Montfort Associação Cultural

3 de abril de 2006

Download PDF

Frutos da RCC: defesa de Lutero e ataques à Igreja

Autor: Orlando Fedeli

  • Consulente: Ciceilton
  • Idade: 28
  • Localizaçao: Fortaleza – CE – Brasil
  • Escolaridade: 2.o grau concluído
  • Religião: Católica

1º- Vc acha que a RCC faz teatrinho com as missas?

então deveriamos voltar a época em que os padres rezavam as missas de costas p/ o povo e em latin, não acha? Estude Latin p/ entender alguma coisa.

2º- Sobre o Batismo: Por que João Batista disse que ele batisava com água mas, viria aquele que batisaria com o fogo do Espirito Santo?

3º- O Esp. Santo nunca foi retirado da Igreja ele apenas enviou o Espírito de forma mais viva.

4º- É lógico que poderiamos falar p/ todas as nações pois Deus diz em sua palavra que: “Se tiverdes fé do tamanho de um grão de mostarda diria a essa montanha, transporta-te daqui e ela se transportaria pois, nada é impossivel aos olhos de Deus.

5º- O dom de linguas não é disprezado ele é apenas menor que o dom de profecias etc. vc tem filhos? se tiver tome esse exemplo: vc sabe mais do que seu filho é lógico então, vc é melhor que ele? não. apenas vc tem condições de ajudar mais que ele, ensinar a outras pessoa + que ele, edificar outra pessoa + que ele e etc…

6º- O dom do entendimento das linguas depende de cada um se vc não possui é porque não se entregou a Deus totalmente pois, “pedi e vos será dado” então comece a pedir a Deus que lhe dê sabedoria.

7º- Qual a sua necessidade de ser cristão? Ser salvo não é?

8º- Defender algumas teses de Lutero não é ir contra Deus não. Vc sabe que naquela época antiga a Igreja errava muito e muita coisa estava errada, assim como está hoje e o fato de Lutero ter fundado outra igreja não lhe tira o mérito de ter boas idéias, e Lutero não é nenhum Demônio. ele é uma pessoa como nós que também como eu e vc estavamos e estamos em busca de Deus.

9º- Por acaso vc acredita em sessões Espiritas? porque não faz parte deles então? e segue um tal de Alan Kardec que hoje se encontra morto e seus restos mortais enterrados, ao contrário de Jesus que morreu e ressusitou ao terceiro dia subiu as céus e está sentado a direita do DEUS pai todo poderoso.

10º- Vc como LEIGO acha que sabe muito não é? acha que sabe mais do que uma pessoa que representa Jesus aqui na terra e que já tem mais de vinte anos de vida consagrada a Deus, não sei por que ainda vc não foi arrebatado pois vc acha que sabe mais do que as pessoas que Deus enviou p/ lhe representarem, valeu “deus” acho até que se JESUS CRISTO estivesse hoje vivo na terra vc questionaria ele e com certeza tentaria também tomar o seu lugar de Filho de Deus.

QUE O FOGO DO ESPIRITO SANTO CAIA SOBRE VC P/ QUE SE CONVERTA E ACREDITE NO EVANGELHO. SAUDAÇÕES CATÓLICAS CARISMÁTICAS P/ VC. Há sim aqui em fortaleza no dia 09/02 acontecerá o maior evento católico carismático, porque vc não vem experimentar a experiência de ser mergulhado no fogo do Esp. Santo, quem sabe assim vc consegue entender o sentido da Renovação Carismática Católica no Mundo.

Prezado Ciceilton, salve Maria !

1º) Se a RCC fizesse teatrinho na Missa, isso já seria uma profanação e um sacrilégio. Vi, uma vez, uma Missa carismática. Vi velhinhas sambando e rebolando no altar, junto com o sacerdote, e isso é bem pior que teatrinho. Para com Deus, é um verdadeiro sacrilégio. Para com as velhinhas é uma indignidade. Fui embora revoltado.

E o que você diz da Missa de costas para o povo, só prova que você nunca compreendeu que a Missa é um ato feito para Deus. Por isso o padre, liderando o povo, se volta para Deus. Quando o sacerdote falava em nome de Deus ao povo, aí ele se voltava para o povo, para explicar a doutrina da Fé ou para abençoar o povo em nome de Deus.

E quem diz isso não sou eu. Ainda recentemente o cardeal Ratzinger criticou o erro de ter-se feito a Missa voltada para o povo, o que colocou o homem no lugar de Deus.

Na Missa havia palavras em latim, grego e hebraico, não por capricho, mas porque, sendo a Missa a renovação da morte de Cristo no calvário, era conveniente que nela se usassem as três línguas que Pilatos usou para colocar a sentença de morte sobre a Cruz de Cristo. O INRI — Jesus Nazareno Rei dos Judeus — foi escrito em latim, grego e hebraico. Por isso, na missa se usam essas três línguas. Usava-se o latim– COMO RECOMENDOU O VATICANO II — para evitar que, usando uma língua viva, entrassem erros na fé. Aliás, fique sabendo que o Concílio de Trento excomunga quem diz que a Missa deva ser rezada sempre na língua do povo: “Aquele que disser que o rito da Igreja Romana pelo qual parte do canon e as palavras da consagração se pronunciam em voz baixa, deve ser condenado; ou que somente se deve celebrar a Missa em língua vulgar, ou que não se deve misturar-se água com o vinho no cálice que se deve oferecer, por razão de ser contra a instituição de Cristo, seja anátema“. Isto é, seja excomungado”.(Cfr. Concílio de Trento, Cânones sobre o Santíssimo sacrifício da Missa, Cânon 9.Denzinger, 956).

Grave, não é, meu caro?

E agora, como fica sua ojeriza ao latim?

Você me diz que o povo não entende latim.

E por acaso, entende você o português em que são lidas as epístolas de São Paulo?

Um sacerdote de São Paulo me disse, consternado, que muitos padres não sabem nem rezar a Missa, e nem mesmo sabem a fórmula da absolvição…

E se o povo entende português, pergunto-lhe que significa “No princípio era o Verbo”? Que quer dizer Verbo? Que quer dizer Princípio? E não vá dizer que é começo, porque estaria errado. Que quer dizer que Jesus é o Filho de Deus?

E se você entende português, explique-me porque antes se dizia “Santo, Santo, Santo é o Deus dos Exércitos”, e por que, agora, se diz Deus do Universo?

Que quer dizer a simples palavra santo, nessa oração? Por que são os serafins que dizem isso? Que quer dizer aí exércitos?

Meu caro, nunca se compreendeu menos o que é a Missa como depois que ela começou a ser rezada em português, contra a determinação do Concílio de Trento.

Antes, na Igreja, em todo o mundo, a Missa era rezada numa única língua, refletindo bem a unidade da Igreja. Agora, parece que se está na Torre de Babel. Cada um fala uma língua diferente, e ninguém se entende.

E pior ainda quando começam a falar “em línguas”: aí sim ninguém entende mais nada. É Babel mesmo.

2º) A diferença do Batismo de São João para o Batismo instituído por Cristo, é que o batismo de João era só de água. Não era ainda um sacramento. Era só um ato penitencial.

Mudo de novo de tema, seguindo suas mudanças.

3º) É claro que o Espírito Santo nunca foi retirado da Igreja. Mas poderia lhe perguntar o que é o Espírito Santo? Por que se diz que Ele procede do pai e do Filho ? E por que Ele é o Amor de Deus, e não a Verdade de Deus?

Difícil, não?

4º) Nós não podemos falar a todas as nações. Eu pelo menos, não consigo senão falar com poucas pessoas. O que você quereria ter dito é que Cristo mandou os Apóstolos ensinarem a todas as nações.

5º) Copio a sua quinta questão, para que se veja a confusão do seu texto: “O dom de linguas não é disprezado ele é apenas menor que o dom de profecias etc. vc tem filhos? se tiver tome esse exemplo: vc sabe mais do que seu filho é lógico então, vc é melhor que ele? não. apenas vc tem condições de ajudar mais que ele, ensinar a outras pessoa + que ele, edificar outra pessoa + que ele e etc…”
Que tem a ver o dom das línguas com o fato de eu ter ou não ter filhos?

6º) E veja a sua sexta questão: “6º- O dom do entendimento das linguas depende de cada um se vc não possui é porque não se entregou a Deus totalmente pois, “pedi e vos será dado” então comece a pedir a Deus que lhe dê sabedoria”.

E será que você entende o que escreveu ? .

7º) Respondendo sua sétima questão digo-lhe que ser cristão é dever, necessário para a salvação.

8º) E daí você passa a defender Lutero — você que se diz católico carismático defende descaradamente o heresiarca que afirmava que Cristo foi adúltero, pois que teria cometido várias vezes adultério. Lutero disse isso: está no livro dele Tischreden , — Conversas à Mesa– edição de Weimar, n* 1472, Volume Ii p. 107).

E você ousa escrever: “8º- Defender algumas teses de Lutero não é ir contra Deus não. Vc sabe que naquela época antiga a Igreja errava muito e muita coisa estava errada, assim como está hoje e o fato de Lutero ter fundado outra igreja não lhe tira o mérito de ter boas idéias, e Lutero não é nenhum Demônio. ele é uma pessoa como nós que também como eu e vc estavamos e estamos em busca de Deus”.

Em sua carta se vê o que pode produzir a RCC: admiração pelas idéias de Lutero e ataques à Igreja.

Você parece pronto para aderir a uma seita protestante qualquer.

9º) E depois de ter defendido Lutero, você me acusa de aderir ao Espiritismo de Allan Kardec. Você nem entende meus artigos atacando o espiritismo, e fala contra o latim na MIssa, quando não entende a linguagem mais simples em português.

10º) E você se engana julgando que eu penso saber muito. Realmente, minha formação universitária foi muito deficiente. Ficava jogando ping-pong durante quase oito horas por dia no tempo da PUC em São Paulo, onde poucas aulas havia e menos se ensinava. E quando se ensinava, se ensinava errado.

Agradeço seus votos para que o fogo do Espírito Santo caia sobre mim. Preciso de fato de seus dons porque sou muito fraco e miserável, e sem seus dons e graças não me salvarei. Que Deus o ilumine e lhe dê mais humildade.

In Corde Jesu, semper,
Orlando Fedeli.

TAGS

Publicações relacionadas

Cartas: RCC – Protestantismo na Igreja Católica - Orlando Fedeli

Cartas: Padres Marcelo Rossi e Jonas Abib não vão mais cantar para o papa - Marcelo Fedeli

Cartas: Defendendo a Toca de Assis 2 - Orlando Fedeli

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais