Montfort Associação Cultural

20 de julho de 2008

Download PDF

Perdão dos pecados veniais na Santa Missa

Autor: Orlando Fedeli

  • Consulente: Eduardo Marques da Silva
  • Localizaçao: Recife – PE – Brasil
  • Escolaridade: Superior concluído
  • Profissão: Professor de Matemática
  • Religião: Católica

Caríssimo Prof Orlando Fedeli e membros da Montfort
Graça e Paz da parte de nosso Senhor Jesus Cristo

Caro Prof Fedeli mais uma vez estabeleço contato com vossa instituição a fim de sanar dúvida que tenho. Sem delongas, eis a dúvida:

Na Celebração da Santa Missa, após a acolhida, é feito o Ato Penitencial que é seguido da absolvição
Por quê então após a “Paz” reza-se o Cordeiro de Deus pedindo que tenha piedade de nós sendo que o perdão já foi pedido e dado no Ato Penitencial?

Acredito que talvez estaja relacionando coisas distintas; mas não tenho certeza. Por isso apresento-lhe esta questão.

Ansioso fico no aguardo de sua resposta e, desde já, agradeço a atenção de sempre às minhas ingênuas perguntas.

Deixo um abraço fraterno.
Vosso irmão em Cristo e aluno, Eduardo.

Muito prezado Professor Eduardo,
Salve Maria.

     Creio que você se refere à Missa nova, que nunca assisti.
     Na Missa Tridentina, nas orações ao pé do altar, se reza o Confiteor. Padre e povo pedem perdão a Deus de seus pecados veniais.
     Os pecados mortais são perdoados no confessionário, e não na Missa.
     Perdoam-se os pecados veniais, porque Jesus, na Santa Ceia, depois de ter sacrificado um cordeiro – que era o ritual da páscoa judaica – finda essa ceia, lavou os pés dos apóstolos, e a seguir, instituiu o Sacrifício perpétuo do Novo Testamento, a Eucaristia.
     Ele lavou os pés dos Apóstolos para significar que é preciso participar da Missa o quanto possível purificados. Por isso, há o perdão dos pecados veniais, no início da Missa.
     A oração “Cordeiro de Deus que tiras os pecados do mundo…” significa que Cristo, por sua morte na Cruz, nos redimiu, e com a sua Ressurreiçao nos deu a certeza que o pecado de Adão – o pecado original – fora perdoado. O pecado de Adão trouxera a morte ao mundo. Cristo, por sua Ressurreeição gloriosa, nos deu a prova de que o pecado original fora resgatado pela morte de Cristo. E a prova disso era a Ressurreição que nos deu então a paz com Deus.
     Haveria bem mais a explicar, mas o grande número de cartas a responder me força a ser sucinto.
     Se você consultar o
Catecismo da Missa, no site Montfort, compreenderá mais esses problemas. 
     Um abraço bem amigo.

In Corde Jesu, semper,
Orlando Fedeli

TAGS

Publicações relacionadas

Oração e Vida Espiritual: Quarta Feira da Quarta Semana da Quaresma

Artigos Montfort: Os símbolos no Canto Gregoriano: parte 1

Documentos da Igreja: Ordinário da Santa Missa – São Pio V

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais