Montfort Associação Cultural

18 de janeiro de 2011

Download PDF

Leitor ´católico` é contra o trono de São Pedro

Autor: Orlando Fedeli

  • Consulente: Charles A. de Grecco
  • Localizaçao: Curitiba – PR – Brasil
  • Escolaridade: Superior concluído
  • Profissão: Aposentado
  • Religião: Católica

Com relação à volta de Jesus Cristo, vemos que o Senhor no Milênio estabelecerá o seu Trono em Jerusalém (e naquele momento não será a celestial) e não em Roma.
Ora o trono de Pedro (trono de Pedro !!!!!) se acha em Roma, todavia o do Senhor não se achará lá……
Não é interessante, que Roma não tenha importância em acontecimentos ou relatos escatológicos ?
Todavia, Jerusalém é citada.
Então em vista deste fato, porque dar importância à Roma…….
Não é interessante; nos faz pensar numa frase que diz :
O que tem Jerusalém com Roma.
De um católico assistido pela misericórdia de Deus.

Será que este texto iria para o ar ?

Data: 21 Maio 2007


 
Muito prezado Charles,
Salve Maria.
 
     Seu texto irá para o ar sim. Tudo o que é vazio sobe facilmente e se esvai no ar.
 
     O senhor se diz católico mas é contra Roma e contra o trono de São Pedro. O senhor é protestante. O selo do ódio protestante a São Pedro desmente sua afirmação de que o senhor é católico.
     Se o senhor ainda não se filiou a nenhuma seita protestante, isso não vem ao caso. O senhor tem alma protestante.
     
     Cristo voltará para julgar os vivos e os mortos. O trono de Cristo está no céu, porque o Reino de Deus não é deste mundo.
     Nessa ocasião Ele levará os justos para o céu e dirá aos inimigos de Pedro: “Ide…”.
 
     Comece a ter devoção a São Pedro antes que lhe seja tarde.
 
In Corde Jesu, semper,
Orlando Fedeli

TAGS

Publicações relacionadas

Notícias e Atualidades: Igreja Anglicana declara ruptura por homossexualidade

Cartas: Árvore má do Protestantismo - Orlando Fedeli

Cartas: Questões protestantes - Orlando Fedeli

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais