Montfort Associação Cultural

10 de fevereiro de 2005

Download PDF

Tratamento dado aos Judeus

Autor: Orlando Fedeli

  • Consulente: Yuri
  • Idade: 17
  • Localizaçao: Rio Verde – GO – Brasil
  • Escolaridade: 2.o grau em andamento
  • Religião: Católica

Não entendo o tratamento “carinhoso” que vocês dispensam aos judeus. Os protestantes e os judeus sempre foram parecidos (vide-EUA) em seu apego por coisas materiais, enquanto nós católicos nunca tivemos um bom relacionamento com os judeus (vide-Polônia).

Não que eu seja anti-semita, mas se me lembro bem antes do seu “odiado” Concílio do Vaticano, rezávamos pelos “pérfidos judeus” na Sexta Feira Santa.

Salve a Santa Igreja!

Prezado Yuri, salve Maria.

Ninguém pode ser contra um povo ou uma raça enquanto povo ou raça, porque em todos os povos e raças há pessoa boas e más. Como escreveu Camões:

“mesmo entre os portugueses, traidores houve, algumas vezes” (Lusíadas).

Ser contra um povo ou uma raça enquanto tal é racismo. E o racismo é pecado. E um pecado que conduziu os racistas nazistas ao crime do genocídio, que sempre deve ser condenado. Assim, é um absurdo para um católico dizer-se contra os judeus, entre outras razões porque Nosso Senhor Jesus Cristo era judeu. Nossa Senhora era judia. Todos os Apóstolos eram judeus.

O que podemos condenar é a doutrina judaica que fez com que eles, os judeus, não aceitassem a Jesus Cristo como o Messias, e porque o crucificaram. Sabendo, porém, que um dia os judeus “Lançarão o olhar para Aquele a quem transpassaram (Jo, XIX, 37).

In Corde Jesu, semper,
Orlando Fedeli

TAGS

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais