Montfort Associação Cultural

12 de janeiro de 2005

Download PDF

Ódio às falsas religiões!

Autor: Orlando Fedeli

  • Consulente: Felipe
  • Localizaçao: – Brasil
  • Religião: Católica

Sr. Orlando Fedeli Salve Maria Santíssima, Mãe do Universo!

Primeiro, gostaria de dizer, que fiquei muito feliz em encontrar um site que defendesse fielmente a Igreja Católica.

Segundo: sou católico e para mim as sete maravilhas do mundo, QUE SÃO MAIS QUE MARAVILHAS, são: Batismo, Eucaristia, Penitência, Crisma, Matrimônio, Ordem e Unção dos Enfermos.

Realmente é muito triste ver seres humanos condenados à morte eterna. Tem algo dentro de mim que nao consigo controlar e que gostaria de saber se é um pecado mortal.

Tenho um ódio e uma abominação muito grande pelo espiritismo e isso se estende aos praticantes desta seita demoníaca.

Eles se comunicam com demônios e acham que sabem de tudo. Pobres! Se distanciam cada vez mais de Deus com essas práticas. Não há argumentos para debater com estes condenados, pois eles nao crêem em uma palavra da Bíblia. E nao me conformo também com a ignorância dos adventistas que insistem em negar o Evangelho dizendo que nao existe o Inferno e que eles quando morrem ficam dormindo numa espécie de sono profundo esperando Jesus. Também condenam o trabalho no sábado, que absurdo, ainda alegam que Jesus criou a Religião Cristã, e nao a Igreja Católica, outra heresia.

É impressionante como têm gente influenciável nesse mundo. Como podem negar o poder do Santo Padre que foi incumbido pelo próprio Jesus. Como podem trocar os ensinamentos de Pedro e Seus Sucessores por hereges, idiotas, falsos e necromantes desqualificados como Allan Kardec, Ellen White, Lutero, Edir Macedo (este último já deve ter passagem de 1ª classe sem escalas para o Inferno) etc. Quem deu poderes à esses imbecis? Porque contrariam Deus e seus ensinamentos e se nao bastasse, desdenham Aquela que lhes deu o Salvador: A Virgem, A Incorruptível, A Rainha, A Mãe do Universo, A Medianeira, A Sublime, A Santíssima, A Inigualável, Aquela que disse SIM à DEUS, A Mãe de Jesus e Nossa Mãe, A Imaculada Conceição, Nossa Protetora e Observadora, que Roga por todas as almas, Nossa Senhora Armadíssima.

Eles negam o devido respeito e amor à Virgem Santíssima. E ISSO ME ABORRECE, ME CAUSA HORROR E EU ABOMINO COM TODO FERVOR! Imagine o que Jesus pensa daqueles que rejeitam sua Santa Mãe. Será que eles não têm mãe? Não sabem o que é um amor de mãe? Será que nasceram do vento?

Ainda levam uma multidão de ignorantes junto nesse caminho. Realmente é triste e eu como Católico vivo numa grande atrição, pois sei que também posso ser condenado como esses desgraçados que citei. Temo por esse ódio que sinto e o desabafo que faço serve apenas para dizer com poucas palavras (pois julgo que ainda falei pouco) o que sinto no meu coração. Sei que o que eu deveria fazer era tentar salvar e levar essas pessoas para o caminho certo, e chamá-los a conversão, mas me falta paciência para argumentar e me dá desânimo ao ver tanta teimosia.

Será que estou em pecado mortal, odiando os que seguem estas seitas malditas, afinal eles também são seres humanos iguais a mim, são meus irmãos! Me dê uma luz caro amigo Orlando!

Obrigado!

Felipe

Prezado Felipe, salve Maria.

Muito agradecido por suas bondosas palavras de elogio ao site Montfort. Reze para que Deus abençõe o nosso trabalho.

Permita que corrija um erro seu: não se deve chamar as pessoas de condenadas enquanto estão vivas, porque sempre Deus pode lhes dar a graça do arrependimento e da conversão.

Devemos querer a salvação de todos, e, para isso, é preciso rezar pelos pecadores, dar-lhes bom exemplo de vida e, além de tudo isso dar-lhes argumentos para convertê-los. Ainda que, na hora, eles nos repilam, a graça de Deus pode atuar neles. E, em certo momento, a palavra boa pode fazer germinar na alma deles, pela graça de Deus a conversão e o arrependimento. Jamais devemos perder a esperança de converter alguém.

O desejo ardente de salvação dos pecadores e dos hereges é um ato de excelente caridade, e de amor às almas que Nosso Senhor Jesus Cristo remiu com sua morte na cruz.

Entretanto, o erro religioso que leva as pessoas ao mal e à perdição, esse erro devemos odiar como odiamos o pecado ou uma doença, que fazem mal aos homens.

Você não deve odiar as pessoas, mas desejar a sua salvação. Nisto consiste o amor a elas: não concordar de modo algum com seus erros, odiar esses erros, mas desejar sempre o bem das almas dos que estão no erro. Louvo sua devoção a Nossa Senhora. Procure servi-la sempre com grande amor, que a devoção a ela é penhor de salvação, como ensinaram inúmeros santos.

Sobre o pecado, você deve saber que só é pecado mortal a violação grave da lei de Deus, feita com inteiro conhecimento, e completa vontade de desobedecer a Deus.

In Corde Jesu, semper,
Orlando Fedeli

TAGS

Publicações relacionadas

Cartas: Depoimento protestante - Orlando Fedeli

Cartas: Em defesa das Oficinas de Oração e Vida - Orlando Fedeli

Cartas: Protestante critica veneração a Nossa Senhora

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais