Montfort Associação Cultural

1 de outubro de 2004

Download PDF

Quem criou Deus

  • Consulente: Kelly
  • Idade: 14
  • Localizaçao: São Paulo – SP – Brasil
  • Escolaridade: 1.o grau em andamento
  • Religião: Outras – escreva abaixo

Caro Sr. Paulo Sergio Pedrosa,estive lendo uma carta sua a uma pessoa denominada Flavio e dizia o siguinte:”O que defendo aqui não é o meu ponto de vista, mas o que ensina a Santa Igreja Católica, fundada sim, por nosso senhor Jesus Cristo sobre Pedro” a sua querida e idolatrada “Igreja Católica Apostolica Romana” na Idade Média perseguio judeus muculmanos maçacrou as religiões pagãs como a wicca….eu tenho 14 anos e sei disso….pq estudo desde os 9 a chamada por vc “religião pagã” o q Flavio disse eh verdade q HOMEM =DEMONIO,SATÁNAS OU DIABO come preferir….pois quem mata os homens são os proprios homens.

A Igreja Católica ñ aceita seus diferentes o Sr. diz tambem:”seja de seus falsos deuses…” como o Sr. sabe q são falços….quem garante q Deus tambem ñ seja falço,Jesus cristo ñ eh falço vc dira. Mas com certeza c eu te perguntar quem crioou o “seu” Deus vc ñ vai saber me responder.

o Sr. pode ser mais velho q eu mas eu ñ sou ignorante e respeito os meus diferentes.

Agradeço por sua paciencia.

Prezada Kelly, salve Maria!

Lamento que irresponsavelmente lhe tenha sido permitido, ou talvez até incentivado, que você estudasse a Wicca.

Lamento o dano que esta religião pode fazer na mente de inocentes crianças como você.

Lamento que esta abominação esteja sendo difundida hoje entre nossas crianças por uma mídia irresponsável e inconseqüente.

Lamento sobretudo, que os pastores que deveriam estar cuidando das pequeninas ovelhas,ou estejam ausentes, ou atirando as ovelhas direto na boca dos lobos.

Minha cara, ninguém inventou o meu Deus.

Foi Deus quem criou tudo: o sol, as estrelas, o mundo, os animais, as plantas, eu, você, tudo o que existe, enfim.

Ele não é apenas o meu Deus, mas também é o seu Deus, quer você o aceite ou não. Ele é o Deus de todos, porque ele é o Único Deus.

Você, em sua efervescência juvenil, diria então: “Prove então”.

Sabe-se que toda causa é anterior ao seu efeito. Assim sendo, por exemplo, uma planta nasce (efeito) porque uma semente foi plantada (causa).

Para uma coisa ser causa de si mesma teria de ser anterior a si mesma. Por isso neste mundo sensível, não há coisa alguma que seja causa de si mesma.

No artigo EXISTÊNCIA DE DEUS (http://www.montfort.org.br/cadernos/existencia.html#1) do professor Orlando Fedeli, lemos:

“Assim, numa série definida de causas e efeitos, o resfriado é causado pela chuva, que é causada pela evaporação, que é causada pelo calor, que é causado pelo Sol. No mundo sensível, as causas eficientes se concatenam às outras, formando uma série em que umas se subordinam às outras: A primeira, causa as intermediárias e estas causam a última. Desse modo, se for supressa uma causa, fica supresso o seu efeito. Supressa a primeira, não haverá as intermediárias e tampouco haverá então a última.”.

“Se a série de causas concatenadas fosse indefinida, não existiria causa eficiente primeira, nem causas intermediárias, efeitos dela, e nada existiria. Ora, isto é evidentemente falso, pois as coisas existem. Por conseguinte, a série de causas eficientes tem que ser definida. Existe então uma causa primeira que tudo causou e que não foi causada.”.

“Deus é a causa das causas não causada. Esta prova foi descoberta por Sócrates que morreu dizendo: “Causa das causas, tem pena de mim”. A negação da Causa primeira leva à ciência materialista a contradizer a si mesma, pois ela concede que tudo tem causa, mas nega que haja uma causa do universo.”.

“O famoso físico inglês Stephen Hawkins em sua obra “Breve História do Tempo” reconheceu que a teoria do Big-Bang (grande explosão que deu origem ao universo, ordenando-o e não causando desordem, como toda explosão faz devido a Lei da entropia) exige um ser criador. Hawkins admitiu ainda que o universo é feito como uma mensagem enviada para o homem. Ora, isto supõe um remetente da mensagem…”.

Esta e mais quatro outras provas da existência de um Deus criador transcendente à natureza podem ser encontradas na página http://www.montfort.org.br/cadernos/existencia.html#1 do site da Montfort.

Tudo o que Deus criou é bom. E tudo o que Deus criou na natureza material, Ele o fez para o homem.

Antes ainda de criar o homem, Deus criou o céu e os anjos, que são seres puramente espirituais, diferentemente do homem, que é formado por corpo material e alma espiritual.

E quando Deus criou os anjos, estes instantaneamente optaram, devido ao livre arbítrio, entre servir ou rejeitar a Deus. Os que escolheram rejeitar foram expulsos da presença de Deus e se tornaram anjos decaídos, conhecidos como demônios.

E foi São Miguel Arcanjo que precipitou Lúcifer e seus anjos rebeldes no inferno…

E o que seriam os arquétipos de deuses e deusas da Wicca? Simples arquétipos naturalistas, deuses contidos na natureza?

Ora, tais deuses da Wicca não podem ser compreendidos apenas como arquétipos, pois existem rituais da Wicca onde eles são invocados. Em alguns deles, como o ritual de puxar a lua para baixo por exemplo, descrito por Buckland em seu livro “Wicca, um Estilo de Vida, Religião e Arte“, a sacerdotisa da Wicca “recebe” a deusa Diana, que, segundo Buckland, pode dar conselhos através dela e mesmo passar novos tipos de magia.

Ora, se isso é verdade, então existem algumas “entidades” dentro da natureza capazes de realizar feitos que não são possíveis para um mero mortal.

Tais entidades, se não são deuses, são então alguma forma do que chamamos espíritos, ou entidades extra corpóreas.

Como os efeitos que tais seres manifestam são impossíveis para seres humanos, tais seres só podem ser de natureza angélica.

Sendo de natureza angélica, ou seriam anjos propriamente ditos, ou demônios.

Se fossem anjos, deveriam se manifestar corretamente como tal, respeitando ao Deus único.

Sendo demônios, poderiam em sua rejeição a Deus, se fazer passar por deuses.

Portanto, tais entidades só poderiam ser demoníacas.

E se o demônio se manifesta na Wicca desta forma, a wicca é satanista, pois lida diretamente com demônios.

E a isto que estou tentando te demonstrar é dado o aval de uma Igreja que foi fundada há dois mil anos, pelo Deus encarnado, Jesus Cristo.

Deus tenha piedade de você, pois ainda criança você caiu no erro, e lhe converta para a verdadeira fé, que é a fé na única Igreja Católica Apostólica Romana, do Único Deus Onipotente.

Sancte Michael Archangele, Defende nos in praelio.
Paulo Sérgio R. Pedrosa.

TAGS

Publicações relacionadas

Cartas: Congratulações - Orlando Fedeli

Cartas: Adepto da religião da VIDA não crê na existência do demônio

Notícias e Atualidades: AS BRUXINHAS QUE ERAM BOAS

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais