Montfort Associação Cultural

26 de novembro de 2004

Download PDF

Deus e seus intercessores

Autor: Orlando Fedeli

  • Consulente: Marcel
  • Localizaçao: Serra – ES – Brasil
  • Religião: Católica

Com relação à intercessão dos Santos e de Nossa Senhora ficou muito bem esclarecida minhas duvidas, devido a este excelente Site da Associação cultural Montfort, parabéns, mas ainda pergunto; apesar de ser Católico:

Por que Deus “precisa” de Santos, Intercessores e de Nossa Senhora, já que ELE é ilimitado?

Marcel

Muito prezado Marcel, salve Maria.

Agradeço seus elogios bondosos a nosso site. Reze para que continuemos a ser úteis na defesa de nossa religião, a única verdadeira, a Santa Igreja Católica Apostólica Romana, a única Igreja de Cristo, como salientou a Declaração Dominus Iesus.

Deus absolutamente não necessita de intermediários. Entretanto, Ele quer usar intermediários:

1) porque não convém à suprema autoridade fazer tudo. Como diz Aristóteles, convém que o senhor mande e que o escravo obedeça. Por isso Deus sempre atua através de seus anjos e dos homens.

2) Deus quer utilizar intercessores junto a ele, não porque seja limitado ou necessite absolutamente disso, mas porque quer que os homens se ajudem mutuamente.

Com efeito, Deus poderia salvar cada homem falando-lhe no íntimo da alma. Ele normalmente não faz isso, mas fundou uma Igreja para salvar os homens por meio dela. Assim, se entende porque Ele disse aos Apóstolos: “Ide e ensinai a todos, batizando-os, em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo”. Ele poderia ensinar diretamente a cada um, repito. Não o faz. Ordenou aos Apostolos que ensinem e batizem a todos em seu Nome. Assim, Ele quer nos salvar usando alguns de nós para salvar outros, a fim de que cada homem possa cooperar na salvação de seu próximo. Desse modo, Ele nos permite que exerçamos a caridade de modo mais perfeito, cooperando com a graça de Deus ao fazer apostolado.

Essa participação na obra salvífica de Deus continua mesmo depois da morte, visto que, como já expliquei em outra ocasião, Deus quer nos atender através da súplica dos santos que estão no céu, para que o amor continue a unir os que pertencem à Igreja Triunfante, à Igreja padecente no Purgatório, e à Igreja militante aqui na terra.

Esperando ter esclarecido sua dúvida, me despeço amigavelmente
in Corde Iesu, semper,
Orlando Fedeli.

TAGS

Publicações relacionadas

Cartas: Justiça segundo as Sagradas Escrituras - Orlando Fedeli

Oração e Vida Espiritual: Angelus

Cartas: Proibição de certos instrumentos musicais na Santa Missa - Orlando Fedeli

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais