários da autoridade quanto podem os seus exemplos sobre os seus subordinados, e quanto devem temer dar-lhes exemplos maus. Inúteis são, às vezes, as mais patéticas exortações; o exemplo aturado é irresistível. “E creu ele e toda a sua casa” (Jo 4, 53b)

Publicações relacionadas

Oração e Vida Espiritual: LITURGIA DA QUARTA-FEIRA DE CINZAS

Oração e Vida Espiritual: Liturgia: Domingo Gaudete, Terceiro Domingo do Advento

Artigos Montfort: Onde o Céu toca a terra: um percurso pelo Rito Romano Tradicional – Parte 6 - Marcos Bonelli

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais