Montfort Associação Cultural

26 de janeiro de 2005

Download PDF

Documento da Santa Sé sobre Vassula Ryden

Autor: Orlando Fedeli

  • Consulente: Ricardo
  • Idade: 28
  • Localizaçao: São José do Rio Preto – SP – Brasil
  • Escolaridade: Superior concluído
  • Profissão: Publicitário
  • Religião: Católica

Caro Orlando Fedeli, Salve Maria!

Estou enviando abaixo o endereço de um site católico, sobre os escritos da vassula ryden pela Sagrada Congregação para a Doutrina da Fé.

Você poderá acrescentar em suas defesas, quando alguém surgir com alguma dúvida sobre essa senhora.

Um grande abraço.

http://www.veritatis.com.br/agnusdei/curia5.htm



A g n u s D e i


SOBRE OS ESCRITOS DE VASSULA RYDEN
Sagrada Congregação para a Doutrina da Fé
06.10.1995

  • Íntegra da notificação sobre os escritos e mensagens de Vassula Ryden dirigida aos Bispos e fiéis católicos em 05 de outubro de 1995 pela Sagrada Congregação para a Doutrina da Fé:


  • Muitos bispos, sacerdotes, religiosos, religiosas e leigos se dirigem a esta Congregação para ter um juízo autorizado sobre a atividade da senhora Vassula Ryden, greco-ortodoxa, residente na Suiça, que está a difundir nos ambientes católicos do mundo inteiro, com a sua palavra e com os seus escritos, mensagens atribuídas a presumíveis revelações celestes.

    Um exame atento e sereno da inteira questão, realizado por esta Congregação a fim de “pôr à prova as inspirações para verificar se provêm verdadeiramente de Deus” (cf. 1Jo 4,1), fez notar – ao lado de aspectos positivos – um conjunto de elementos fundamentais, que devem ser considerados negativos à luz da doutrina católica.

    Além de evidenciar o caráter suspeito das modalidades com que acontecem essas presumíveis revelações, é imperioso ressaltar alguns erros doutrinais nelas contidos.

    Entre outras coisas, com uma linguagem ambígua, fala-se das Pessoas da Santíssima Trindade até confundir os específicos nomes e funções das Pessoas Divinas. Preanuncia-se nessas presumíveis revelações um iminente período de predomínio do Anticristo no seio da Igreja. Profetiza-se em chave milenarista uma intervenção resolutiva e gloriosa de Deus, que estaria para instaurar sobre a terra, antes ainda da vinda definitiva de Cristo, uma era de paz e de bem-estar universal. Anuncia-se, além disso, o futuro próximo de uma Igreja que seria uma espécie de comunidade pancristã, em contraste com a doutrina católica.

    O fato de nos escritos posteriores da senhora Ryden os mencionados erros já não aparecerem, é sinal de que as presumíveis “mensagens celestes” são apenas fruto de meditações privadas.

    Além disso, a senhora Ryden, participando habitualmente nos sacramentos da Igreja Católica, embora seja greco-ortodoxa, suscita em diversos ambientes da Igreja Católica não pouca surpresa; parece pôr-se acima de qualquer jurisdição eclesiástica e de todas as regras canônicas e cria, de fato, uma desordem ecumênica, que irrita não poucas autoridades, ministros e fiéis da sua própria Igreja, colocando-se fora da disciplina eclesiástica da mesma.

    Considerando que, não obstante alguns aspectos positivos, o efeito das atividades exercidas por Vassula Ryden é negativo, esta Congregação solicita a intervenção dos Bispos, a fim de que informem adequadamente os seus fiéis, e não seja concedido nenhum espaço no âmbito das próprias dioceses à difusão das suas idéias. Convida, por fim, todos os fiéis a não considerarem como sobrenaturais os escritos e as intervenções da senhora Vassula Ryden, e a conservarem a pureza da fé que o Senhor confiou à Igreja.

    Cidade do Vaticano, 06 de outubro de 1995.

    Muito prezado Ricardo, salve Maria!

    Agradeço-lhe sobremaneira o envio do importante documento da Santa Sé, prevenindo contra os erros e as pseudovisões de Vassula Ryden.

    Esse documento oficial da Igreja me ajudará muito na defesa da Fé católica contra a infiltração de erros graves e da mentalidade aparicionista.

    Que Deus lhe pague por tão boa cooperação.

    Rogo-lhe que sempre que puder nos ajudar, sua cooperação será muito bem vinda.

    Aproveito ainda o ensejo, para desejar-lhe um Santo Natal.

    In Corde Jesu, semper,
    Orlando Fedeli.

    TAGS

    Publicações relacionadas

    Cartas: Cheiro de Protestantismo no Tradicionalismo - Orlando Fedeli

    Cartas: Quando o Santíssimo pode sair do altar? - Orlando Fedeli

    Cartas: Sacrilégios e heresias em paróquia de Belo Horizonte - Orlando Fedeli

    Para comentar esta publicação

    O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

    Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

    Saiba mais