Montfort Associação Cultural

25 de julho de 2005

Download PDF

Entrevista escandalosa do Pe. Léo ao Jô Soares

Autor: Orlando Fedeli

  • Consulente: Olegario Nazario de Lima
  • Localizaçao: São Paulo – SP – Brasil
  • Escolaridade: 2.o grau concluído
  • Religião: Católica

Prezados amigos,

Deus seja eternamente louvado e Salve Maria !

Estou indignado.

E nem poderia ser diferente, diante de tantos acontecimentos que venho presenciando por esses tempos.

Há cerca de um mês assisti a entrevista do Pe Léo no programa do Jô Soares, e confesso: A coisa tá brava!!

Esse padre deu um show de modernismo e até relatou que usou drogas antes do sacerdócio… Fez inûmeras piadinhas de mau gosto, e a pláteia ria e se divertia diante do vigário tão “pop love”…

Segundo ele, passou grande parte de sua vida experimentando drogas e que viveu muito tempo “chapado”. Isso mesmo.

No auge da entrevista e todo emociado e alegre (de certo por ter divertido a platéia), discorreu sobre suas obras literérias, onde destaco que em uma delas, escreveu que um cidadão foi abduzido por uma nave espacial e lá estando, encontrou Nosso Senhor Jesus Cristo, que ficou trocando “umas idéias com ele”… dentro da nave espacial…

Como se já não bastasse as heresias desses movimentos que assolam a Igreja, ainda colocam nosso Senhor numa posição de ET. É lamentável!!

Querido professor Orlando e amigos colaboradores, há que ponto chegamos???

Será que essa pantomima um dia terá fim?

A mídia está infestada desses padres que só querem ser moderninhos para atrair as almas.

Me sinto triste, equivocado e sobretudo indignado.

Um beijo no coração de voces.

Em tempo: esse “padre” é da comunidade canção nova, movimento que considero fonte absoluta de toda essa heresia modernista.

Em Jesus e Maria.

Olegário.

Muito prezado Olegário,
Salve Maria!
 
    Tenho que agradecer, em primeiro lugar, sua atitude corajosa, denunciando os absurdos que esse Padre Leo — que você me informa ser da Canção Nova — e, em segundo lugar, a confiança que deposita em nós.
    O que disse o tal Padre Leo é um escândalo.
    Esses padres carismáticos só querem ter popularidade. Querem aparecer, nem que seja adotando atitudes escandalosas.
    É uma vergonha.
    Esse é, então, um fruto da Canção Nova: o orgulho velho, bem velho no mundo.

In Corde Jesu, semper,
Orlando Fedeli

TAGS

Publicações relacionadas

Cartas: Canção Nova - Orlando Fedeli

Cartas: Pe. Reginaldo Velloso - Orlando Fedeli

Cartas: RCC – Protestantismo na Igreja Católica - Orlando Fedeli

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais