Montfort Associação Cultural

20 de maio de 2006

Download PDF

Ignorância religiosa

Autor: Orlando Fedeli

  • Consulente: João Noronha
  • Localizaçao: Lisboa – Portugal
  • Escolaridade: Superior concluído
  • Profissão: Advogado
  • Religião: Católica

meus senhores:

eusou um portugues catolico,que embora discorde com a abordagem que fazem do catolicismo admiro a fe coerencia e erudição dos vossos membros.
vou expor alguns motivos de discordancia:

1—-no que toca ao rcce neucatecumunato tem erros doutrinarios e prticos graves mas são tentativas de aproximar as pessoas da igreja ,deus pode escrever direito por linhas tortas nao?

2—o comunismo e socialimo foram nefastos para a humanidade ,mas o marxismo com todos os seus defeitos(mais valia ,luta de classes e outros ),mas propaga a igualdade de opurtunidades,vejam naoe igualdade formal ,isso nao concordo mas proporcionalmente devemos ter todos as mesmas opurtunidades.
mais uma vez foi uma tentativa erronea de melhorar o mundo(eu não sou marxista ,mas facto são factos)nao?

3—–qt a missa em latim por favor ,se bem que os exageros de hoje não estão certos ,em latim so uma elite cultural e que compreenderia nao?

4—-nos devemo seguir a posição da igreja e obedecer ,mas podemos ter a nossa opinião ,obediencia não e submissao passiva

5—sr professor orlando fideli (que eu adoro ler os artigos concordando ou não),oproblema da nossa santa igreja não e as cruzadas ou a inquisiçãopois isso foi o clero que como homens enocontexto social da epoca cometeram erros,o erro esta em condicionar os comportamentos das pessoasapelado ao castigo do inferno(que existe sem duvida).
omedo e arma do demonio nao acha?

6ao nivel social estamos numa sociedade liberal economico-socialmente e de costumes ,entrando na decadencia civilizacional com crimes familias desunidas,sexo aberrante,etc(muitos)
isso emparte dve-se auma bertura excessiva do vaticano2,mas essa abertura não tera respondido a uma repressão mental de seculos
o pai exigente faz o filho desobidiente nao?

7–qt a liberdade de imprensa concordo,que tem de ser regulamentada,ate certo ponto restricta ,mas deve existir,nos so poderemos defender o ponto de vista da santa igreja qd confrontados nao?

8—eu ssou muito pecador(semm exagero),e reconheço que se calhar não devia qquestionar pessoas com um trablho de fe mais profundo,que o meu,mas desculpem qq heresia minha

9———-sr orlando por ultimo acredito que o evulucionismo esteja errado,mas se fosse certo não invalidaria nada poid deus e todo poderoso e cria-nos com quer

um abraço portugues sr orlndo fideli e cooperantes e espero resposta adequado sem ofensas e de uma forma minimamente aprofundada
apaz de cristo e maria esteja convosco:
joao noronha

Muito prezado João,
Salve Maria.
    Sempre me dá alegria receber uma carta vinda de Portugal, terra de Santa Maria.
    Você me afirma que reconhece os erros e práticas graves da RCC e do Neo catecumenato, mas argumenta que “são tentativas de aproximar as pessoas da igreja ,deus pode escrever direito por linhas tortas nao?”
    Meu caro João, você aceitaria ser operado por um cirurgião que costuma praticar erros graves em suas cirurgias? Valeria aí o ditado de que, se Deus escreve direito por linhas tortas, deveria você esperar que mesmo “entortando” a cirurgia com erros graves, Deus o acabaria salvando da morte?
    A resposta é clara: você não aceitaria cair sob o bisturi de tal cirurgião. Ora, as cirurgias da alma são muito mais delicadas do que o corpo.
    Assim como não se fazem tentativas cirúrgicas, não se podem permitir tentativas para aproximação de Deus. A Igreja é mestra infalível. Ela não faz tentativas. Ela guia infalivemente.
    No comunismo, no socialismo, e no marxismo nada há de bom, nem de verdadeiro. Por isso Pio XI declarou: “intrinsecamente mau é o comunismo” (Encíclica Divini Redemptoris).
    O latim era, em primeiro lugar para Deus, mas o povo, mesmo o mais simples acabava aprendendo muito. E as orações da Missa, nos missais tinham sempre a tradução para a língua de cada povo. Se seu argumento fosse válido, não se deveria procurar ensinar nada de mais elevado, porque nascemos sem nada saber. É para ensinar que existe a escola. É para salvar asa almas e ensiná-las que existe a Igreja. A Missa em latim ensinava muito. 
    E lembre-se que as palavras convencem, mas o exemplo arrasta. O latim da Missa instruia o povo, mesmo ignorante, e o exemplo de respeito da liturgia antiga arrastava o povo para Deus. Agora que a Missa é em português, por acaso o povo sabe muito sobre a Missa e sobre Cristo?
   NUNCA HOUVE TANTA IGNORÂNCIA RELIGIOSA COMO HOJE NO POVO.
   E será que entre o clero aumentou o saber ?
   No Brasil, garanto-lhe que não.
   E em Portugal?
   Veja o nível dos sites paroquiais ou diocesanos de Portugal…
   Prova do desconheciemnto atual da religião e de sua História se tem exatamente na condenação das Cruzadas e da Inquisição, que foram coisas excelentes promovidas por santos. São Luis Rei foi cruzado, e São Pio V foi Inquisidor.
   Hoje se quer beatificar Paulo VI que não se destacou nem pelos estudos, nem pelo saber, nem pela virtude, nem pelo zelo pela ortodoxia…  
   Quanto a necessidade de falar do inferno, a Escritura diz que “o temor é o princípio da sabedoria” (Sl 111,10). 
   E Nossa Senhora, em Fátima, começou a converter as três crianças a quem aparecia, mostrando-lhes “O INFERNO PARA ONDE VÃO OS PECADORES”.  Teria errado Nossa Senhora usando essa pedagogia?
   Claro que não. Não é, meu caro João?
   O Concílio Vaticano II — que você concorda ter tido efeitos péssimos — não foi uma reação contra uma Igreja severa e exigente, mas o resultado de uma conspiração de hereges modernistas. 
    A liberdade de imprensa sempre foi condenada pela Igreja. É a liberdade de imprensa para publicar verdade e mentira que faz triunfar a mentira. Assim como o hospital que tolera bactérias e virus destrói a saúde, dar liberdade ao erro é expulsar a verdade.
    O Concílio Vaticano II, ecumenicamente, abriu a Igreja para todos os erros. E, como conseqüência, a Verdade está sendo expulsa das paróquias e da vida católica. A mentira e o erro não têm direito a serem ensinadas. Não há liberdade para a mentira, já ensinava Santo Agostinho.
    O evolucionismo é uma mentira. E, assim como um programa avançado de computador não roda num PC primitivo, a alma humana não poderia atuar num cérebro e nervos de macaquinho.
    Deus pode tudo. Menos o absurdo e o pecado. Deus não pode fazer um triângulo de quatro lados nem de um macaco fazer um homem. Mas, infelizmente, o homem pode fazer de sua alma feita à imagem de Deus, uma imagem de macaco. Veja isso na televisão.
    Devolvo-lhe com estima um abraço brasileiro com toda a minha simpatia e amor por Potugal que tanto admiro.

In Corde Jesu, semper,
Orlando Fedeli

PS. Notou você que não lhe ofendi em nada?  O tacape eu uso só para quem me ataca a tacape. OF

TAGS

Publicações relacionadas

Cartas: Papai Noel na Canção Nova - Orlando Fedeli

Cartas: Wicca e satanismo – 3

Cartas: Orígenes - Orlando Fedeli

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais