Montfort Associação Cultural

26 de janeiro de 2005

Download PDF

Heresias protestantes

Autor: Orlando Fedeli

  • Consulente: Marcus
  • Localizaçao: Serra – ES – Brasil

Nunca vi tantas coisas sem fundameto bíblico. Faço das palavras do professor Orlando as minhas: “ignorantes trocaletras”.

Vi os questionamentos feitos pelo Sr. Saul. Todos eles fortemente baseados na PALAVRA DE DEUS, que é a Bíblia Sagrada. Depois vi as respostas do Sr. Orlando, totalmente sem fundamentos bíblicos e trocaletras, deste o início, onde ele escreve “Saul, Saul, por que me persegues?” (Atos 9:4), na Bíblia, a PALAVRA DE DEUS, está escrito: Saulo, Saulo. por que me persegues?. Se foi o início das “trocas de elogios” entre o Sr. Saul e o Sr. Orlando, foi de uma enorme falta de respeito com a PALAVRA DE DEUS, além de induzir a muitos, pois não são os poucos que não lêem Bíblia, a deduzir coisas devido a esta troca de nomes.

O professor Orlando usou “pedaços” da Palavra, ou seja, até aonde lhe favorecia. Exemplo: “A letra mata” (2 Co 3:6.). É verdade, a LETRA MATA, mais o ESPÍRITO VIVIFICA (2Co 3:6). O que não esta escrito é revelado pelo Espírito Santo. Além da Bíblia, A PALAVRA DE DEUS, a revelação nos é dada pelo seu ESPÍRITO SANTO. A chave que revela o que esta além da letra é o Espírito Santo. O professor mostrou isto citando Mateus 16:17-19, e parou por ai, pois até ali mostrou que Deus revelou a Pedro através de seu Espírito a respeito de Jesus. Porque não citou Mateus 16:21-23, quanto Jesus disse a Pedro: “Para trás de mim, Satanás, que me serves de escândalo; porque nã compreedes as coisas de são de Deus, mas só as que são dos homens.” O professor Orlando diz que ali foi estabelecido um intérprete da Sagrada Escritura, PEDRO. Mas pouco tempo depois, PEDRO, esta totalmente fora da REVELAÇÃO. E diz mais, que o PAPA, sucessor de PEDRO, é infalível em matéria de Fé e de Moral. Será que o professor se esqueceu que foi PEDRO que negou a JESUS, três vezes. Então se Pedro foi o primeiro PAPA, então os papas também erram, os papas também falham.

E para defender “Maria, mãe de Deus”, o professor usa textos de Atanásio, Dídimo, Ambrósio, Epifânio, etc. A Bíblia diz realmente que nem tudo o que Jesus fez esta na Bíblia. Mas não diz que o que esta fora dela é verdadeiro.

E na questão das imagens! Tente pintar a CRISTO pelo menos como Ele verdadeiramente é: “Sem beleza e sem formosura, como raiz de uma terra seca” – Tentem retratar como é descrito Jesus no Livro de Isaías no capítulo 53. Não se parece nada com um homem de traços finos, cabelos lisos, olhos azuis e olhar perdido no horizonte.

Gostaria ver ver respostas do professor Orlando ou da Montfort, baseadas somente na PALAVRA DE DEUS. Eu vou parar por aqui! Realmente é difícil de aquentar tanta besteira junta!

Teimoso Marcus Trocaletras,
Salve Maria.

Você me pede que eu lhe reponda só com textos bíblicos, e procura demonstrar que eu mutilei os textos da Escritura.

Como primeira prova de que mutilei a Sagrada Escritura, você cita que ao responder ao pastor Saul –o escorpião da Lagoinha — eu coloquei a frase “Saul, Saul por que me persegues?” quando o texto dos Atos dos Apóstolos diz “Saulo, Saulo”, e não Saul. Meu pobre Trocaletras, saiba que Saul e Saulo são o mesmo nome. Saulo é a grafia portuguesa de Saul. Do mesmo modo que Paul e Paulo são o mesmo nome. E, para seu governo, o Evangelho chama de Tiago aquele cujo nome original é Jacob, nome que em português se escreve e diz como Jaime, e em inglês, James.

E, já que você quer que lhe responda citando a Escritura, digira esta frase bíblica: “A ciência do insensato se reduz a palavras mal digeridas” (Eclo, XXI, 21).

Outra mutilação de que você me acusa é de ter citado a frase “A letra mata” sem ter dado a continuação dela que é: “o Espírito vivfica”. E você interpreta — mal digerindo essas palavras — que quando você lê a Biblia, o Espírito Santo o inspira e lhe dá a verdadeira interpretação do que que está escrito.

Espero que você não seja a tal ponto Trocaletras que acredite ter o monopólio da inspiração do Espírito Santo. Não conheço nenhum texto bíblico que diga que o Espírito Santo usa apenas Marcus — o Trocaletras — para dar o sentido verdadeiro das palavras reveladas e escritas na Biblia.

Como protestante, você deve crer que cada um que lê a Bíblia é inspirado pelo Espírito Santo. Ora, se é assim, por que a interpretação que eu dou da Escritura estaria errada? Por que todas as interpretações da Bíblia dadas pelos protestantes de todos os naipes e de todas as seitas estariam certas, e só a interpretação católica estaria errada? O Espírito Santo só não inspira aos católicos?

E se o Espirito Santo inspira também a mim, tanto quanto a você, como é que nós temos interpretações opostas? A qual de nós dois o “Espírito Santo” está enganando?

Meu caro, sua mania de trocar letras acaba por trocar, não só o sentido das Escrituras, mas troca até o Espírito Santo por outro que não pode ser tão santo.

Você concorda comigo ao dizer que reconhece que “A Bíblia diz realmente que nem tudo o que Jesus fez está na Bíblia. Mas não diz que o que está fora dela é verdadeiro.”

Claro. Nem tudo o que está fora da Bíblia é verdadeiro. Por exemplo, você, Marcus, o Trocaletras.

Quer outra prova?

Você exige que eu pinte a Jesus apenas como o descreve Isaías na Paixão do Calvário, e como a Igreja o apresenta como flagelado, coroado de espinhos e crucificado. Sim, esta imagem de Jesus crucificado é verdadeira. Como é verdadeira também a imagem esplendorosa de Jesus transfigurado no Tabor, aparecendo em toda a sua majestade divina.

E quanto aos pecados de Pedro e sua infalibilidade como Vigário de Cristo, é bem fácil de lhe responder. Pedro é falível apenas como homem. Como representante de Cristo, ele é infalível, e tudo o que ele liga na terra, é ligado no céu, e tudo o que ele desliga na terra é desligado no céu. Você não acredita no Evangelho? Pois tudo isso está lá, em S. Mateus, XVI, 16-20. Por isso, todo Papa, como representante de Cristo, é infalível, mas como homem pode pecar. O Papa é infalível, mas não impecável.

Divertindo-me à bessa com suas palavras mal digeridas, despeço-me,

in Corde Jesu, semper,
Orlando Fedeli

TAGS

Publicações relacionadas

Cartas: Protestantes e maçons - Octávio Monteiro

Cartas: Carta a "Bof" se for o Boff - Orlando Fedeli

Cartas: Santo Irineu e o Milenarismo - Orlando Fedeli

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais