Montfort Associação Cultural

25 de novembro de 2004

Download PDF

Segredos de Fátima

Autor: Orlando Fedeli

  • Consulente: Carlos Jaime Júnior
  • Localizaçao: Rio de Janeiro – RJ – Brasil

Professor Orlando Fedeli, Salve Maria

Estive lendo o seu trabalho sobre os Segredos de Fátima. O trabalho é muito bom, fica evidente que houve manipulação da terceira parte da mensagem. Mas uma coisa me chamou a atenção: o sonho de dom Bosco sobre as colunas parece sugerir um futuro assassinato de João Paulo II. É isso mesmo? Pelo menos foi isso que deu para entender. Depois da segunda reunião(Vaticano II), aparecem mais dois papas(João Paulo I e II). O segundo é ferido, cai, mas não morre(atentado de 81). Depois é ferido de novo cai e morre(um futuro assassinato?). É João Paulo II o papa do segredo de Fátima?

O que o sr. acha da profecia de São Malaquias sobre os papas? Ela só tem mais dois nomes. Muita gente usa isso pra dizer que é o fim dos tempos. O que o sr. acha? Em conexão com isso, dizem que há na Basílica de São Paulo em Roma uma série de medalhões onde vão sendo colocados as fotos dos papas. A quantidade de medalhões coincidiria exatamente com a profecia de Malaquias, ou seja, só teriam mais dois medalhões vazios(sem fotos). Isso é verdade? É possível provar que essa profecia é uma fraude? Falam que foi uma tentativa de um cardeal de influenciar a eleição de Gregório XIV. Mas quem acredita na profecia diz que isso não pode ser provado e que um tal de Onofrio Panvinio, que seria um historiador respeitado do século XVI, acreditava na veracidade da profecia. O que o sr. sabe sobre o assunto?

Carlos Jaime Júnior

Muito prezado Carlos Jaime, salve Maria!

É sempre arriscado pretender interpretar profecias. Só quando elas se realizam é que se pode perceber o que significava realmente a linguagem simbólica empregada por elas.

Não há dúvida que haverá o assassinato de um Papa por subir a montanha com a cruz, isto é, um Calvário. Ora, um Calvário é sempre um altar, visto que a Missa é a renovação do sacrifício do Calvário. Portanto, o Papa subir um Calvário simboliza que um Papa será morto por causa da Missa.

É bem difícil, embora não impossível, que o Papa atual seja aquele que será morto a tiros e flechas. É evidente que o atentado sofrido pelo Papa João Paulo II não foi a realização da visão do Terceiro Segredo de Fátima, cujo texto o Vaticano não publicou. O Papa não morreu, Ninguém morreu. E a Visão mostra o fuzilamento de um Papa por soldados e, depois, um massacre de Cardeais, Bispos, Padres e povo. Nada disso aconteceu.

Sobre os Papas mortos nos sonhos de Dom Bosco, há que perguntar se a morte deles é material ou espiritual. A saída de Roma, caminhando 200 dias, indica uma saída espiritual e não material. Ninguém leva duzentos dias para sair materialmente de Roma.

A chamada “profecia” de São Malaquias é falsa.

Por ela seria possível conhecer, pelo menos bem aproximadamente, o fim do mundo, coisa que Jesus disse que nenhum homem sabia.

Depois, é sabido que São Malaquias viveu seus últimos anos no mosteiro de São Bernardo, em Claraval. São Bernardo escreveu a biografia desse santo, e não faz nenhuma referência a essa famosa profecia.

Sabe-se ainda que ela tem indicações de nomes de papas muito precisamente até o século XV. O último nome bem indicado é o do Papa Piccolomini (Enéas Silvio Picolomini, Pio II) indicado pela expressão “de parvus homine”, sobre o homem pequeno, que, em italiano se diz Piccolomini… Depois desse Papa, as expressões latinas dessa “profecia” se tornam extremamente vagas e gratuitas. Tudo isso indica que se trata de uma falsa profecia.

O caso dos medalhões, se for verdadeiro, será mera coincidência.

Esperando ter elucidado suas dúvidas sobre tema tão apaixonante, subscrevo-me atenciosamente

in Corde Jesu, semper,
Orlando Fedeli.

TAGS

Publicações relacionadas

Artigos Montfort: Lobos italianos e “oriundi” - Orlando Fedeli

Artigos Montfort: Rezemos pelo Papa. Rezemos pela FSSPX. Rezemos pela Igreja - Orlando Fedeli

Artigos Montfort: Sandro Magister comenta o “Comunicado do Vaticano” sobre os Legionários de Cristo

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais