Montfort Associação Cultural

21 de setembro de 2004

Download PDF

Existe uma TFP sem erros?

Autor: Orlando Fedeli

  • Consulente: Adilson
  • Idade: 30
  • Localizaçao: Santo André – SP – Brasil
  • Escolaridade: 2.o grau concluído
  • Religião: Católica

Caro,Professor a PAz de Jesus

Alguns anos atras participei da TFP,treinava karate com eles na sede do ipiranga e participava de outros encontros,assistia apresentaçoes da fanfarra entre outros.Aprendi muitas coisas boas com eles,mas nunca me aprofundei na associção.A minha pergunta é a seguinte. Existe hoje dentro da Igreja Católica, um movimento, uma associação, que viva e ensina as coisa belas que a TFP ensinava mas que não cometa os mesmos erros que eles cometiam?

Muito prezado Adilson, salve Maria!

Infelizmente, hoje, há uma verdadeira invasão de erros modernistas nos meios católicos. Claro que Deus sempre há de conservar a fé na Igreja e nas paróquias, mas, sua própria pergunta demonstra que é bem difícil, hoje, encontrar alguma associação paroquial que tenha mantido a fé inteiramente.

Ainda recentemente, tive contato com uma família de uma cidade do interior de São Paulo. Era uma família simples e de boa vontade. Seus membros seguiam obedientemente — e sem refletir — o que lhes dizia o vigário. Até mesmo quando ele mandava, durante a Missa, “fazer cócegas nas mocinhas mais próximas”.

Eles assistiam minhas aulas durante certo tempo e com agrado. Quando o padre soube, proibiu que eles assistissem minhas aulas. E eles voltaram à vidinha de sempre, gritando e pulando na Missa, etc.

Quando você pergunta de algum grupo que ensine “as coisas belas que a TFP ensinava” certamente se refere às coisas que essa entidade ensinava de público, para pegar incautos.

Peço-lhe que jamais confunda isca com anzol.

A TFP usava boas iscas. Pena que “por trás do estandarte, ensinava até o oposto, na sociedade secreta Sempre Viva.

Deu no que deu.

Hoje, ela está dividida e moribunda Perguntar-me-á você : “E a Montfort?”.

A Montfort, meu caro, não é uma entidade paroquial. Ela é uma mera associação cultural, onde se estuda, se conversa, se escreve, se defende a doutrina católica, sem nenhuma pretensão de “salvar a Igreja” ou de “salvar o Brasil”, como diziam os tefepistas, o Dr Oliveira, e seu discípulo Scognamiglio, que hoje virou de bando dirigindo uma banda.

Na Montfort ninguém é profeta, e todos só querem ser alvos por meio da Igreja Católica Apostólica Romana, fora da qual não há salvação.

In Corde Jesu, semper,
Orlando Fedeli.

TAGS

Publicações relacionadas

Cartas: TFP e ACNSF - Orlando Fedeli

Cartas: Comentário de um ex-membro sobre a TFP - Orlando Fedeli

Cartas: “Associação Cultural N. S. de Fátima” Campanha Vinde Nossa - Orlando Fedeli

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais