Montfort Associação Cultural

5 de janeiro de 2005

Download PDF

Concílio Vaticano II e a crise na Igreja

Autor: Orlando Fedeli

  • Consulente: OI
  • Localizaçao: – Brasil

Se o Concílio Vaticano II é tão herético como , vcs falam, então não teriam já prevalecido as portas do infernos contra a Igreja, já que o ensinamento do concílio já se impregnou em vários textos oficiais da Igreja, em um catecismo, de adesão de fé obrigatória, no ensino oficial e universal da cúria romana ???

Não adianta dizer que vcs devem obediência ao que foi anteriormente proposto pelo magistério, pq o ponto é justamente este: o fato é que mudou,e, que a mudança se impregnou no ensino universal e constante da Igreja, nos tempos posteriores ao concílio. Como pode Jesus permitir que a Igreja e o magistério ensinem universalmente a obediência a diretrizes heréticas ??? A questão não é infalibilidade do papa ou viva o papa, mas sim a infalibilidade da Igreja, que é quebrada em qualquer sentido, aceitando-se ou não o q diz o Vat II…Porque não interessa se foi o magistério ordinário ou o extraordinário; o fato é que em alguma época ele conduziu ao ERRO universalmente e constantemente os fiéis de todo o mundo. Ou pela promulgação do catecismo de trento, ou pela promulgação do Novo catecismo pós-conciliar..è seus católicos, vcs estão mal, hein…A única saída para qualquer católico, que aceite o VatII ou não, é um argumento historicista. Aqueles que não aceitam o Vat II, dizem que e m um período da História(1965-hoje), o magistério ordinário da Igreja pode, no seu ensino universal a todos os católicos do mundo, compactuar com heresias. Isso equivale a admitir que as portas do inferno suplantaram.Veja que o historicismo só é mais dissimulado… Mas quem será apto intérprete desse antigo, já que o magistério hoje mudou suas orientações??? Ninguém. Apelar aos textos antigos equivale a apelar ao proprio livre-exame dos mesmos, já que só o Magistério que hoje os renega “pastoralmente” seria competente para interpretá-los….

Vocês todos dançaram… Vc pode até querer provar que o papa é infalível…Mas não pode justificar que a Igreja falhou em matéria de fé, com cumplicidade do papa…. Vai pescar…

Seu Oi, Salve Maria.

Por que você não se identifica?

Só respondo à sua missiva para fazer bem a outros que lerem esta resposta.

De sua argumentação se depreende apenas que você não crê na Igreja, que você não crê que Cristo prometeu que as portas do inferno não prevalecerão sobre a Igreja, como Nosso Senhor disse a São Pedro.

No fundo, você nega que Cristo seja a Verdade, pois você admite que Ele não cumpriu sua promessa a São Pedro.

Os erros existentes nos textos do Vaticano II foram, de fato, disseminados entre os fiéis, talvez tanto quanto os erros do arianismo e do semi-arianismo no tempo de Santo Atanásio, que tanto os combateu. Uma segunda coisa que se deduz de sua cartinha, atrás de cujo veneno você pouco valentemente se esconde, é que você conhece bem pouco a História da Igreja. Quem bem sabe a História da Igreja conhece quantas crises tremendas ela já venceu, e quantos, no passado, tendo tão pouca Fé como você, acreditaram que ela falhara.

Você esquece ou minimiza que o Vaticano II foi um mero Concílio pastoral que nada ensinou dogmaticamente. O próprio Paulo VI destacou isso. Portanto, sua conclusão de que a Igreja mudou seu ensinamento infalível é falsa.

Aceito seu convite para que eu vá pescar.

Procuro “pescar” almas há cinqüenta anos, como Cristo recomendou.

E você o que faz? Procura turvar as águas claras?

Lembre-se de que Nosso Senhor preveniu que dos peixes colhidos na rede, alguns seriam jogados fora, por não serem bons.

Lamento ter que descartá-lo como peixe desconhecido e com aspecto venenoso. Que pena que você se coloque entre os peixes que não crêem e se rejubilam com a própria ilusão de que a Igreja errou e que, por isso, Cristo teria falhado em sua promessa.

In Corde Jesu, semper,
Orlando Fedeli.

TAGS

Publicações relacionadas

Artigos Montfort: Uma velha heresia perfeitamente atual: o Americanismo - Orlando Fedeli

Artigos Montfort: Mosteiro da Paz declara guerra à Igreja Católica - Orlando Fedeli

Cartas: Tradicionalismo - Orlando Fedeli

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais