Montfort Associação Cultural

18 de maio de 2012

Download PDF

Bispo canadense demitido do estado clerical por posse de pornografia infantil

Site da Conferencia dos Bispos Católicos do Canadá 

Em 4 de maio de 2011, o então bispo Raymond Lahey se declarou culpado perante um tribunal civil de uma acusação de posse de pornografia infantil. Ele foi condenado sob a lei civil em 4 janeiro de 2012. Restava à Santa Sé aplicar os procedimentos canônicos previstos em um caso como este, para determinar sanções disciplinares ou penais a serem impostas. A Santa Sé acaba de informar a Conferência dos Bispos Católicos do Canadá que Raymond Lahey foi excluído do estado clerical. Em virtude do Canon 292 do Código de Direito Canônico, a perda do estado clerical tem as seguintes consequências: perda de direitos e obrigações próprias do estado clerical, com exceção da obrigação do celibato; proibição de exercer qualquer forma de ministério, salvo em caso de perigo de morte, conforme o Canon 976 do Código de Direito Canônico, a perda de todos os cargos e funções e de qualquer autoridade delegada, e proibição de usar o hábito clerical. Raymond Lahey aceitou o decreto de demissão,  que lhe impõe também recitar a Ofício das Horas em reparação pelo dano e o escândalo causados e pela santificação do clero.

16 de maio de 2012

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais