Montfort Associação Cultural

9 de junho de 2013

Download PDF

Terceiro Domingo depois de Pentecostes

 

3º DOMINGO APÓS PENTECOSTES

2ª Classe – Paramentos Verdes

 

Para ler/baixar o Próprio completo desta Missa, clique aqui.
Santos do diaSantos Primo e Feliciano, mártires (mm. 227);
(no Próprio dos Santos do BrasilBeato José de Anchieta, confessor (m. 1597).

 

Epístola 1ª de São Pedro Apóstolo 5, 6-11.
Caríssimos: Humilhai-vos sob a poderosa mão de Deus, para que Ele vos exalte, quando vier até vós. Descarregai n’Ele todas a vossas preocupações, porque Ele tem cuidado de vós. Sede sóbrios e vigiai, porque o demônio, vosso adversário, anda, como um leão, rugidor, à vossa volta, buscando a quem devorar. Resisti-lhe fortes na fé, sabendo que os vossos irmãos, que estão espalhados pelo mundo, suportam as mesmas provas. Porém, após um breve sofrimento, o Deus de toda a graça, que nos chamou para sua glória eterna em Jesus Cristo, Ele próprio aperfeiçoará, fortalecerá e consolidará a sua obra: A Ele seja dada a glória e o poder pelos séculos dos séculos! Amém.
Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 15, 1-10.
Naquele tempo: Os publicanos e os pecadores aproximavam-se de Jesus, para O ouvirem. Mas, os fariseus e os escribas murmuravam, dizendo: Este acolhe os pecadores, e come com eles! Apresentou-lhes então, esta parábola, dizendo: “Qual de vós, tendo cem ovelhas, se perde uma delas, não deixa as noventa e nove no descampado e vai procurar a que se tinha perdido, até a encontrar? E depois de a ter encontrado não a põe, todo contente, aos ombros, e, de regresso a casa, não chama os amigos e os vizinhos, dizendo-lhes: Congratulai-vos comigo, porque encontrei a minha ovelha que tinha se perdido? Pois digo-vos que no Céu haverá também maior alegria por um só pecador que se arrepende, do que por noventa e nova justos que não precisam de se arrepender! Ou ainda: qual é a mulher que, tendo dez dracmas, e perdendo uma, não acende a candeia, e não varre a casa, e não procura diligentemente até a encontrar? E, depois de a ter encontrado, não chama as amigas e as vizinhas, dizendo-lhes: Congratulai-vos comigo, porque encontrei a moeda que tinha perdido? Assim também Eu vos digo que entre os Anjos de Deus haverá alegria por um só pecador que se arrepende!”

Traduções das leituras extraídas do Missal Quotidiano por Pe. Gaspar Lefebvre OSB (beneditino da Abadia de Santo André) – Bruges, Bélgica: Biblica, 1963.
Comentário ao Evangelho do dia:
Pe. Leonhard Goffiné (1648-1719), cônego regular premostratense
Manual do Christão, págs. 618-619  - Rio de Janeiro: Casa Central dos Padres Lazaristas, 1951.

 

“…entre os Anjos de Deus haverá alegria por um só pecador que se arrepende! (Lc 15, 10)
Pressurosos acudiam a Jesus os publicanos e os pecadores, atraídos pela brandura com que os acolhia e do zelo que mostrava por sua salvação, no tempo em que os orgulhosos fariseus hipócritas nem os queriam sequer aturar em sua companhia.
Propunha o Salvador coisas dificultosas e de árdua perfeição; temperava-lhes, porém, os rigores com suaves discursos, com parábolas alegóricas, que animavam o pecador e lhe davam confiança para sempre procurá-lO.
A indignação dos fariseus e suas críticas à condescendência do divino Mestre nos mostram, diz S. Gregório, que é repassada de caridade a verdadeira justiça e a falsa, toda cheia de dureza e aspereza: pretende o hipócrita acabar com os pecadores, étodo raios e relâmpagos. Também os justos às vezes, se indignam contra os pecadores, continua o mesmo Padre; é muito distante, porém, o (sentimento) que nasce do orgulho, do puro zelo da glória de Deus e do bem das almas. Com veemência admoestam os Santos aos ímpios, mas, com o coração cheio de mansidão e caridade; detestam o pecado, mas, têm pena do pecador, ao passo que o Fariseu soberbo, com sua imaginária santidade, de ninguém se compadece.
Fonte: Missa Tridentina na Paróquia de São Sebastião, Campo Grande

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais