Montfort Associação Cultural

11 de julho de 2006

Download PDF

Como animar os jovens da paróquia?

Autor: Marcelo Fedeli

  • Consulente: Valéria Souza
  • Idade: 21
  • Localizaçao: Fortaleza – CE – Brasil
  • Escolaridade: 2.o grau concluído
  • Profissão: Atendente
  • Religião: Católica

A paz de nosso Senhor Jesus,
Bom minha duvida é: Como animar os Jovens e Adolescentes que atuam no serviço da Liturgia na Paróquia? Pois eles não servem mais por amor e muito menos por Zelo e sim mecanicamente!
Como faço p/dinamizar nossas reuniões?

Obrigago,aguardo resposta….
Valéria Souza

Prezada Valéria, salve Maria!
 
Em primeiro lugar será preciso tirar da cabeça a concepção de que “Paróquia” e vida espiritual é mesma coisa que “auditório de Televisão”  

A Paróquia  não é auditório de Televisão!… A Paróquia não é CIRCO!…
 
A Paróquia não precisa de “animadores”, mas de católicos de fato, ou seja, de pessoas que realmente querem conhecer e amar a Deus e ao próximo por amor de Deus.
 
A Paróquia precisa de pessoas que querem conhecer a doutrina da Santa Igreja, praticá-la e depois ensiná-la aos outros. Pessoas que querem estudar  os Mandamentos, os Sacramentos, todo o Catecismo, os Evangelhos, a História Sagrada, as encíclicas papais, a História da Igreja. Pessoas que querem entender a situação atual da Igeja no mundo e ver como ela está sendo perseguida como jamais fora no passado, para poder ver bem claramente porque Deus nos chama hoje e qual deverá ser a nossa função dentro dessa verdadeira batalha. Para isso nós nascemos!… Para isso Deus nos criou!.. Deus nos criou para Ele, para as coisas santas, para o que há de mais elevado possível!… Assim, cada um de nós, e toda a Paróquia, tem um grande e sério papel neste momento para o qual deveremos um dia prestar contas a Ele!…
 
Além disso è preciso estudar as heresias de hoje para melhor combatê-las, como o RELATIVISMO RELIGIOSO, que afirma que não há UMA IGREJA VERDADEIRA, mas que todas igulamente levam a Deus, tese sempre condenada pela Igreja e com bastante ênfase também pelo Papa Bento XVI. 
 
É preciso mostrar aos jovens que a vida de católico é de sacrifício, que eles nasceram para a CRUZ e não para o PRAZER desregrado e que, se preciso, devemos morrer para defender qualquer verdade da Santa Igreja, fundada por Nosso Senhor Jesus Cristo.
 
É isto que atrai as pessoas e não o que vemos, infelizmente, em muitas paróquias no Brasil: uma religiosidade sentimentalóide e vazia de doutrina! …Você deve conhecer um monte delas… com muitos “animadores” cantando musiquinhas terríveis, com letras tontas, quando não heréticas. Veja os frutos que tais “animadores” dão… e julgue, como Nosso Senhor nos recomendou: “Pelos frutos os conhecereis”…
 
Nosso Senhor não escolheu 12 “animadores”, mas 12 apóstolos que levaram a Sua santa doutrina, os Seus santos ensinamentos para todos os povos e conveteram o mundo, até  com os méritos do martírio. Nosso Senhor mandou: “Ide e ENSINAI” e não ” Ide e ANIMAI ! “…
 
Minha cara Valéria, prometo rezar todos os dias pelo seu apostolado. Procure inicialmente estudar a doutrina da Igreja e reze (e ensine a rezar) o TERÇO, todos os dias, conforme Nosso Senhora de Fátima pediu e você verá como o seu apostolado produzirá bons frutos pois se fundamenta na oração, na humildade e no verdadeiro amor ao próximo, ou seja, querer o maior  bem ao próximo, isto é, querer que o próximo ame e respeite a Deus, querer a salvação eterna das almas que lhe estão próximas. E lembre-se sempre: não somos nós que convertemos as pessoas, mas a graça de Deus que, em geral, se utiliza do nosso apostolado, das nossas orações, dos nossos sacrifícios, porque assim Ele quer, assim Ele estabeleceu. Os méritos são sempre de Nosso Senhor Jesus Cristo, que nos redimiu dos nossos pecados no Calvário!.. Nosso dever é a oração e o bom exemplo.
 
No site do Vaticano (www.vatican.va ) há uma grande quantidade de documentos do magistério da Igreja para seu estudo. No site da MONTFORT também você pode encontar outros documentos e ensinamentos da Igreja, sempre úteis e atuais para o apostolado.
 
Escreva-nos sempre e nos dando notícias do seu apostolado, voltado para a maior glória de Deus e para a salvação das almas
 
Que Deus a abençoe por esse seu zelo.
 
In corde Iesu semper
Marcelo Fedeli

TAGS

Publicações relacionadas

Artigos Montfort: Milagres Eucarísticos - Pedro Zucchi

Oração e Vida Espiritual: Oração Universal

Oração e Vida Espiritual: Credo de Santo Atanásio

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais