Montfort Associação Cultural

28 de janeiro de 2005

Download PDF

Indignação com protestante

Autor: Orlando Fedeli

  • Consulente: Igor Leite Freire
  • Localizaçao: Campinas – SP – Brasil
  • Escolaridade: Pós-graduação concluída
  • Profissão: Físico
  • Religião: Católica

Venho por esta mensagem externar minha indignação com respeito a uma evangélica, cuja mensagem está na seção do “Quadro de Honra”, e intitulada “Ódia a Nossa Senhora”. Sinceramente, fiquei profundamente ofendido pela maneira com a qual ela se referia a Maria Santíssima, única mulher no mundo que poderia se vangloriar e dizer que é a Mãe de Deus. Ela mencionava uma pessoa chamada Marcos Libório (desculpem-me, mas não conheço tal pessoa), falando a este senhor que Maria morreu, de uma maneira desdenhosa. Se não me engano -por favor, caso esteja errado, me corrijam- a Santa Igreja Católica não nega a morte de Maria. Mas após passar pela morte física, pelo poder de Nosso Senhor, ela foi assunta ao Céu.
Depois de desdenhar afirmando estar Maria morta, ela acusa, a nós, seguidores de Nosso Senhor, de possuirmos práticas espíritas!!!!!
Em seguida, ela afirma o óbvio: “Jesus o único Salvador e intercessor ti ama e deseja ti salvar”. Ora, para todo católico, o único Salvador é Jesus Cristo. E isso é de longa data. Tanto é que no Credo do Santo Concílio niceno-constantinopolitano, está categoricamente escrito:

“Creio em um só Senhor, Jesus Cristo,Filho Unigênito de Deus, nascido do Pai antes de todos os séculos: Deus de Deus, Luz da luz, Deus verdadeiro de Deus verdadeiro, gerado não criado, consubstancial ao Pai. Por Ele todas as coisas foram feitas. E, por nós, homens, e para a nossa salvação, desceu dos céus: e encarnou pelo Espírito Santo, no seio da Virgem Maria, e se fez homem. Também por nós foi crucificado sob Pôncio Pilatos; padeceu e foi sepultado. Ressuscitou ao terceiro dia, conforme as escrituras; E subiu aos céus, onde está sentado à direita do Pai. E de novo há de vir, em sua glória, para julgar os vivos e os mortos; e o seu reino não terá fim”.

Não está escrito explicitamente “o único Salvador”, mas creio, basta ler tal profissão de fé para chegar a tal conclusão. É óbvia para os que tem humildade no coração. Quanto ao fato de Jesus nos amar, se tal não fosse fato, ele não desceria dos Céus par se tornar um ser humano e nos salvar. Isto é bem explícito na oração.
Sinceramente, fico triste com tal situação. Como podem acusar-nos de sermos idólatras? Justo nós, que carregamos a sucessão apostólica? Erros houveram no passado? Creio que sim. Mas continua a Igreja a ser Santa, pois Santo é o seu Idealizador, Santo é seu Vivificador e Santo é o Pai para o qual a Igreja nos leva.
Paro meu protexto aqui. Só quero deixar uma reflexão à nossa leitora: Por acaso a senhora não lê em Lucas, se não me engano, no Capítulo 2 (alguém me corrija se eu estiver errado), onde está escrito, na Sagrada Escritura, que a própria Maria diz: “Doravante todas as nações me chamarão bem-aventurada.” Como podemos deixar de lembrá-la? Só se deixássemos de ler a própria Bíblia. E aí, como saberíamos que Cristo é o Salvador? Nós, católicos apostólicos ainda temos nossa Tradição. E vocês, teriam o quê para se lembrar disto?
Rezo para que você um dia volte ao seio da Santa Igreja, e tenha certeza, nossa Mãe Maria vai estar de braços abertos esperando por você.
Um abraço em Cristo Jesus, o único Cordeiro de Deus,

Igor Leite Freire

Muito prezado Igor,
salve Maria!
 
    Muito lhe agradecemos seu protesto contra as blasfêmias de uma protestante contra a Mãe de Deus.a Santíssima Virgem Maria!
    Todo católico que ame realmente a Nossa Senhora deveria seguir seu bom exemplo na defesa daquela que todas as gerações devem chamar de bem aventurada.
    Certamente, Nosso Senhor Jesus Cristo o recompensará por seu zelo em defender a honra de sua Mãe, a Santíssima Virgem Maria.
 
    In Corde Jesu, semper,
Orlando Fedeli

TAGS

Publicações relacionadas

Cartas: Perda da fé assistindo a missa - Alberto Zucchi

Cartas: Muito obrigado - Orlando Fedeli

Cartas: Hoje sou feliz graças ao Dr. Orlando Fedeli - Orlando Fedeli

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais