Montfort Associação Cultural

3 de junho de 2015

Download PDF

Anunciada Desde Já a Peregrinação Summorum Pontificum a Roma para o Ano Santo de 2016

 

Comunicado do Coetus Internationalis Summorum Pontificum

4 de junho de 2015 – Festa de Corpus Christi

 

Outubro de 2016:

Dom Sample em Roma, com o povo Summorum Pontificum pelo Ano Santo da Misericórdia

Em 2016, a Quinta Peregrinação Summorum Pontificum ao túmulo do Apóstolo coincidirá com o encerramento do Ano Santo da Misericórdia, decretado por nosso Santo Padre Francisco.

 

Neste dia da festa do Santíssimo Sacramento, o CISP se sente feliz em anunciar a todos os peregrinos que Dom Alexander K. Sample, Arcebispo de Portland, aceitou desde agora se unir a eles para guia-los ao longo dessa peregrinação e de atravessar com eles a Porta Santa.

 

O CISP agradece a Sua Excelência pela sua disponibilidade e lhe oferece ardentes orações, suas e de todos os peregrinos, por seu apostolado e seus fiéis em Portland.

 

***

 

INFORMAÇÕES PARA 2016

Como a Sé de Pedro atrairá para o Ano Santo ainda mais peregrinos do que de costume, o Coetus Internationalis Summorum Pontificum fixou desde já as datas de sua Peregrinação 2016, a fim de ajudar os fiéis que vivem mais distantes a se organizar a partir de agora para reservar um alojamento no centro de Roma: como de costume, a Peregrinação acontecerá por ocasião do fim de semana da Festa de Cristo Rei, ou seja, da quinta-feira dia 27 até o domingo, 30 de outubro de 2016.

 

***

 

NOTA SOBRE 2015!

A quarta edição da Peregrinação do Povo Summorum Pontificum a Roma acontecerá da quinta-feira 22 ao domingo 25 de outubro de 2015. A peregrinação será aberta, como todos os anos, por Vésperas Pontificais na igreja da Paróquia Pessoal da Santíssima Trindade dos Peregrinos e se encerrará pela celebração na mesma igreja da Festa de Cristo Rei, no domingo 25 de outubro de 2015.

 

“A peregrinação é um sinal peculiar no Ano Santo, enquanto ícone do caminho que cada pessoa realiza na sua existência. A vida é uma peregrinação e o ser humano é viator, um peregrino que percorre uma estrada até à meta anelada. Também para chegar à Porta Santa, tanto em Roma como em cada um dos outros lugares, cada pessoa deverá fazer, segundo as próprias forças, uma peregrinação. Esta será sinal de que a própria misericórdia é uma meta a alcançar que exige empenho e sacrifício. Por isso, a peregrinação há-de servir de estímulo à conversão: ao atravessar a Porta Santa, deixar-nos-emos abraçar pela misericórdia de Deus e comprometer-nos-emos a ser misericordiosos com os outros como o Pai o é conosco”.

Papa Francisco, Bula Misericordiae Vultus

 

***

Delegados nacionais:

 

 

> Polônia: Kasia Gajos, pl.sumpont[at]gmail.com

> Alemanha: AnneMarie Wimmer, de.sumpont[at]gmail.com

> França: Jean-Vincent Gaiffe, fr.sumpont[at]gmail.com

 

> Hungria: Bertalan Kiss, hu.sumpont[at]gmail.com

> Brasil: Lucia Zucchi, br.sumpont@gmail.com

> Dinamarca: Gideon Ertner, dk.sumpont[at]gmail.com

 

***

 

Contato com a imprensa:

orga.cisp[at]mail.com

unacumpapanostro.com

 

Populus Summorum Pontificum no Facebook:

#sumpont2015

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais