Montfort Associação Cultural

20 de julho de 2006

Download PDF

Stylyng 4 – Terminou tragicamente o primeiro diálogo “Interreligioso” da História

STYLYNG 
20 de Julho de 2006



Por iniciativa da SERPENTE, realizou-se, no Paraíso Terrestre, o 1º DIÁLOGO INTERRELIGIOSO da História, cujo trágico encerramento deixou conseqüências amargas aos participantes, aos seus descendentes, chegando a atingir até a própria Natureza.
 
De fato, com um ardiloso e serpentino DIÁLOGO visando convencer Eva de que os frutos de todas as árvores do Paraíso eram igualmente benéficos que, absolutamente, nenhum deles causava a morte, e que, conseqüentemente, ela e Adão poderiam experimentar os frutos de todas as árvores, a SERPENTE  iniciou o DIÁLOGO questionando Eva se, de fato, Deus proibira à ela e à Adão de saborear o fruto de determinada árvore, caso contrário morreriam.
 
À resposta positiva de Eva, a SERPENTE retrucou: “Oh, não! … vós não morrereis!”… Pelo contrário!… “sereis como deuses”!…
 
E prosseguiu explicando, como aperitivo, que aquilo era uma bobagem, um dogma do passado, coisa antiquada, resultado de mentalidade autoritária, triunfalista, preconceituosa e punitiva de outrora, já ultrapassada, varrida agora pelos novos ares soprados de novos tempos. Recomendou-lhes que abrissem seus olhos para uma Fé adulta, livre, libertadora, sem compromisso com crendices retrógradas… e  abrissem suas  bocas para saborear as delícias daquele fruto outrora proibido.
 
E, assim, aconteceu!… Passando do DIÁLOGO para a AÇÃO, Adão e Eva comeram daquele fruto!…
 
Deus, ao ver o que ocorria, imediatamente os expulsou do Éden, sujeitou-os ao trabalho, a doenças e à morte nesta Terra, que produziria também espinhos e abrolhos.
 
Quanto à SERPENTE, que iniciara tão maligno DIÁLOGO, enganando Adão e Eva, Deus a condenou a rastejar sobre o pó, estabelecendo entre ela e a MULHER, e entre os filhos de ambas, uma inimizade e guerra contínuas, bradando: “INIMICITIAS PONAM…” que desde então  ecoa no Universo.
 
Mas, a SERPENTE, através dos seus filhos, continuará a preparar ciladas no calcanhar da MULHER, sugerindo novos, porém sempre enganosos DIÁLOGOS para supostas UNIÕES entre opostos. E tentando silenciar o brado de Deus, lançam um pretensioso e soberbo gritinho: “AMICITIAS PONAM…”  entre os filhos da SERPENTE e os filhos da MULHER…. Em vão!… porque  esta, um dia esmagará a sua cabeça! .. E o “INIMICITIAS PONAM…”  continuará a ecoar no Universo!… para sempre!… para sempre!..para sempre!..

TAGS

Publicações relacionadas

Artigos Montfort: Conclamação a resistir ao mundo moderno: a Declaração do Papa Francisco e Patriarca Ortodoxo Kyrill - Alberto Zucchi

Cartas: Tsunami de ódio contra a Igreja - Orlando Fedeli

Cartas: Mais uma ovelha vítima dos lobos - Orlando Fedeli

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais