Montfort Associação Cultural

12 de novembro de 2004

Download PDF

Negação de Pedro

Autor: Orlando Fedeli

  • Consulente: Carlos
  • Localizaçao: Guarapuava – PR – Brasil
  • Escolaridade: Superior incompleto
  • Religião: Católica

Que a Paz do Nosso Senhor Jesus Cristo esteja sempre conosco.

Salve Mária.

Caro Orlando Fideli, um grande amigo que tenho, embora não nos conhecemos.

A uns dias atrás escrevi para Montfort, mas ainda não tive resposta sobre a minha dúvida (esclarecimento).

A pergunta era, ou é: Gostaria de saber de vocês se há algo nas escrituras sagrada ou em outras literaturas, qual o motivo e o que levou PEDRO negar JESUS por tres vezês.

Sendo PEDRO, o escolhido de JESUS para que ele conduza as suas ovelhas, o seu rebanho, sobre esta pedra edifácarei a minha igreja e mesmo assim PEDRO o negou. Será que Pedro o negou para que fosse cumprida a promessa de CRISTO “sobre esta pedra edifícarei a minha igreja”.

O Sr. teria alguma explicação ? meu amigo Orlando, será que posso te chamar assim ?

O Sr. não imagina o quanto este site tem me ajudado a combater as heresias dos “evangélicos”, escrevo evangélicos, pois são tantas seitas que se fosse escrever todas não caberia nesta carta.

Quando digo combater, me refiro aos ataques deles contra a NOSSA SANTA IGREJA, e para poder “conbate-los” no bom sentido, gostaria que vocês me respondese, se possível logo a esta pergunta, dúvida, esclarecimento.

Dá a entender que os cultos deles, somente serve para atacar a nossa Igreja e eles nunca perde uma oportunidade para isso. Mas a palavra de DEUS é maior que tudo isso e o que vale é o que CRISTO nos pormeteu e consedeu a PEDRO a autoridade para isto.

A minha insistência sobre esta pergunta, é justamente para poder responder a eles…., por-que um dia desses me indagaram sobre isso: Se Pedro foi o escolhido para edifícar a Igreja de Cristo, por-que então PEDRO o negou por tres vezês……….

Desde já, agradeço de coração, e que DEUS o abençõe.

Salve Mária.

P.S- Se possível, mande a resposta para o meu e-mail.

Obrigado.

Muito prezado Carlos Alberto, Salve Maria!

Claro que lhe permito chamar-me e considerar-me seu amigo, embora não nos conheçamos pessoalmente. São Tomás diz que amigos são aqueles que desejam as mesmas coisas, e não desejam as mesmas coisas. Nós dois desejamos a mesma coisa: defender a Fé Católica e a única Igreja de Cristo, a Igreja Católica Apostólica Romana E também não desejamos as mesmas coisas: o progresso das seitas inimigas da Igreja.

Então somos, de fato, amigos.

Agradeço-lhe suas palavras em prol do site Montfort, e peço-lhe que reze por nós que nele lutamos, diariamente, em defesa da Fé.

Peço-lhe perdão pela demora em responder à sua pergunta, pela enorme quantidade de cartas que recebo.

Deus permitiu que Pedro traísse, depois de Cristo ter lhe concedido Primado Apostólico e a Infalibilidade, para que compreendêssemos que os Papas, embora infalíveis em matéria de Fé e Moral, quando ensinam à Igreja, com vontade de definir uma questão, continuam pessoalmente capazes de cometer pecados. Noutras palavras, ele permitiu que Pedro pecasse, para que compreendêssemos que infalibilidade papal não quer dizer impecabilidade papal. O Papa, mesmo sendo infalível, quando ensina com o poder concedido por Cristo, é capaz de cometer pecados pessoalmente.

Portanto, não devemos nos escandalizar, nem perder a Fé, sabendo que um Papa pecou. Mesmo sendo pecadores, os Papa continuam infalíveis, quando ensinam à Igreja , com poder de Vigários de Cristo na terra, ao ensinarem toda a Igreja, sobre Fé ou Moral, querendo definir ma questão, isto é, ensinando o certo e excomungando a tese oposta errada.

Esperando tê-lo atendido, e desejando-lhe sucesso em suas polêmicas com os hereges me subscrevo, meu caro amigo,

In Corde Jesu, semper,
Orlando Fedeli.

TAGS

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais