Montfort Associação Cultural

18 de julho de 2005

Download PDF

Adão e Eva existiram?

Autor: Fábio Vanini

  • Consulente: Alvaro Mendes
  • Localizaçao: Rio de Janeiro – RJ – Brasil
  • Escolaridade: Superior concluído
  • Profissão: Bancario
  • Religião: Católica

Oi pessoal da Monfort, tudo bem???
Gostaria de parabeniza-los pelos seus trabalhos nesse site, muitas das minhas duvidas sobre a religião catolica eu consegui solucionar por aqui! Este sitio é uma fonte de cultura incrivel, estão de parabens!!
Houve uma discussão aqui no trabalho sobre Adão e Eva e a teoria da evolução, dois evangélicos e um ateu expuseram seus pontos de vista e eu fiquei sem saber informar qual a posição catolica sobre o assunto!
Os evangélicos disseram que adao e eva foram de fato os primeiros humanos e que abraão era a terceira geração deles…
O Ateu falou maravilhas sobre a teoria da evolução…
Eu concordo muito com o ateu, a teoria da evolução é muito fechada, praticamente perfeita…
Eu pensei… como acreditar em adão e eva quando se tem fósseis de 2 milhões de anos atrás de ancestrais humanos???
Pra completar, ouvi a muito tempo de uma freira que adão e eva era uma parabola e q não existiram realmente, justificando assim a teoria da evolução…

Logo, qual é a posição da igreja sobre adão e eva? e sobre a teoria da evolução? Não seria muito fanatismo negála? em algum lugar deus disse q as especies não evoluiriam????

Obrigado!!!

Prezado Álvaro, salve Maria!

Ficamos imensamente felizes em saber que o site Montfort tem lhe feito bem. Deus lhe pague a boa
vontade de se instruir conosco. A Montfort é apenas um miserável marinheiro da nau potentíssima e
incorruptível da Igreja Católica.

Quanto a seus questionamentos: é natural que, diante da posição protestante sobre como se interpretar o
Gênesis, aqueles que tem algum bom senso logo vêem que há uma distância muito grande do que diz a ciência. É um absurdo dizer que Abraão foi a terceira geração de Adão e Eva. Também o mundo não foi criado em sete dias de 24 horas, nem tem apenas 6000 anos. Aos que, por bom senso, se recusam a aceitar a interpretação protestante, os maus apresentam algo mais atraente, com aparência de profundo e “comprovadamente” verossímil: o evolucionismo.

No entanto, a posição católica é contrária à teoria da evolução das espécies, em qualquer uma de suas
variações. Não somente porque ela é negada pela Bíblia e pela Fé, mas também por ser uma falsidade
científica.

Nesse site, você poderá encontrar muitos argumentos contrários à evolução das espécies. Mas é necessário que se compreenda que o evolucionismo, na verdade, é uma aplicação na ciência da doutrina panteísta. Sobre o panteísmo, há muitas informações também nesse site. De fato, a Bíblia traz textos claros contra a evolução das espécies. Por dez vezes, Deus fala, no Livro do Gênesis, que, após criar os seres vivos, estes davam descendentes segundo sua espécie ou davam sementes segundo sua espécie. Ora, não é, na natureza, assim? É tão simples: toda prole é da espécie dos parentais.
Logo, não há mudança de espécie. Nem a gradual, nem a “descendência com modificação” de Darwin. É claro que estou simplificando um tanto. Você poderá encontrar mais informações, conforme seu interesse, em outras cartas e artigos.

Quanto à existência de Adão e Eva, recentemente foi publicado no livro “As sete filhas de Eva” (Bryan
Sykes) que é necessário, por conclusão da análise de DNA mitocondrial de mulheres de várias partes do
mundo, que todas as pessoas tenham uma só mãe, como ancestral comum. E essa mãe tem que ser humana. Isso acaba com o poligenismo humano, que deu origem às ideologias racistas.

Se pensarmos no crescimento populacional, temos que concluir, já que o tamanho da população vai aumentando ao longo do tempo, que todos os humanos descendem de um só casal. E que esse casal fora criado por Deus, por ser o primeiro e por não ser possível a evolução.

Também sabemos, pela Química e pela Biologia, que tudo o que há de matéria em nós, há na terra. Portanto, não é nem um pouco absurdo dizer que o homem é terra, como a de que Adão foi feito.
Quanto às gerações narradas no Gênesis, se referem aos patriarcas da humanidade, mas não necessariamente a toda a genealogia. Assim, se se diz que Cristo é “filho de Davi”, Nosso Senhor não é da segunda geração de Davi, mas apenas descendente. Portanto, a idade do homem é centenas de vezes maior do que querem os protestantes.

Também os fósseis humanos mostram isso, ainda que 2 milhões de anos talvez seja um tempo um pouco
exagerado. Contudo, essa data é incerta e muito maior do que de 6000 anos atrás. O que há, sim, é que os ancestrais dos humanos encontrados fossilizados também eram humanos. Leia mais sobre isso no caderno sobre evolucionismo nesse mesmo site, inclusive sobre as fraudes nos “hominídeos”.

Essa freira, que lhe ensinou que Adão e Eva são apenas uma parábola, mentiu. É claro que a narração do
Gênesis traz muitos símbolos e analogias para uma compreensão mais elevada. Mas é uma narração e os
eventos se deram como está lá, embora não se possa ler o Livro do Gênesis como se lê um livro descritivo de biologia. Deus tenha piedade dessa freira, mas ela quer que se acredite que o homem é apenas um macaco mais esperto, de polegar oponente? Haja fé…

Mesmo que pareçam contrárias as posições do ateu e dos protestantes, quando se trata de atacar o catolicismo eles estão unidos. Negar a realidade é uma maneira disso e o católico deve estar sempre preparado para, ao fugir do fogo, não cair na frigideira.

No Coração de Maria Santíssima,
Fábio Vanini

TAGS

Publicações relacionadas

Cartas: Mutações e Evolução - Fábio Vanini

Cartas: Dinossauros e o Homo sapiens - Fábio Vanini

Cadernos de Estudo: Evolucionismo: dogma científico ou tese teosófica? - Fábio Vanini

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais