Montfort Associação Cultural

2 de fevereiro de 2006

Download PDF

Contradições entre Cristo e o Antigo Testamento

Autor: Orlando Fedeli

  • Consulente: Samuel Grego
  • Idade: 25
  • Localizaçao: Limeira – SP – Brasil
  • Escolaridade: Superior em andamento
  • Profissão: Analista/programador
  • Religião: Outras – escreva abaixo

Olá Senhor Orlando Fedeli,

Já lhe escrevi outras vezes para expôr alguns pontos de vista e como sempre uso o site Monfort como fonte de estudo, venho lhe pedir que me ajude a compreender algumas dúvidas. Entre o Catolicismo e Protestantismo eu até consigo levar uma discussão mas recentemente me deparei com uma certa comunidade de Judeus na internet e fiquei perplexo com o que eles dizem. O senhor poderia nos dar uma visão geral desses judeus ? Me parece que existem vários “tipos” de Judeus. Eu estou me referindo aqueles “anti-messiânicos” que não aceitam o novo testamento. Quem são esses Judeus ? 

Lendo os materiais que encontrei, eles tentaram mostrar que Jesus Cristo não é quem diz ser. Por exemplo, li em um “post” que Cristo havia errado ao citar Abitar em (Marcos 2:25-26). Dizem que errou pois não era Abitar o sacerdote e sim AIMELEQUE , como citado em (I Samuel 21). Eu li, porém não pude compreender.

Eis alguma comparações que encontrei onde, segundo esses “judeus anti-messianicos”, dizem que Cristo não estaria de acordo com o “TORAH” :

“Não é bom que o homem esteja só” (Gen 2:18)
“Disseram-lhe seus discípulos: Se assim é a condição do homem relativamente à mulher, não convém casar. Ele, porém, lhes disse: Nem todos podem receber esta palavra, mas só aqueles a quem foi concedido” (Mat 19:10-11)

” No suor do teu rosto comerás o teu pão…” (Gen 3:19)
” Por isso vos digo: Não andeis cuidadosos quanto à vossa vida, pelo que haveis de comer ou pelo que haveis de beber…” (Mat 6:25)

Em outro “post”, a afirmação de que Cristo seria um falso profeta de acordo com ele mesmo :

“Ai de vós quando TODOS VOS LOUVAREM! Por que assim procederam vossos pais com os FALSOS PROFETAS” (Luc 6:26)
“Então Jesus, no poder do Espírito, regressou para a Galiléia, e a sua FAMA correu por toda a vizinhança. E ensinava nas sinagogas, e POR TODOS ERA LOUVADO” (Luc. 4:14-15)

Se fosse escrever tudo o que li sobre esse assunto, acho que não caberia aqui. Outras contradições do tipo :
“…Todas as pessoas da casa de Jacob que entraram em Egito, foram setenta”
(Génesis 46:27).
“e enviando José, fez vir a seu pai Jacob, e a toda seu parentela, em numero de setenta e cinco pessoas”
(atos 7:14)

Como são rápidas as coisas hoje em dia, todas essas afirmações encontrei no “Orkut” em uma comunidade de título “Novo Testamento Desmascarado”. Peço lhe humildemente que me dê uma luz sobre esse assunto. Li e reli muitos posts e não consegui encontrar uma maneira de “rebater” nenhuma das posições que encontrei, então me lembrei do senhor e é ao senhor que recorro. Muitos provavelmente irão ler esses posts e muitos talvez se percam do caminho de Cristo e é por isso que resolvi escrever.

Grato pela sua atenção,
Samuel

Muito prezado Samuel,
salve Maria!
 
    Você deve conhecer os evangelhos e neles, você lê que os judeus perseguiram a Cristo, montavam-lhe ciladas, e, afinal, o crucificaram. É natural, então, que ainda hoje esses judeus ataquem Nosso Senhor e o acusem com calúnias.
    Por exemplo, quando os guardas do túmulo de Cristo fugiram para relatar aos judeus a ressurreição de Crsito, os judeus se reuniram e decidiram o que iam fazer.
“Deram uma grande soma de dinheiro aos soldados, dizendo-lhes: “Dizei: Os seus discípulos vieram de noite, e, enquanto nós estávamos dormindo, o roubaram. Se chegar isso aos ouvidos do governador, nós o aplacaremos e estareis seguros” (Mt ., XXVIII,12-13).

    Esse trecho mostra como os judeus mentiam e como tinham poder sobre o governador romano.

    No caso de Aimelec e de seu filho Abiathar, como é contado pelos judeus, há também falsidade. No capítulo XXI do I livro de Samuel, se conta que Davi fugiu para Nobe, onde o Sumo Sacerdote Aimelec lhe deu os cinco pães da proposição e a espada de Golias. E no capítulo XXII, se conta que Saul, tendo sabido disso, mandou matar Aimelec e toda a sua família e 85 sacerdotes que estavma com ele em Nobe, tendo escapado somente o filho de Aimelec, Abiathar, que fugiu de Nobe para o acampamento de Davi. Portanto, Aimelec não estava sozinho quando recebeu Davi, certamente Abiathar seu filho estava com ele, tanto que fugiu depois para junto de Davi. É o que explica São Tomás de Aquino na Catena àurea ao comentar essa passagem do Evangelho de São Marcos.
    Sobre o celibato, e o homem ser aconselhado a casar, não há contradição alguma, pois que Nosso Senhor louvou o matrimônio e participou das boas de Caná. O Evangelho aperfeiçoa a lei, e, por isso, alguns podem se manter virgens para dedicar-se mais perfeitamente a Deus.
    A mesma explicação cabe para responder ao grosseiro sofisma de que se é obrigado a trabalhar e que esses judeus consideram em contradição com a recomendação de Cristo contra a preocupação com o comer e o vestir. Mesmo trabalhando no campo o homem não deve se preocupar mas confiar em Deus. E os sacerdotes judeus não trabalhavam no campo, e nem ganhavam o seu pão com o suor de seu rosto como os camponeses.
    Cristo era louvado por todos os do povo. Mas os fariseus não O louvavam, mas O caluniavam e armavam-Lhe ciladas para perdê-Lo.
    E assim como as demais “contradições” que são próprias de quem procura pelo em ovo.
    Aconselho-o a não perder tempo com o Orkut que é uma babel eletrônica, onde todo mundo fala e ninnguém se entende.

In Corde Jesu, semper,
Orlando Fedeli

TAGS

Publicações relacionadas

Cartas: Jeová - Orlando Fedeli

Cadernos de Estudo: `Leia a Bíblia?` - Orlando Fedeli

Cartas: Ataque ateu - Orlando Fedeli

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais