Montfort Associação Cultural

26 de outubro de 2013

Download PDF

Peregrinação 2013 do Summorum Pontificum a Roma

 Dom Athanasius Schneider: “Liturgia que remonta aos Apóstolos e exprime com perfeição a fé da Igreja na Eucaristia”

Notícias da Peregrinação

As Vésperas de São Rafael Arcanjo, no primeiro dia da peregrinação, 24 de outubro, foram presididas por Dom Guido Pozzo, secretário da Comissão Ecclesia Dei. Algumas fotos
Na sexta-feira 25 de outubro, Terço matinal na Igreja Santa Maria in Campitelli
À tarde, Via Sacra terminando na Igreja de São Boaventura, no Foro Romano
Solene Missa Pontifical, às 19 horas, celebrada por Dom Athanasius Schneider. Mais algumas fotos. Via Le Forum Catholique
Em seu excelente e corajoso sermão, Dom Athanasius falou, entre outras coisas, de sua alegria em celebrar a Missa cuja liturgia remonta aos Apóstolos e que exprime com perfeição a fé no principal mistério da vida da Igreja, que é a Eucaristia.
Citando trechos das memórias de um confessor da fé que viveu nos campos de trabalhos forçados de Stalin, ele falou da profunda atenção com que era celebrada a Missa nesse lugar de sofrimento e como ela produzia uma serena alegria e força sobrenatural aos que dela participavam. Mas, pergunta Dom Athanasius, nós podemos celebrar a Missa livremente e com a dignidade que merece o Santíssimo Sacramento, porque não o fazemos com frutos de santificação?
Segundo ele, a crise da Igreja começara a ser debelada quando, no mundo inteiro, padres e fiéis rezarem voltados conjuntamente para o Senhor Deus, a comunhão for recebida de joelhos e na boca, pois realmente “Ela é o Senhor”: Dominus est!

Publicações relacionadas

Vídeos: A contra-reforma litúrgica do Papa Bento XVI - Alberto Zucchi

Oração e Vida Espiritual: Sexta Feira da Segunda Semana da Quaresma – José vendido por seus irmãos

Oração e Vida Espiritual: Segundo Domingo da Quaresma

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais