Montfort Associação Cultural

26 de agosto de 2004

Download PDF

Socialismo vs. Catolicismo

Autor: Orlando Fedeli

  • Consulente: Thelles
  • Idade: 22
  • Localizaçao: Goiânia – GO – Brasil
  • Escolaridade: Superior em andamento
  • Religião: Protestante

Bom dia senhores!!!!!!

Espero que esteja tudo bem, indo de vento em polpa! rs** Bem, vamos ao que interessa.

A minha dúvida é a seguinte:

Até onde eu sei, (e é claro, posso estar errado, pois todo ser humano erra, até mais do que acerta eu diria…rs**), Jesus ensinou basicamente a amar o próximo como a si mesmo e a Deus sob todas as coisas.

Definitivamente não entendo por que o socialismo é contraditório ao cristianismo? Ora vejamos, no sistema socialista, todos os homens são iguais, todos trabalham em beneficio da sociedade. Onde essa filosofia fere os ensinamentos de Jesus? E mesmo que ferisse, não seria muito mais correto seguir um sistema desses do que participar desse capitalismo doentio, onde nascemos, crescemos, vivemos e morremos em prol do dinheiro?

Gostaria que me mostrassem onde os ensinamentos de Jesus se contradizem com o sistema socialista e onde o capitalismo põe em prática a vontade de Deus.

No mais fico por aqui, Abraços para todos e lembrem-se…

“…a vida é como um violão, se você esticar demais a corda ela arrebenta e se afrouxar demais o violão não toca…”

Procurem o equilibrio entre as coisas pois tudo que é exagerado é ruim. (e é claro, eu posso estar completamente errado sobre todas essas palavras…rs**
Thelles

Prezado Thelles, salve Maria!

Você mesmo afirma que Cristo mandou amar o próximo como a si mesmo.Ora, se Cristo fala em amar ao próximo, é que ele estabelece uma diferença entre o amor ao próximo e o amor ao distante.

Logo, Ele manda que amemos aos outros com desigualdade, enquanto o socialismo quer a igualdade.

Próximos de nós, são, em primeiro lugar, pai e mãe, esposa, irmãos e filhos. A seguir são nossos próximos, os amigos, os conhecidos, os vizinhos, os compatriotas, e finalmente todos os homens.

Pio XI ensinou que ninguém pode ser católico e socialista, ao mesmo tempo, e que catolicismo e socialismo são termos contraditórios (Encíclica Quadragésimo Anno). O ponto de fundamental oposição entre socialismo e cristianismo é o problema da igualdade.

Para o socialismo a igualdade entre os homens é um bem em si. Para o Cristianismo, a desigualdade entre os homens, e em tudo, é um bem em si mesmo.

São Tomás ensina que: Todo ser inteligente age conscientemente em ordem. Deus é infinitamente inteligente. Logo, Deus faz tudo em imensa ordem. Coisas iguais não podem ser postas em ordem entre si. ( Não se pode por em ordem alfabética quarenta nomes José Silva).

Ora, Deus fez tudo em ordem. Logo, Deus fez tudo com desigualdade. O grau de ordem reflete, como em imagem, o grau da inteligência ordenadora. (Assim, uma estante de livros arrumada por uma pessoa analfabeta será posta conforme o tamanho e cor dos livros, enquanto uma pessoa alfabetizada a arrumará por ordem alfabética de nomes dos livros).

Deus fez o universo em ordem Logo, a ordem do universo é uma imagem da Sabedoria de Deus. Logo, amar a desigualdade é amar a ordem.

Amar a ordem é amar a imagem da Sabedoria de Deus.

Amar a imagem da Sabedoria de Deus é amar a Deus, pois quem detesta o retrato de alguém não detesta o papel da foto: detesta a pessoa retratada.

Portanto, o socialismo, querendo a igualdade, detesta a ordem. (Veja o que ocorre no Brasil atual).

Detestar a ordem é detestar a imagem da Sabedoria de Deus.

Detestar a Imagem da Sabedoria de Deus é detestar o próprio Deus.

Amar a igualdade é odiar a Deus.

Portanto, ser socialista implica odiar a Deus. Ora, o cristianismo manda amar a Deus sobre todas as coisas. Logo, cristianismo e socialismo são contraditórios.

Ninguém pode ser católico e socialista, ao mesmo tempo. Mentirosamente, se costuma dizer que Cristo pregou a igualdade.

Já vimos que Ele mandou amar mais ao próximo.

Ele jamais tratou os homens com igualdade, pois disse que o Reino dos céus é semelhante a um rei que deu cinco talentos para um servo, dois talentos, para outro; e um talento, para um terceiro. E depois veio ainda cobrar os juros. Logo, é mentira que Cristo pregou a igualdade, pois disse que “A quem muito foi dado, muito será pedido”.

Recomendo-lhe que consulte, no site Montfort, meu trabalho sobre a igualdade e a desigualdade de direitos entre os homens, onde você achará muitos outros argumentos e provas de que os homens são semelhantes e não iguais, isto é, são iguais na natureza, e desiguais nos acidentes. Lá, nesse trabalho, você achará ainda outros argumentos de São Tomás, comprovando a desigualdade dos homens.

O capitalismo não é a única alternativa ao socialismo.

O mal mais profundo da sociedade moderna é o humanismo, o antropocentrismo que substituiu o Teocentrismo da cristandade medieval. O mal é a “civilização” chamada moderna, que antes deveria ser chamada de barbarização moderna, da qual o capitalismo é um dos efeitos.

Esperando tê-lo satisfeito — depois de tanto tempo de espera para responder a sua carta, pois estive muito ocupado com um trabalho sobre o Modernismo e o Vaticano II — me despeço.

In Corde Jesu, semper,
Orlando Fedeli.

TAGS

Publicações relacionadas

Notícias e Atualidades: Nossa Senhora de Sheshan, Auxiliadora dos Cristãos na China

Cartas: Che e Reforma Agrária - Orlando Fedeli

Cartas: Nazismo e Socialismo - Orlando Fedeli

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais