Montfort Associação Cultural

29 de fevereiro de 2008

Download PDF

O poder da Igreja está acima do poder do Estado

Autor: Orlando Fedeli

  • Consulente: Alexandre
  • Localizaçao: Rio de Janeiro – RJ – Brasil
  • Escolaridade: Superior em andamento
  • Profissão: Auxiliar Administrativo
  • Religião: Católica

Professor Orlando Fideli, Salve Maria Imaculada!

O Historiador Francisco de Assis Silva teceu comentarios que me causaram especie. Segundo ele, o Papa Inocencio III teria dito que “Deus, criador do mundo, pos no firmamento dois grandes astros para o iluminar: o Sol, que preside o dia, e a Lua, que preside a noite. Do mesmo modo, no firmamento da Igreja universal instituiu Ele duas altas dignidades: o Papado, que reina sobre as almas, e a Realeza, que domina os corpos. Mas o primeiro e muito superior a segunda. (Papa Inocencio III) , segundo afirma o citado historiador na pp. 35 de seu livro intitulado Historia do Homem, 2, 1º Edicao, Editora Moderna.

Baseado neste discurso – que este historiador foi incapaz de citar a fonte – o Sr. Francisco de Assis Silva entende que o texto levaria-nos a concluir que, se o Papa estava acima do Rei, quem de fato controlava o poder politico era a Igreja.

Ele comenta tambem de supostas maximas, que teriam sido publicadas pelo Papa Gregorio VII em 1075, na qual destaco o seguinte: “A IGREJA ROMANA NUNCA ERROU E, SEGUNDO O TESTEMUNHO DAS ESCRITURAS, NUNCA ERRARA.” (maiusculas minhas).

Novamente fiquei impossibilitado de saber a fonte dessas pesquisas ja que o historiador NAO AS CITOU, sabe-se la se foi por esquecimento ou propositadamente.

E busco auxilio no senhor, pois sou inumeras vezes questionado pelos protestantes e ateus sobre esses assuntos e me vejo numa sinuca de bico, sem saber como sair.

Suplico a sua ajuda, peco-lhe para que o senhor faca uma dissertacao sobre o assunto e me envie, por favor, pois e a instituicao Igreja Catolica – a unica e verdadeira Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo – que esta sendo caluniado e acusada de ser a exploradora da fe.

Que Deus abencoe sempre o trabalho da Associacao Cultural Montfort e lhe de em dobro toda a recompensa por combater destemidamente em nome da FE VERDADEIRA. Conte sempre com minhas oracoes e a minha admiracao… Nao o considero como um professor ou amigo, vejo-o, como UM PAI. Quero seguir seu exmplo!

Atenciosamente, de seu filho espiritual, aluno e admirador.

Alexandre Sales

Muito prezado Alexandre,
Salve Maria.

     Com gosto lhe respondo.
     
A comparação da Igreja com o Sol e do Estado (a realeza) com a Lua é muito correta. A Igreja é a Luz do Mundo, pois lhe ensina a Verdade, luz espiritual. Assim também o Sol ilumina materialmente a Terra. A luz da Lua vem do Sol. E assim também toda lei humana do Estado provém da lei Divina e da lei natural ensinada pela Igreja. 
     
Pode-se comparar também a Igreja à alma e o Estado ao corpo. É a alma que vivifica o corpo, e a Igreja dá vida à sociedade e ao Estado. A separação da alma e do corpo, traz a morte e a deterioração do corpo. Assim também, hoje, vemos a sociedade morrendo, e o corpo social se deteriorando pela separação da Igreja e do Estado. 
     Foi por isso, também, que Jesus disse a Pedro: “Agora, quem não tem uma espada, venda o manto e compre uma” (Lucas XXII). E Pedro lhe respondeu: “Tenho duas”. Ao que Nosso Senhor concluiu: “São suficientes”. 
     
Porque ao Papa foram dadas duas chaves: a espiritual e a temporal. Ao Papa cabem dois poderes: o espiritual e o temporal. Não que o Papa deva governar os Estados, mas que o Papa tem o direito de excomungar e tirar o poder do governante que aja contra a Fé. E foi o que fez São Gregório VII ao excomungar o Imperador Henrique IV.
     
E a Igreja nunca pode errar quando ensina sobre Fé e moral, com todo o poder dado por Cristo a Pedro, ensinando a toda a Igreja, definindo claramente o que é certo e condenando o que é errado.
     
In Corde Jesu, semper,
Orlando Fedeli

TAGS

Publicações relacionadas

Cartas: Moradas do céu - Orlando Fedeli

Vídeos: Comentários sobre o Sínodo da Família – Parte 2: Análise da Relatio Synodi - Alberto Zucchi

Cartas: Naturezas de Jesus - Orlando Fedeli

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais