Montfort Associação Cultural

30 de maio de 2006

Download PDF

Absurdos no folheto da Missa

Autor: Orlando Fedeli

  • Consulente: Saulo M. Filho
  • Idade: 33
  • Localizaçao: Fortaleza – CE – Brasil
  • Religião: Católica

Caros membros da Montfort,

Salve Maria!

Tomo a liberdade de reproduzir algo que me chamou atenção no jornalzinho da missa do Domingo da Ascensão, dia 28 de Maio, na parte da Oração da Comunidade. O trecho abaixo faz parte do jornalzinho “Deus Conosco”, número 26, publicação da Editora Santuário, de Aparecida do Norte/SP:


ORAÇÃO DA COMUNIDADE

(Os trechos grifados com palavras maiúsculas são meus)

“Pres.: Neste dia em que celebramos a subida de Jesus para o Pai, elevemos a Deus nossa prece, suplicando-lhe a UNIDADE E COMUNHÃO ENTRE CRISTÃOS.

1. PARA QUE A IGREJA SUPERE SEU FECHAMENTO E SE ABRA AO DIÁLOGO COM OUTRAS IGREJAS CRISTÃS, PROMOVENDO A PAZ E A COMUNHÃO ENTRE OS DISCÍPULOS(AS) DE JESUS, REZEMOS AO BOM DEUS.
ASS.: DAI-NOS, SENHOR, O ESPÍRITO DA UNIDADE!

2. PARA QUE TODOS OS CRISTÃOS ASSUMAM A LUTA PELA JUSTIÇA E PELA PAZ COMO EXIGÊNCIA DO REINO DE DEUS, rezemos ao bom Deus.

3. PARA QUE ESSA SEMANADE ORAÇÃO PELA UNIDADE DOS CRISTÃOS, QUE INICIAMOS HOJE, CONDUZA AS IGREJAS CRISTÃS À RESPONSABILIDADE E AO COMPROMISSO COM A DEFESA DA VIDA E DA LIBERDADE rezemos ao bom Deus.

4. PARA QUE NOSSAS COMUNIDADES SUPERE AS DISPUTAS INTERNAS E QUE TODOS OS TRABALHOS CONCORRAM PARA A UNIDADE DA IGREJA, rezemos ao bom Deus.

5. PELOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL, PARA QUE TRANSMITAM AO POVO A VERDADE E ASSIM O AJUDEM A FORMAR SUA CONSCIÊNCIA NO RESPEITO À DIGNIDADE HUMANA DE TODOS OS POVOS E NAÇÕES, rezemos ao bom Deus.

Pres.: Deus, nosso Pai, acolhei nossa súplica e DAI-NOS O ESPÍRITO DA UNIDADE, PARA QUE NOS ESFORÇANDO NA SUPERAÇÃO DOS CONFLITOS POSSAMOS REUNIR TODOS OS VOSSOS FILHOS E FILHAS NO öNICO REBANHO DE CIRSTO. É o que vos pedimos, PELO MESMO CRISTO, Senhor nosso.
Ass.: Amém
.


Estou perplexo. Algum comentário a fazer?

Atenciosamente,

Saulo M. Filho

Muito prezado Saulo ,
Salve Maria.

    Quanta razão tem você em ficar perplexo!
    Quantas tolices e quantas heresias se imprimem nesses folhetos de missas. Há tantas bobagens e erros nesses folhetos quantas profanções há nessas Missas pós conciliares com reco-reco, cuícas, baterias e guitarras estonteantes num anticulto profanador como disse o cardeal Ratzinger, agora Papa Bento XVI. Tomara que o papa acabe logo com essa fuzarca profanadora nas missas e com as heresias nesses folhetos.
    O folheto dominical ecumênico que você me envia comprova quanta divisão existe hoje na Igreja. O ecumenismo não só não converteu ninguém, como dividiu os católicos. Não há, hoje, duas paróquias com a mesma missa. Não há dois grupos ditos católicos com a mesma fé. Não há padres de um mesmo movimento que se entendam. Contaram-me que os padres de um conhecido movimento da RCC, em público, se apresentam com o blá- blá – blá que eles chamam de dom línguas, mas que nos bastidores, disputando quem deve aparecer diante das câmeras de TV, exibem os “dons” dos palavrões.
    Nos folhetos de Missas, assim como nos cânticos de Missa, parece haver o concurso das tolices e dos erros teológicos.
    O que prova o texto que você manda é como, defendendo e pedindo a uniião ecumênica, se confessa, sem perceber, quanta desunião existe hoje entre os paroquianos.
    Logo no primeiro pedido se acusa a Igreja de ter um “FECHAMENTO” e de não ter PAZ.
    O pedido 2 é para que todos ajudem a fazer a revolução, que chamam de Justiça. Aliás, ainda há pouco se soube que o PCC tem por lema PAZ, JUSTIÇA E LIBERDADE.
    Até parece que o PCC foi escolado por Frei Betto e pelo ex Frei Boff!
    E a LIBERDADE é o que se pede no número 3.
    No número 4 se confessa que ha disputas entre os seguidores do Concílio Vaticano II e que não existe mais unidade nem nas paróquias.
    No número 5 se pede que os MEIOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL TRANSMITAM A VERDADE.
    Ora, o pobre autor desse folheto contraditório se esqueceu que Cristo incumbiu a Igreja de transmitir a verdade e não a Mídia.
    O ”Ide e ensinai“, Cristo o disse para os Apóstolos e seus sucessores, e não para os jornalistas, que normalmente não acreditam que exista a Verdade. Os jornais, diz-se, publicam a MENTIRA DO DIA. Por exemplo, que o Lula tem 43 % dos votos do país, e que há ética na política e há “virtudes republicanas” em nossa Democracia.
    O autor dessas miseráveis orações nesse contraditório folheto de Missa não sabe que só exiate união na Verdade, e que no subjetivismo só existe a união dos maus no ódio á única Verdade.

In Corde Jesu, semper,
Orlando Fedeli

TAGS

Publicações relacionadas

Notícias e Atualidades: Paulo VI será declarado beato?

Artigos Montfort: Una Voce America entrevista Ken Jones, autor do Index of leading catholic indicators

Artigos Montfort: IPCO – Os Zumbis voltam à cena - Alberto Zucchi

Para comentar esta publicação

O site Montfort não permite a inclusão de comentarios diretamente em suas publicacões.

Para enviar comentários, sanar dúvidas, obter informações, ou entrar em debate conosco, envie-nos sua carta.

Saiba mais