Montfort Associação Cultural

23 de maio de 2008

Download PDF

Silêncio às calúnias

Autor: Orlando Fedeli

  • Consulente: José de Aquino Neto
  • Localizaçao: Teresina – PI – Brasil
  • Escolaridade: 2.o grau concluído
  • Profissão: Cobrador
  • Religião: Católica

Prezado irmão em cristo Orlando Fedeli,como filho da mesma madre igreja catolica apostolica romana,considero-o não apenas como irmão na fé catolica mais também como um grande e fiel defensor da mesma.infelizmente muitos catolicos(dentre eles padres) lhe consideram como herege ou ante-catolico,muitos citam como argumento de tal acusação o vosso silêncio diante das mesmas,as critícas e acusações que mais sujam à sua imagem(pessoa) como herege e indicam o site montfort como o caminho da heresia encontra-se em: luterofedeli.wordpress.com(principalmente os temas-o caminho da heresia,a montfort é uma seita?, professor ou charlatão?, fedeli o novo lutero, a carta que fedeli não publicou…) todos nós que o consideramos como irmão na fé catolica e lhes somos gratos por defendê-la fielmente, vos solicitamos para fazer um comentário ás acusações que lhes são feitas por: luterofedeli.wordpress.com
Agradecemos desde já, todos assíduos leitores do site montfort que confiam piamente no vosso amor e fidelidade á santa madre Igreja Catolica Apostolica Romana.

Muito prezado José de Aquino,

Salve Maria.

 

Muito lhe agradeço suas palavras elogiosas e sua preocupação em me defender .

É natural que se seja atacado e caluniado.

Não fizeram o mesmo com Nosso Senhor?

Se Ele inocente, Deus infinitamente bondoso, foi odiado, caluniado e crucificado, como nós não sofreríamos coisa semelhante, nós que somos pecadores?

Jesus mesmo nos preveniu que seríamos caluniados e expulsos das igrejas por causa da defesa de sue nome. Disse-nos que nos alegrássemos quando isso ocorresse. Portanto alegremos-nos com essas ofensas e ódio gratuitos.

Por outro lado, disse Nosso Senhor que não jogássemos pérolas aos cães.

Não estou usando essa citação para ofender pessoas que me odeiam e atacam, mas apenas como conselho prudente: quando se está num combate, quando atingimos um ponto vital do inimigo, é natural que o inimigo procure que desviemos o ataque do ponto crucial, fazendo fogo estrepitoso noutro ponto, para que nos desviemos nossa atenção do ponto crucial que está sendo atingido.

Deixemos, pois, essa gentinha fazer alarido e lançar lama sobre nós. Continuemos a atacar o ponto principal que são os erros do Concílio Vaticano II e da Nova Missa. Continuemos a ajudar a ação do Papa Bento XVI nessas duas questões. Não coloquemos a defesa de nossa honra antes da defesa da Fé e da Santa Igreja.

O resto é busca-pé fingindo ser canhão.

Calúnias são como busca pé: fazem barulho, “brilham” um momento, mas nem ilumina e nem aquece. Tem “brilho” bem fugaz. Nada se lê à luz de busca pé. E ninguém se esquenta ao calor de um busca-pé.

Depois, lembre-se do exemplo de Jesus que, ao ser caluniado por inimigos desprezíveis, calava-se. Jesus autem tacebat.

Pois nos recomenda a Sagrada Escritura:

 

Não respondas ao louco segundo a sua loucura, para não vires a ser semelhante a ele. Responde ao louco segundo merece sua loucura para que ele não imagine que é sábio(Prov., 4-5).

 

Só se responde ao louco se se pode fazer algum bem, e só quando for conveniente para razões mais altas.

Então, concluindo, meu caro José de Aquino, não se respondem ataques baixos, nem a “filho” que ataca “pai”, e muito menos a ataques que são mera manobra para nos fazer perder tempo combatendo anões em vez de gigantes. O bom médico não perde tempo em cortar verrugas quando está operando alguém de câncer gravíssimo.

Esperando tê-lo atendido meu caro José de Aquino, me despeço com um abraço amigo

 

In Corde Jesu, semper,

Orlando Fedeli

TAGS

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais