Montfort Associação Cultural

21 de setembro de 2004

Download PDF

Evangelhos apócrifos

Autor: Orlando Fedeli

  • Consulente: Daniel V.
  • Localizaçao: – Brasil

Prezado Senhor,

Apesar de ter lido a resposta referente ao evangelho de São Tomé, devo consignar que não me senti satisfeito com a resposta. Quais seriam os motivos concretos que levam a duvidar da veracidade de tal texto. Gostaria, também, que comentasse acerca não só deste evangelho apócrifo, mas também ao de Bartolomeu, Pedro, Tiago, ou qualquer outro que me falte. Em especial ao de Bartolomeu que trás, em tese, interessantes ensinamentos de Jesus após sua ressureição e esclarecimentos sobre o mal e satanás.

Daniel V.

Prezado Daniel, Salve Maria.

Quem decide da canonicidade de um texto, isto é, se ele foi inspirado por Deus ou não, é a Igreja, e não um indivíduo qualquer.

Os chamados apócrifos foram excluídos do cânon da Escritura e declarados não divinamente inspirados porque eles contêm graves erros de doutrina. Em geral os apócrifos estão cheios de afirmações gnósticas, como acontece exatamente com o Pseudo Evangelho de São Tomé.

Em geral, os apócrifos foram escritos por judeus e sectários de seitas gnósticas a fim de enganar os primeiros cristãos com falsas revelações, a fim de conduzi-los a erros e heresias.

Esperando tê-lo esclarecido, me subscrevo atenciosamente,

In Corde Jesu,
Orlando Fedeli.

TAGS

Publicações relacionadas

Oração e Vida Espiritual: Livretos para a Liturgia Tridentina da Semana Santa

Cartas: Catolicismo X Política - Orlando Fedeli

Cartas: Ressurreição e Batismo - Orlando Fedeli

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais