Montfort Associação Cultural

2 de dezembro de 2010

Download PDF

Concílio de Latrão citado incorretamente em carta publicada

Autor: Bruno Oliveira

  • Consulente: Mussolini Moret Nunes Tavares
  • Localizaçao: São Gonçalo – RJ – Brasil
  • Religião: Católica

Olá, gostaria de saber de onde vocês tiraram o concílio de Latrão 649 d.C. vide pag: http://www.montfort.org.br/old/index.php?secao=cartas&subsecao=doutrina&artigo=20040729214346&lang=bra que esta falando da Virgindade perpétua de Maria.

Prezado Sr. Tavares, salve Maria,
 
     Muito obrigado pela correção. Na resposta indicadaonde consta “Concílio de Latrão de 649” o correto é “Sínodo de Latrão de 649“. 
     Com intuito de corrigir os eventuais enganos ocorridos segue, logo abaixo, a lista dos concílios e sínodos que ocorreram na cidade de Latrão:
     Conhece-se com a denominação de ”Concílio de Latrão” cinco concílios ecumênicos (ou seja, para toda a Igreja).
  • 1º Concílio de Latrão que ocorreu em 1123
  • 2º Concílio de Latrão de 1139
  • 3º Concílio de Latrão de 1179
  • 4º Concílio de Latrão de 1215
  • 5º Concílio de Latrão de 1517
     Além dos concílios, ocorreram também na cidade de Latrão, sínodos nos anos de 649 (sínodo citado pelo professor Orlando), 1060, 1102 e 1110.
 
     Grande parte dos documentos de todos os concílios e sínodos listados acima, e de muitos outros, podem ser consultados no Denzinger – Compêndio dos Símbolos, definições e declarações de fé e moral. Há várias edições do “Denzinger” sendo a primeira editada em 1854. A edição utilizada aqui foi a 40ª.
     Se diz Denzinger pois esse é o nome do seu autor, Heinrich Denzinger (1819 – 1883) teólogo que também estudou filologia, matemática e filosofia. Na introdução já da primeira edição Denzinger declara:
 
Entre os muitos males com que a situação desfavorável afeta os centros católicos de ensino, os estudos de teologia sofrem principalmente de que muitos desconhecem ou negligenciam os chamados documentos positivos da fé e da moral, sancionados pela autoridade da Igreja, e confiam demais em sua própria razão” – palavras incrivelmente atuais.
 
 
     Salve Maria.
 
 
In Corde Jesu, semper, 
Bruno Oliveira

TAGS

Publicações relacionadas

Cartas: Jesuitas - Orlando Fedeli

Cartas: Data do Natal - Orlando Fedeli

Cartas: Aparições de Nossa Senhora na França - Orlando Fedeli

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais