Montfort Associação Cultural

28 de janeiro de 2005

Download PDF

Esterilidade da mulher

Autor: Orlando Fedeli

  • Consulente: Silvane
  • Localizaçao: Goiânia – GO – Brasil
  • Escolaridade: Superior em andamento

Queria por gentileza que o Sr. Orlando Fedeli respondesse uma duvida que tenho…
“coitada da mulher que não tiver frutos”
Sempre tive essa indagação, me mostre em que versiculo que posso encontrar, pois a mulher tem que ter frutos ou não?
Obrigado agradeço desde já. Pde se uma pergunta estranha, mas de muito interesse para mim.

Muito prezada Silvane,
salve Maria!
 
    Não encontrei essa frase na Sagrada Escritura, e creio que ela não existe.
    No Antigo Testamento, as mulheres judias, que não tinham filhos, eram tidas como recusadas por Deus, para serem aparentadas com o Messias que havia de nascer.
    A esterilidade da mulher era tida, então, como um castigo.
    Também por isso mesmo Nossa Senhora quis ser Virgem, porque ela não se julgava digna de ser aparentada com o Messias que ia nascer. E por que Nossa Senhora se julgou escrava indigna, Deus a fez sua Mãe e Rainha.
    No Novo Testamento, depois do nascimento de Jesus, esse problema já não existe.
    Se uma mulher é estéril,  isso nada tem a ver com culpa, castigo ou repulsa de Deus, de modo nenhum.
    A esterilidade é apenas um problema físico. Assim como não há culpa alguma em ser cego, aleijado ou míope, assim não há maldição ou culpa alguma no fato de uma mulher ser estéril.
Julgando tê-la atendido, e rogando a Deus que lhe conceda muita confiança em Sua misericórdia me despeço atenciosamente.
 
       
In corde Jesu, semper,
Orlando Fedeli

TAGS

Publicações relacionadas

Oração e Vida Espiritual: Quinta Feira da Terceira Semana da Quaresma

Oração e Vida Espiritual: Domingo in albis: Leituras e comentário

Cartas: Batismo de crianças

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais