Montfort Associação Cultural

13 de janeiro de 2012

Download PDF

Como se forma o caráter do homem?

Autor: Orlando Fedeli

  • Consulente: Jose Juliano
  • Localizaçao: São José dos Campos – SP – Brasil
  • Escolaridade: Superior em andamento
  • Profissão: Estudante
  • Religião: Católica

Caros amigos, Salve Maria
Com relação ao livre arbitrio do homem, mais a doutrina de Duns Scoto, segundo a qual Deus imprimiria arbitrariamente no intelecto humano conhecimento sobre algo que materialmente não existe, pergunto: O caráter do ser humano é formado com base na educação que recebe, ou seu caráter já está pré definido desde a sua concepção?

 ps. entendo por caráter o senso de certo e errado, e mesmo a moral que orienta o homem a agir dessa ou daquela maneira, agindo conforme o bem e a justiça, ou contrário a eles, numa atitude escupulosa ou inescrupulosa.

Desde já obrigado,
Nossa Senhora Auxiliadora dos Cristrãos, rogai por nós.

                 Data:     16.12.2008

 
Muito prezado José Juliano,
Salve Maria.

     Você está confundindo caráter psicológico com livre arbítrio. O caráter psicológico com que nascemos é fixo, mas ele não nos toma a liberdade. Deus nos deu livre arbítrio e nos dá as graças suficientes e necessárias para agirmos bem, livremente. Isso é um dogma da Igreja.
     A educação que recebemos pode nos ajudar mas, continuamos livres para agir bem ou mal.
     É certo também que Deus imprimiu em nossa alma o conhecimento da lei natural. Sempre que agimos contra a lei natural, nossa consciência nos acusa imediatamente.

     Que Deus lhe conceda um santo Natal.

In Corde Jesu, semper,
Orlando Fedeli

TAGS

Publicações relacionadas

Notícias e Atualidades: O amor infinito do Espírito Santo não nos abandona

Oração e Vida Espiritual: Quinta Feira depois de Cinzas – Próprio da Missa

Artigos Montfort: A pseudo oração da paz que São Francisco nunca escreveu - Orlando Fedeli

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais